terça-feira, 8 de junho de 2021

Não desejo ser a deusa do teu mar


 ****
Desejo tanto daquela maresia
Como de alimento para minha alma
Que a recebe faminta, feliz
Se deixa levar pelo som das ondas,
E num vaguear pelo infinito
Sinto um arrepio, um louco desejo
De querer viajar sem destino
Para longe que fosse, por um só dia
*
Não desejo ser a deusa do teu mar
Mas desejo se amada como o vento
Se este vento, num sussurro lento
Me disser, estou de volta para te amar
*
Desejo, de um areal perfumado a sal
A rochas brilhantes
O céu matizado, sem tempestade,
A candura das ondas a meus pés
Provocam-me na mente um arrepio,
O desejo, a avidez, alegria de estar
Sentindo a brisa em meu rosto carente
Tantas vezes, num silêncio colossal.

****
Cidália Ferreira

48 comentários:

  1. ¡Precioso poema, mi querida amiga!
    Es un placer leerte.
    Cariños.
    Kasioles

    ResponderEliminar
  2. Dueña del mar y señora, preciosas letras y me encanta la imagen. Un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
  3. Desejos de amor, num poema cheio de sentimento.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  4. Entre ser a Deusa do mar de alguém e ser amada , querida, desejada, sem dúvida eu fico com a segunda opção.... Risos.
    Muito muito bom poema querida amiga. Parabéns!
    Que a nossa semana seja de alegrias e realizações felizes!!
    Beijo terno.

    ResponderEliminar
  5. Poema fascinante que me deliciou ler. Quando a " sangue" do sentimento viaja através das veias do coração, acontece o poema perfeito
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  6. Belo e intenso poema, amiga Cidália.
    Gostei muito.
    Beijos
    Olinda

    ResponderEliminar
  7. Sempre lindas tuas inspirações,Cidália! beijos, ótima semana,chica

    ResponderEliminar
  8. tb nao gosto de ser deusa de ninguém, prefiro ser algo mais realista e menos idealizado. beijos, pedrita

    ResponderEliminar
  9. Sim, o melhor é não querer ser deusa, mas desfrutar de todas as belezas do mar.
    Um beijinho e um dia feliz.

    ResponderEliminar
  10. Lindo poema que traz o mar com seus devaneios. Boa semana.

    ResponderEliminar
  11. Poema romântico, sensível e intenso!
    Beijos no coração!

    ResponderEliminar
  12. Ser deusa é, efectivamente , complicado e exigente!

    Beijinho, Ci, linda senana

    ResponderEliminar
  13. Linda poesia.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  14. Bom dia, Cidália
    Lindo poema, bjs querida.

    ResponderEliminar
  15. Um poema belíssimo, sentido e profundo!...
    Saudades do mar!... Mas ainda não será este ano, que me aventuro por sítios muito concorridos... a pandemia, continua demasiado presente ainda...
    Um beijinho! Votos de uma feliz semana, Cidália, estimando que tudo esteja bem, aí desse lado!
    Ana

    ResponderEliminar
  16. Boa tarde Cidália,
    Gostei muito deste poema.
    Lindo!
    Beijinhos e uma boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  17. Belíssimo cheio de sensibilidade, gostei imenso.
    Boa semana, amiga Ci.
    Beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  18. Lindo poema!
    Parabéns Cidália, pela sensibilidade e beleza criativa.
    Beijo, boa semana.

    ResponderEliminar
  19. O mar é muito inspirador!
    Boa semana, beijinhos!

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  20. Um poema onde o desejo, é mar e amor.
    Belo momento de poesia.

    Um beijinho, Cidália.

    ResponderEliminar
  21. Olá, querida Cidália. Bela inspiração, bela imagem.
    O que vale mais amar o mar ou possuir o amor da pessoa desejada.
    Um poema onde a poesia está inteira em seus versos.
    Belíssimo e inspirador poema. Abraço!

    ResponderEliminar
  22. Mais um Belo poema! :-)
    Parabéns, Cidália!
    Boa noite!
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  23. Um poema muito bonito, Cidália. Adorei.
    Abraço, saúde e boa semana

    ResponderEliminar
  24. Baseado no desejo daquela maresia,
    aquela deusa do mar tão alta vejo
    um belo poema escreveu a poetisa
    para a qual uma boa noite desejo!

    ResponderEliminar
  25. Um sentir, um ensejo, um desejo...
    Assim é a vida para quem lhe queira entender as entrelinhas, Cidália.
    Gostei, pois é claro.

    Abraço :)

    ResponderEliminar
  26. Que belo poema

    Beijinhos de boa e santa noite

    ResponderEliminar
  27. Já dei umas braçadas em águas salgadas,
    mas se não serve para navegar por conta
    da tempestade, serve para inspirar os
    poetas que eu gosto, como inspira a ti,
    minha amiga Cidália. (Agora, vem cá!
    Quem não gosta do vento, que sopra as
    velas do barco, molhando com aquela
    maresia a cara da gente? Bela poesia.
    Beijos e beijos.

    ResponderEliminar
  28. Um excelente poema, bela imagem.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  29. Estar de frente para este mar, alimentar pensamentos tantos, que nos enlevam e vem uma brisa tocar o rosto, uma onda leve roçar os pés e se sentir deusa dos quereres.
    Uma bela poesia cheia deste mar que tanto inspirar amar.
    Belíssimo trabalho Cidália.
    Beijo e boa semana na leveza da brisa.

    ResponderEliminar
  30. Pelo andar da carruagem vai ser mais um ano sem ver o mar.
    Irritante!
    Bjs

    ResponderEliminar
  31. Mais um bonito poema que vim cá conhecer.

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  32. Lindo o poema e quando fala de mar mais bonito ainda um bjo

    ResponderEliminar
  33. Mais um extraordinário poema de amor!!!
    Que o seu dia seja muito feliz!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  34. Oi querida poetisa Cidália Ferreira o meu carinho e gratidão por compartilhar tão lindo poema , amei ler ...
    Com carinho sempre feliz semana de muita luz !
    Bjinhos🙏💝💐

    ResponderEliminar
  35. Poema delicado e cheio de amor.
    Bem escrito!
    Beijinhos amiga Ci.
    ;)

    ResponderEliminar
  36. Olá, querida amiga Cidalia!
    Ah! O mar que nos faz amar e encantar.

    "Este vento, num sussurro lento
    Me disser, estou de volta para te amar".

    Lindo demais!
    Como uma deusa, o Amor me mantém.
    Seja feliz e abençoada!
    Beijinhos fraternos de paz e bem

    ResponderEliminar
  37. Que lindo poema que encanta com esta deusa do mar!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  38. Palavras plenas de amor num belíssimo poema.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  39. Muito belo, Cidália. Mutito belo!

    Continuações de ótimas inspirações. Beijinhos
    ~~~~~~

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘