terça-feira, 20 de outubro de 2020

Quão cinzenta é a vida ...

 

****
Há uma tempestade que se aproxima
Pelo calor que se sente
Da desconfiança, medo de acreditar
Que o tempo poderá mudar
Numa anunciada ventania, estranha
Sacudindo tudo, ferozmente
Deixando no ar uma certa melancolia
*
O céu mostra nas cores um estranho matizado
Há uma tristeza invade toda a minha alma
Que se esconde entre silêncio e solidão
Porque é difícil controlar a emoção
Tudo fica numa alvoroçada tristeza
Tudo é revolta, e nada me acalma
Sinto-me sozinha no meio das entrelinhas
*
E ao ouvir cair a chuva nos beirais
Observo, o quão cinzenta é a vida
Quando se sente partir os demais
Fica um sentimento forte, à deriva
****
Cidália Ferreira

40 comentários:

  1. Lindíssimo!
    Mais uma vez, apesar de triste, carregado, é brutal!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Os dias cinzentos são péssimos!! E depois a cabeça começa a pensar nos que partiram e ainda se tornam mais cinzentos os dias!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  3. Adoro dias cinzentos! A vida é colorida, apesar de tudo. Parabéns pela neta :) bjinho e uma boa semana

    ResponderEliminar
  4. Não creio que seja cinzenta a vida.
    O ser humano é que a torna cinzenta
    Porque se a vida for bem vivida
    Terá a cor do sol e o sabor do menta
    ..............................
    Mais um poema nostálgico, mas muito bonito, que gostei de ler

    Deixando um beijo

    ResponderEliminar
  5. Un poema precioso aunque sea un poco triste.
    Besos, Cidalia

    ResponderEliminar
  6. Olá Cidália, belo poema repleto de atualidade
    sim o céu está a ficar cinzento, mas por estes dias é sinal de esperança e de vida
    porque a seca do longo verão tem virado cena de calamidade
    com barragens já muito vazias e natureza sedenta
    Vamos encontrar o calor do dia e da amizade nos nossos corações
    e enfrentar os cenários negros que nos rodeiam!
    beijinhos, boa semana:)

    ResponderEliminar
  7. Suele ocurrir después de un periodo caluroso llegan las tormentas, es igual que la vida, después de una buena racha viene una menos buena. Feliz semana muakiss.

    ResponderEliminar
  8. Boa noite Cidália,
    Bonito poema.
    Nestes dias cinzentos tudo fica mais triste.
    Pense no ditado que diz que depois da tempestade vem a bonança.
    Um beijinho e boa noite tranquila.
    Ailime

    ResponderEliminar
  9. A tempestade a influenciar os sentimentos.Bonito poema.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  10. Belo poema que nos dá alento e alegra a vida e a alma :)

    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  11. Mais um bonito poema. Parabéns pela sua escrita!

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  12. A mim, não são os dias cinzentos que me roubam a alegria.
    É o cinzentismo que sei nunca irá clarear, não do tempo, mas da vida.

    Um bonito e desencantado poema cheio de nostalgia.

    Boa emana, Cidália.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  13. Intenso e melancólico poema.

    Que a sua semana seja colorida, Ci, beijinhoss

    ResponderEliminar
  14. Lindo poema muito sentido... mas lembramos que depois da tempestade vem o sol e a erva verde e as flores florescem...
    Bjs

    ResponderEliminar
  15. Parece que o Outono, também a ti, te outona :-)

    Beijinho, Cidália

    ResponderEliminar
  16. Muito bonito!!

    Boa semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  17. E verdade, por vezes a vida veste-se de cinzento, mas no dia seguinte ofereçamos-lhe um vestido colorido com as cores quentes do Outono e ela será sorrirá para nós!
    Um beijo e os votos de boa semana!

    ResponderEliminar
  18. En estos días no solo por el tiempo vivimos unos días algo grises, los cuales espero sean de color lo mas rápido posible.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  19. Acredito qie a vida não é cinzenta, há, sim momentos mais tristes, mas devemos pensar positivo e acreditar num amanhã melhor.
    Belo poema.
    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  20. Temos que acredita que depois dias cinzentos vem dias ensolarados para nos iluminar e aquecer.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderEliminar
  21. Mais um belo poema que viemos conhecer, belas palavras amiga.

    Uma feliz semana
    Beijos
    VOU ARRASAR BLOG

    ResponderEliminar
  22. Depois da tempestade vem sempre a bonança.
    Sabemos isso tão bem por estes lados.
    Bjs

    ResponderEliminar
  23. Olá Cidália,
    Sábias palavras as suas neste belo poema!
    Fique bem, beijinho!

    ResponderEliminar
  24. Sim, a partida daqueles a quem se quer bem traz grande nostalgia. Boa comparação com a tempestade!
    Um beijinho e um dia com cores bonitas, apesar da chuva que se prevê.
    M. (olamariana.blogspot.com)

    ResponderEliminar
  25. A melancolia num poema bonito embora triste.
    Boa semana.
    Beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  26. Olá, querida amiga Cidalia!
    Uma tendência de sentimentos pertinentes ao que estamos atravessando no mundo. Perder tanta gente é doloroso demais.
    Tenha dias abençoados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  27. Estes dias de chuva fazem-nos lembrar de quem temos mais saudades...
    Um beijinho!

    Beijos e abraços.
    Sandra C.
    Bluestrass


    ResponderEliminar
  28. Bonito poema, apesar de ser um pouco melancólico. Eu num dia chuvoso fico deprimida. Fique bem beijinho

    ResponderEliminar
  29. como diz o ditado depois de dias cinzentos vem os dias de cor um pouco triste mas nao deixa de ser bonoito bjs

    ResponderEliminar
  30. Nestes dias de chuva é bem cinzenta! He he he Lindo poema. :) Beijinhos e bom dia.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  31. Torna-se urgente colorir a vida com poesia...
    Srrsssss... Bjs
    ~~~~~

    ResponderEliminar
  32. Notável poema!!!!!!!
    Também é esse o meu estado de espirito nos dias cinzentos!
    A imagem está em perfeita sintonia"

    Abraço!!

    ResponderEliminar
  33. Incrivel como os dias chuvosos mexem connosco. Beijinho

    ResponderEliminar
  34. Os dias cinzentos tornam ainda mais sombrios e tristes os nossos pensamentos.
    Um poema tão sentido e lindo
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  35. A vida tem algumas fases cinzentas... que também passam! Mas o cinzentismo dos dias, não deixa de se reflectir em nós, particularmente nesta altura do ano!
    Um belo sentir poético, neste turbilhão de emoções, que adorei apreciar por aqui, neste poema!
    Beijinhos!
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘