quarta-feira, 7 de outubro de 2020

A imaginação duma dança sem chão.


****
 Chegou o outono e os dias cinzentos
A melancolia do tempo, da chuva
O sol escondido entre nuvens
Os pensamentos carregados de tristeza
Mas nada é mais forte que a própria vontade
*
A vontade de viver, mesmo na ansiedade
A imaginação duma dança sem chão
As flores que rodeiam o pensamento
A aragem que alimenta a alma
Mesmo num outono confinado
*
Tempo ameno e uma alma que dança
Entre a aragem, liberta dos nós
Não há nada que satisfaça um corpo isento
Quando se sente voar pelo imaginário
Regressando novamente à melancolia
*
Chegou o outono... a noite chega devagar
Longa, para descobrir outros sonhos
Sentir a leveza, e mesmo contrariada
Imaginando a dança, boa companhia
Os dias cinzentos tornam-se mais coloridos
****
Cidália Ferreira

45 comentários:

  1. Olá Cidália,
    Chegou o Outono e continuam a "chegar" estes seus belos poemas, sempre tão bem escritos. Adorei!!!
    Feliz 4ª-feira, beijinhos!

    ResponderEliminar
  2. Uma boa imaginação torna sempre tudo colorido =)
    Bonito!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. O Outono tem tem coisas boas, as cores, o doce das frutas... e os poemas da Cidália!

    Beijos e abraços.
    Sandra C.
    Bluestrass

    ResponderEliminar
  4. Todas as estações do ano são pura inspiração para os poetas e poetisas. Claro que o Outono, pela sua diferença e beleza, é poeticamente falando, um bom exemplo do que ac abei de escrever. Poema muito bonito de que gostei muito
    .
    Um dia feliz
    Deixando um abraço e um beijo.

    ResponderEliminar
  5. Sempre bem inspirada e imaginação não te falta! beijos, chica

    ResponderEliminar
  6. Bonitos versos para el otoño.
    Un abrazo

    ResponderEliminar
  7. Bem que eu queria que estivéssemos no outono por aqui. Belo poema.

    Beijo.
    Cores do Vício

    ResponderEliminar
  8. Quando há vontade de viver, os dias tornam-se mais coloridos...

    Beijo e boa semana.

    ResponderEliminar
  9. Apesar da melancolia que muitos são acometidos neste período do ano, aí pras bandas da altas latitudes existem aqueles que teimam exatamente em transformar este sentimento em oportunidade para usar a poesia como um suave acalanto. Já aqui, no começo antecipado do chuvoso inverno Amazônico, um verdadeiro reino das águas, lançamos mão de capas, sombrinhas, guarda chuvas, jornais etc, para combatermos a encharcada melancolia desse tempo.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  10. Feliz e abençoado dia pra você minha linda amiga.
    Parabéns mais uma bela inspiração, que nos enriquece e faz brilhar os nossos olhos... O outono é realmente uma bela estação...
    Eu amei🌸🌿😍😍😍

    ResponderEliminar
  11. Boa tarde Cidália,
    Um lindo poema de outono, a estação que talvez mexa mais com os sentimentos.
    Um beijinho.
    Ailime

    ResponderEliminar
  12. Linda poesia, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  13. Que poema bonito :-) não conhecia o seu blog, mas vou seguir
    Beijinho grande

    https://dreamsprincess20160.blogspot.com

    ResponderEliminar
  14. Olá Cidália, tudo bem?
    Magnífico o seu poema!
    Aqui no Brasil estamos na primavera e um calor de aproximadamente 41° tem feito por aqui..

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderEliminar
  15. Oi Cidália
    Linda Poesia, não posso escrever muito(machuquei o braços)
    Adorei a poesia
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  16. Ese baile donde el suelo son las estrellas es maravilloso y magico asi como lo son tus letras y la imagen es ideal.
    Un fuerte abrazo !!

    ResponderEliminar
  17. olá Cidália,
    gostei muito desse Outono que chega com pezinhos da dançarina
    sem grande ruído mas com alguma musiquinha, e que nos encanta!
    muito bonito:)
    beijinhos,

    ResponderEliminar
  18. Que bonito poema e o Outono também tem a sua beleza! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  19. Que essa imaginação nos chegue ao coração.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Cidália:que tenhamos gravados em nossos corações os seus certeiro versos..." Mas nada é mais forte que a própria vontade." E persigamos nossas vontades intensamente.
    Abraços carinhosos de bom final de
    tarde pra vc.

    ResponderEliminar
  21. Outono sem dúvida é a minha estação favorita. Parabéns pela poesia.
    big beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderEliminar
  22. Destaco com reverência este sábio verso
    " Mas nada é mais forte que a própria vontade."
    Que ela prevaleça
    Beijinhos poéticos

    ResponderEliminar
  23. que lindo seu poema !!
    o outono traz o aconchego do lar .
    felicidades.

    ResponderEliminar
  24. Que belo Poema

    Beijinhos de boa e santa noite

    ResponderEliminar
  25. Lindo Cidália este poema com a beleza do OUTONO!!! 👏👏👏👏👏... Bj

    ResponderEliminar
  26. Que a esperança nunca desapareça.
    : )

    ResponderEliminar
  27. Sem dúvida que o Outono, apesar de uma certa melancolia, tem dias e noites de sonho.
    Como sempre um poema lindo!

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  28. Porque estando suspensa no ar,
    não tem os pés, assentes, no chão
    até dá gosto para ela, poder, olhar
    foi isso que fiz prestando anteção
    lendo o belo poema sem pestanejar!

    Tenha uma boa noite amiga Cidália Ferreira. Beijos.

    ResponderEliminar
  29. Tempos sombrios e inesquecíveis...
    Linda composição!
    Abraços
    ~~~~

    ResponderEliminar
  30. A mais pura beleza do outono em bonitas palavras.
    Bjs.

    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  31. Oi Cidalia! Eu acho o outono uma estação linda,
    justamente porque aqui não temos...
    Mas pra mim toda estação tem seu encanto
    que vc já achou nos seus versos...
    👄💗😗

    ResponderEliminar
  32. Olá, Cidália,
    mais um de seus belo poemas.
    Gostei, parabéns!
    Beijo, uma boa semana, com saúde.

    ResponderEliminar
  33. Bom dia de paz, querida amiga Cidalia!
    Seu poema faz florir em pleno outono.
    Baila-se ao ler até o fim com encantamento de menina.
    Tenha dias abençoados!
    Bjm carinhoso e fraterno

    ResponderEliminar
  34. O Outono por aqui é sempre muito agradável.
    Já se nota.
    Bjs

    ResponderEliminar
  35. Bello Otoño, como tus versos. Saludos amiga.

    ResponderEliminar
  36. Um belo poema do outono da alma!
    Bjs

    ResponderEliminar
  37. A passar por cá para conhecer mais um bonito poema.
    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  38. Lendo o seu poema, leve e belo é o outono. Gosto muito desta estação.
    Um beijinho
    M. (olamariana.blogspot.com)

    ResponderEliminar
  39. Belo poema de Outono.
    Gostei muito, é magnífico.
    Continuação de boa semana, querida amiga Cidália.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  40. Todas as estações têm um encanto especial.
    Linda homenagem aos dias de outono
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  41. Que nunca nos falte o chão... graças ao poder da imaginação...
    Mais um belo poema, que tão bem reflecte, os dias de agora... com a sensibilidade que sempre a caracteriza, Cidália! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘