segunda-feira, 12 de outubro de 2020

Flores que sublimam o olhar

 ****
Verdes são os campos em tempos de pandemia
Coloridas são as flores que sublimam um olhar
Quando, embriagado, por um simples desfolhar
Deixando ardente um sentimento que se perdia
*
Aragem perfumada, são as partículas da saudade
O amor que se busca em cada pétala que se colhe
O consolo que assossega, porque alguém escolhe
Os caminhos que nos guiam buscando felicidade
*
Verdes são os campos, em qualquer uma estação
Onde se soltam em liberdade nulos pensamentos
Onde se revigore a vida, a alma, numa só difusão
*
Mesmo, que a paixão pelos campos, seja ardente
O caminho se faça no silêncio em complementos
Haverá uma paz que se busca, e entrará na mente
****
Cidália Ferreira

41 comentários:

  1. Olá Cidália
    Lindo poema e a imagem também. Bjs

    ResponderEliminar
  2. Hay algo que nos da el campo y es paz, serenidad, al igual que al leer ahora tus letras . Una feliz noche.
    Muakkk.

    ResponderEliminar
  3. Bonito poema.

    Beijinhos.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  4. A natureza é a poesia em harmonia na alma da poetisa! Boa Noite 🙏

    ResponderEliminar
  5. Que lindo olhar para os campos a lhe inspirar tão belo poema,
    que faz sentir o perfume que exala, que faz vibrar o olhar no verde,
    que em exuberância trás calma e encantamento.
    Lindo poetisa dos versos floridos.
    Beijo e feliz semana.

    ResponderEliminar
  6. Linda poesia

    Adoro muito as suas poesias, são lindas
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  7. Boa noite de Domingo, querida amiga Cidália!
    Enquanto tivermos flores a contemplar nos jardins, nesta Pandemia, seremos seres esperançosos.
    Lindo!
    Tenha uma nova semana abençoada!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  8. Boa noite Cidália,
    Nesta pandemia a natureza tem-nos ajudado a encontrar a paz e o equilíbrio.
    Lindo poema.
    Beijinhos e boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  9. O ar livre enriquece a imaginação.
    : )

    ResponderEliminar
  10. Que bonito.
    Eu gosto bastante do "verde" para me acalmar... Para me transportar para outros pensamentos =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  11. Passear pelos campos verdes alarga a imaginação, gera inspiração e criatividade poética. Poema muito "verdejante" de que gostei muito
    Beiojo

    ResponderEliminar
  12. Só no meio do campo é que agora se pode andar livremente. Bonito poema! :) Beijinhos e boa semana.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  13. Que bonito! :)
    beijinhos

    www.amarcadamarta.pt

    ResponderEliminar
  14. A Natureza sempre a maravilhar-nos. O seu poema tão perfumado e verde vem dizer-nos que o melhor é amar cada dia que passa com tudo o que nos encanta.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  15. Un poema que en estos días elevan el animo y ganas de disfrutar esos campos que describes.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  16. Verdes são os campos onde agora encontramos a liberdade e a segurança!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  17. Tus versos hoy me dejan un sabor a paz y bienestar. Muy bonitos.
    Feliz día

    ResponderEliminar
  18. Bom dia Cidália.
    A natureza sempre acalma e inspira, nos presenteia com levezas.
    Tenha um bom inicio de semana. Bjs.

    ResponderEliminar
  19. Olá ! boa tarde. Vim fazer uma visitinha. Seu blog é muito legal. Já estou seguindo você. Venha conhecer o MEU NOVO BLOG :
    https://docecomoumsonho27.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  20. Muito bonito! Parabéns!

    Beijos e abraços.
    Sandra C.
    Bluestrass

    ResponderEliminar
  21. Ola Cidália!
    Belo o seu poema, adoro o verde da natureza seja em qualquer estação, lugar que me transmite paz e energia a alma. Gostei muito.
    Beijinho de paz e saúde.
    Luisa Fernandes

    ResponderEliminar
  22. Assim seja, Ci, que a paz nos adentre! Bem precisamos.


    Beijinho, boa semana

    ResponderEliminar
  23. Um bonito poema, que termina com uma mensagem de esperança.
    Que essa paz venha logo que a humanidade está dela carente.
    Abraço, saúde e boa semana

    ResponderEliminar
  24. Bendita natureza.
    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  25. Olá Cidália
    Campos,perfumes e um poema bem inspirado!
    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Que belo poema

    Beijinhos de boa noite e boa semana

    ResponderEliminar
  27. A menina é uma poetisa singularmente profícua!!
    Sempre que aqui venho, deparo-me com uma 'mão cheia' de belos e inspirados poemas!!
    Mais uma vez, parabéns pelo talento.
    Gostei do soneto.
    Beijinhos
    ~~~~~

    ResponderEliminar
  28. Mais um fantástico poema,
    fala da verdura no campo
    tendo as flores como tema
    e a paisagem um encanto!

    Tenha uma boa noite amiga Cidália Ferreira. Bjs.

    ResponderEliminar
  29. Um soneto muito bonito
    para além de todos os confinamentos

    beijo

    ResponderEliminar
  30. Haja esperança. A natureza dá bons exemplos.
    Lindo poema.
    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  31. Um belo e perfumado poema pleno de vigor e esperança
    Beijinhos no core amiga Cidália

    ResponderEliminar
  32. A passar por cá para conhecer mais um bonito poema.

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  33. Tributo a Camões em tempos de plandemia :)
    Bjs

    ResponderEliminar
  34. Nada como a natureza para nos inspirar! Mais um lindo poema. Beijinho

    ResponderEliminar
  35. Um belo poema, Cidália!
    Com a natureza a recordar-nos que há mais vida para lá da pandemia... pois a própria natureza também tem os seus períodos de paragem e renovação!...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘