terça-feira, 16 de junho de 2020

Acordo abraçada pela nefasta melancolia

****
Luto com todas as forças para aguentar
Para poder dividir-me de formas iguais
Para que me olhem, e sintam que amar
É para além de dar à luz, bastante mais
*
Pode o cansaço tomar conta do meu eu
As palavras ficarem retidas na garganta
Nem sempre este jeito faz parte do meu
Mas o amor tudo supera, e nada adianta
*
Acordo abraçada pela nefasta melancolia
Alma cansada, e feliz. Um misto de mim
Que tudo tento abraçar, parecendo magia
E esqueço-me, que a melancolia é assim
*
É dormir e acordar, mas nem sempre feliz
Desejar estar mergulhada no meu silêncio
Recordar as palavras que nem sempre diz
O coração cansado, que abraço, e silencio
****
Cidália Ferreira

39 comentários:

  1. Cidália,
    A poesia vai nos conduzindo
    e nós seguimos um dia
    de cada vez.
    Lindos versos.
    Bjins de boa nova semana
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  2. Que nunca exista melancolia
    Nem tristeza, ou desilusão
    Que seja trocada pela alegria
    E viver cada dia
    Com amor dentro do coração
    ...........................
    Embora me parecesse um poema um pouco triste, gostei da sua envolvência numa questão do que rodeia a vida diariamente. Quando a poetisa deixa "falar" o coração, acontecem os poemas perfeitos, como o aqui é exposto e nos é oferecido

    Tem um dia de Paz e bem
    Para ti 🌹

    ResponderEliminar
  3. Há dias e dias...Linda poesia,mesmo com melancolia! bjs, chica

    ResponderEliminar
  4. É lindo, mas tem um misto de sentimentos fortes.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  5. Lindo!!
    Beijinhos e boa semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  6. Um beijinho!!

    Beijos e abraços
    Sandra C.
    bluestrass.blogspot.com

    ResponderEliminar
  7. Tal vez los recuerdos no sean todo lo agradables pero hay frases
    que son vida, hay una nota de amor esperanzador en tus letras.
    Gracias amiga por compartir este poema, te deseo una feliz tarde.
    Un abrazo.

    ResponderEliminar
  8. Olá Cidália,
    A poesia permite-nos deitar cá para fora o que nos atormenta ou o que nos motiva.
    Que esta melancolia seja passageira.
    Desejo-lhe uma semana muito feliz!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Bom dia amiga Cidália!

    Belos e sentidos versos, que nunca falte a alegria. Que seja apenas inspiração o poema aqui exposto.

    Feliz dia e semana !

    Bjss

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde Cidália,
    Um poema de que gostei baseado em realidades da vida, embora o amor esteja presente.
    Um beijinho e boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  11. "Acordo abraçada pela nefasta melancolia
    Alma cansada, e feliz. " Esta me define. Belíssimo poema! Boa semana amiga!

    ResponderEliminar
  12. Sempre muito inspirada, o que é certo é que vivemos tempos que convidam à melancolia!!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  13. O amor tudo vence, mesmo a melancolia...
    Magnífico poema, de muita inspiração.
    Gostei muito.
    Cidália, uma boa semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  14. Há dias e dias...com mais ou menos melancolia.
    Deixo aqui o meu abraço e o desejo de um excelente dia e óptima semana.
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  15. Quem nunca?
    Adoro a ilustração.
    Beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  16. Gostei muito do poema apesar de ser um pouco melancólico, está muito bem ilustrado.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Que belo poema para ser lido várias vezes por dia ao Sol :)

    Beijinhos grandes e boa semana :)

    ResponderEliminar
  18. Olá Cidália
    Poema reflexivo, o amor vence sempre. Bjs querida.

    ResponderEliminar
  19. Um belo poema embora um pouco triste.
    Abraço, saúde e uma boa semana

    ResponderEliminar
  20. Oi Cidália
    Que bela poesia!
    Você nos envolve com ela.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  21. Oi Cidália!Quem nunca sentiu melancolia?
    Melancolia feliz é comigo mesma!
    Adorei!Beijos!

    ResponderEliminar
  22. Hoje está toda a gente muito cinzenta.
    Bjs

    ResponderEliminar
  23. Bella nostalgia en tus versos amiga. Saludos.

    ResponderEliminar
  24. A passar por cá para conhecer mais um bonito poema.

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  25. O que fazer com esta saudade que se faz melancólica e sangra noite e dia?
    Poema dolorido revestido da beleza poética.
    Mas como dói.
    Bom dia de feliz semana querida amiga.
    Beijo

    ResponderEliminar
  26. espero q melhore. eu tento olhar pra pessoas que estão passando horrores nessa pandemia, ou vivem de modo precário, pra tentar superar as minhas mazelas. se cuida. beijos, pedrita

    ResponderEliminar
  27. Que bonito Cidália! a melancolia muito bem representada :)
    saudades de receber e de dar abracinhos
    beijinhos e votos de muita saúde
    Angela

    ResponderEliminar
  28. Passando para te desejar uma boa semana!
    garotastarfashion.blogspot.com

    ResponderEliminar
  29. Um soneto onde a melancolia cedeu o lugar â alegria.
    Há dias assim!
    Adorei a imagem de suporte, tão bem escolhida!
    saude e beijinho
    :)

    ResponderEliminar
  30. Não é só dormir e acordar,há uma vida linda pela frente,basta fazermos as coisas de que mais gostamos,aproveitar cada segundo da nossa vida ao máximo dos máximos!!

    ResponderEliminar
  31. Cidália!
    Esta época tem nos causado melancolia mesmo e temos de superá-la de alguma forma.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderEliminar
  32. Uma certa melancolia em belo momento poético... Bj

    ResponderEliminar
  33. Domina a melancolia mas o poema arrasa!

    Fantástico como sempre!

    Beijinhossss

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira (Eu) 😘