sexta-feira, 23 de julho de 2021

No despertar da melancolia...

 *****
Deambulando sobre os segredos do mar
Escutando, o murmurar das ondas puras
E no areal, deixar, as palavras inseguras
Que me fazem esta melancolia despertar
*
Sinto, o que a frescura do tempo me traz
Numa saudade estranha, que não rejeito
Mas deambulando nas brumas do desejo
Imagino, que um dia tudo voltará em paz
*
Sinto que a brisa marinha me lava o rosto
E numa desorientação por mero desgosto
Espero, que o fim do dia traga um sorriso
*
Deambulo, sobre os segredos da maresia
Deixo um olhar carente, e outro de magia
Mas, espero que chegues num improviso
****
Cidália Ferreira

47 comentários:

  1. Mais um bonito poema que vim cá conhecer.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  2. Que a maresia lhe traga paz e sorrisos.
    Nostálgico e lindo soneto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Que el aire y la brisa del mar traiga todo lo bueno ...Me encanto y la imagen ideal. Besos.

    ResponderEliminar
  4. Belo poema, Cidália! :-)
    Dia Feliz!
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  5. Olá, Cidália!
    Lindíssimo poema!

    Gostei muito de ler!
    Beijinhos e feliz dia!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. O Mar sempre foi, é e sempre será, uma forte inspiração para poetas e poetisas. Imagem sublime, poema encantador. A sua conjugação formam o poema perfeito. Gostei muito.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Fabuloso poema, adorei.
    Continuação de boa semana, amiga Cidália.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  8. tenho sentido muita falta de ver o mar. se cuida. beijos, pedrita

    ResponderEliminar
  9. O mar tão belo, pode gerar saudades dele ou de presenças...Linda poesia! bjs, ótimo dia! chica

    ResponderEliminar
  10. A melancolia pode ser inspiradora, como se vê...


    Beijinho, Ci

    ResponderEliminar
  11. Belíssimo poema, muita inspiração no poste sobre o mar! Amo.

    Um bom dia...
    bjos

    ResponderEliminar
  12. Belíssimo poema, Cidália, te aplaudo daqui!

    Quem sabe a maresia
    leve embora o desgosto e a melancolia
    e traga alegrias e boas surpresas,
    faça efeito, a magia!

    Beijinhos,
    Valéria

    ResponderEliminar
  13. Inspirador o momento poético 👏👏👏
    Bj Cidália

    ResponderEliminar
  14. Sinto que a brisa marinha me lava o rosto
    E numa desorientação por mero desgosto
    Espero, que o fim do dia traga um sorriso.

    Olá, querida amiga Cidalia!
    Uma estrofe magnífica que me emocionou.
    Seja feliz e abençoada!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Olá cidalia. Que chegue no improviso o amor e a felicidade. Abraços.

    ResponderEliminar
  16. Nunca se sabe, há que manter sempre a esperança!
    Bom resto de semana!

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  17. Belo poema, amiga Cidália.
    "Espero que chegues num improviso"
    O mar como pano de fundo...
    Gostei muito.
    Beijo
    Olinda

    ResponderEliminar
  18. Olá, Cidália, mais um belo poema nesse simpático blog!
    Um bom restinho de semana, parabéns, amiga!
    Beijo.

    ResponderEliminar
  19. Belíssimo poema. Gostei muito de ler.
    Bjs

    ResponderEliminar
  20. Que o improviso encontre paz de alma e muito amor!
    Continuação de uma noite iluminada!
    Um doce abracinho!
    Megy Maia💛😊💛

    ResponderEliminar
  21. Como é bom deambular na praia olhando o mar...
    Lindos versos!

    🌊🌅😘

    ResponderEliminar
  22. Essa paz, essa madrugada clara e limpa, tarda muito.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
  23. Um sorriso e paz...para vaguear no areal...e respirarmos fundo...
    Lindo...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  24. Melancólico e permeado de solidão esse lindíssimo poema, mas nas entrelinhas visualizei um sol de esperança. Ainda bem!!

    Tenha um lindo dia querida amiga!
    Beijo doce.

    ResponderEliminar
  25. Mesmo sem mar não conheço a MELANCOLIA — tenho o verde das árvores 🍃

    Continuação de um dia feliz.

    ResponderEliminar
  26. Mais um belíssimo poema, perfeita cada palavra, desejo um ótimo final de semana pra você bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  27. Amo tudo que escreve !
    Abraços amiga,

    Dan
    https://gagopoetico.blogspot.com/2021/07/cardapio.html

    ResponderEliminar
  28. Terminando a semana com mais um poema maravilhoso!!

    Bom fim de semana, bjs.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  29. Lindo poema, amiga Cidália!
    Sensibilidade e leveza, com um cheiro a maresia...

    Gostei muito!

    Votos de um excelente fim de semana!

    Beijinhos!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  30. Na calma dessa noite fria, passando para reler esse belo poema!

    Bom final de semana, Cidália.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  31. O fascínio do mar através da sua poesia a merecer um aplauso 👏👏👏

    ResponderEliminar
  32. Poema de maravilha. O Mar é retemperador das mentes...


    Beijo
    SOL da Esteva

    ResponderEliminar
  33. Bom dia Cidália,
    O mar que inspira os poetas...
    Lindo soneto.
    Um beijinho e ótimo fim de semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  34. Un poema de una belleza que solo el murmullo del las olas del mar y las caricias de la brisa puede inspirar.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  35. Simplesmente perfeito e toca-nos a alma.
    Maravilhoso.
    Beijinho

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘