quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

"Quero sentir a leveza"

Quero sentir a leveza
Quais borboletas nas flores
Abertas lindas  cheirosas
Expostas  às mais lindas cores
Mostrando sua pureza
Com as asinhas fininhas
Frágeis, de pouca firmeza...
Quero ser eu…a borboleta
E pousar de flor em flor
Poder cheirar o aroma
Puro  fresco, de alecrim
Deixar marca no botão
Ou na sua flor aberta...
Quero saltar para o sol
Sorrir à felicidade
Confortar o coração...
Queria voar  assim
E sentir o aconchego
Da flor e da pureza
Ser a tua borboleta
E ver-te sorrir para mim
 E sentir toda a leveza!

******
Cidália Ferreira


23 comentários:

  1. Adorei seu blog e os textos

    se puder da uma olhadinha no meu novo vídeo, por favor http://www.youtube.com/watch?v=sb18zumOm3E

    http://cositas-feminina.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  2. Muito bacana esse texto. Li e reli varias vezes...

    ResponderEliminar
  3. Bom dia querida amiga !
    Quando lembro de borboletas, logo vem a ideia de leveza. Esse teu lindo poema, é a leveza nessa manhã agradável que se inicia aqui no Brasil. Parabéns mais uma vez. Gostei muito !

    Bjs,
    Fique na paz,
    Dan
    http://gagopoetico.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Essa leveza todos queremos e merecemos sentir! Linda poesia! bjs,chica

    ResponderEliminar
  5. Adoro borboletas e gostei do seu poema.

    Mas, neste momento triste do país, a minha alma está muito pesada...

    beijinhos, linda

    ResponderEliminar
  6. Amiga com certeza eu também quero sentir essa leveza amei
    a poesia, tenha o dia abençoado.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  7. Elas são lindas,e coloridas,e trás com elas a leveza.
    Adorei seu poema,lindo!!
    Bom dia Cidália,beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. A leveza das borboletas,deixam-nos sentir como elas,
    esvoaçando asas em liberdade.
    Lindo poema.
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  9. a leveza do poema e a alegria no ar.

    muito positivo!

    beijos

    :)

    ResponderEliminar
  10. As borboletas parecem pétalas de flores a voar. Haverá leveza maior?...Tal como o teu poema, leve, solto e perfumado de alecrim.
    Muito bonito.
    xx

    ResponderEliminar
  11. Sorte das borboletas que podem sentir a leveza, Cidália passando pra desejar uma ótima quinta-feira pra você fique com Deus beijos.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  12. Que a leveza dos teus sonhos sejam sempre tão leves como é leve a pureza da tua alma - espelho do teu bonito coração.

    Beijo

    ResponderEliminar
  13. Oi Ci

    A borboleta é como vc, delicada.
    Voe voe muito e conquiste os seus grandes sonhos.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  14. Poema lindo e delicado!
    bjs.
    Feliz Quinta feira

    ResponderEliminar
  15. Olá Cidália
    Linda poesia. Desejo um belo dia querida.

    ResponderEliminar
  16. Muito aprecio as borboletas e a sua esbelta beleza.
    Este poema traz-nos o perfume da Primavera.....Obrigado amiga
    Adorei !!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  17. Oi Cidália
    Linda demais
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  18. Oi tia Cidália
    Obrigada pelo carinho
    Beijinhos
    Mundo dos Inocentes

    ResponderEliminar
  19. Querida Cidalia
    Que poema tao lindo! Tao leve!
    Comparar-se a borboletas para ir de flor em flor! Nao ha nada mais poetico!
    Linda e a inspiraçao que se bebe na Natureza!
    Muitos parabens por este poema.
    Beijinhos
    Beatriz

    ResponderEliminar