quarta-feira, 28 de julho de 2021

Sopra a brisa sobre o vazio da melancolia ...

 *****

Numa praia vazia, sobre a noite que chega
Ou será o nascer da seguinte alvorada
Tudo me desperta a atenção, mas sozinha
Observo o lindo cenário que me aconchega
*
Tudo será tão belo quanto a minha saudade
E mesmo seguindo as pegadas pelo areal
Existe um silêncio que me atrai
E me leva a desejar momentos de liberdade
*
Sopra a brisa sobre o vazio da melancolia
Medito, e de coração apaixonado
Relembro as palavras escritas na areia
Envoltas de carinho sem fim, por magia
*
Sente-se o cheiro a maresia, da água salgada
Mesmo que as ondas acalmem, eu fico
No meu silêncio esperando o sol nascer
Para voltar a sorrir com a energia revigorada!
*****
Cidália Ferreira

48 comentários:

  1. Havemos de sorrir em breve.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Saudade e melancolia que tão bem te inspiraram! Linda poesia! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Sobre o vazio da melancolia sopra a brisa da esperança. Belo poema.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  4. A Pandemia impede-nos de ser (mais) felizes. Mas um dia ver-se-á o Sol nascer (mais) sorridente.
    Poema melancólico mas muito bonito de ler
    Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Melancolia vem com a brisa
    e melancolia há de partir...
    e que com o nascer do sol,
    se faça a magia
    de um coração apaixonado
    em voltar a sorrir...

    Sempre lindos seus versos, Cidália!!!
    Beijinhos
    Valéria

    ResponderEliminar
  6. Volver a sonreír...
    Si puede ser cada día.

    Bonito poema.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  7. Belo poema, Cidália! :-)
    Resto de dia Feliz!
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  8. Cheira a praia a maresia
    Na orla da beira-mar
    Nesse espaço de magia
    Sabe bem poder sonhar.

    Abraço amigo
    Juvenal Nunes

    ResponderEliminar
  9. Oi Cidália,
    Linda e melancólica poesia
    Assim como a onde vai ela vem...
    Adorei
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. Uma bela foto a fazer suporte a um poema melancólico mas belo.
    Uma boa semana com muita tranquilidade e saúde.
    Cuide-se bem.
    Beijinhos

    :)

    ResponderEliminar
  11. Tão belo poema

    Beijinhos de boa e santa noite

    ResponderEliminar
  12. Um belo e nostálgico poema, que revela a sua ânsia da liberdade.

    Cidália, vou dar uma pausa no blogue para descansar.
    Cuide-se amiga!

    Um beijinho e até breve!

    ResponderEliminar
  13. Belo poema!!

    Beijinhos.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  14. Lindíssimo poema, Cidália!
    Cá também desejamos a liberdade, e temos esperança de dias melhores.

    Beijos e uma linda noite.

    ResponderEliminar
  15. sozinha
    Observo o lindo cenário que me aconchega.

    Boa noite de paz, querida amiga Cidália!
    Poema muito bonito e a brisa do mar pode dar frescor, mas também podemos sentir nostalgia pelo cenário encantador que você tão bem descreveu.
    Tenha dias abençoados!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Quando estamos sós, observamos melhor....
    Beijinho, boa noite

    ResponderEliminar
  17. Gostei demais de ler,
    lindos versos!

    Boa semana!

    🌼🌅

    ResponderEliminar
  18. O mar, o sol, a energia marítima é além de inspiradores pra belos poemas, são também restauradores da saúde e da alegria.
    Melancólico o teu poema, querida Cidália, mas de uma beleza tocante .

    Beijinhos pra ti

    ResponderEliminar
  19. Belíssima poesia, Cidália!

    Um beijo e ótima noite.

    www.purestyle.com.br

    ResponderEliminar
  20. O pior é que de vez em quando é cá uma ventania!!!
    Bjs

    ResponderEliminar
  21. Oi, Cidália!
    A melancolia é uma saudade dolorida que vem devagarinho quando menos esperamos. Ver a imensidão do mar e do horizonte, nos faz tão pequeninhos, não é mesmo? Em contrapartida, todos os bons momentos e sentimentos que carregamos parecem tão imensos quanto!
    Gostei de refletir com você. Esse poema é um soco no estômago :) (no bom sentido)
    Beijus,

    ResponderEliminar
  22. Melancólico poema lleno de esperanza. Saludos amiga.

    ResponderEliminar
  23. Mais um bonito poema que vim cá conhecer.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  24. Besos y abrazos ...bello poema y sentires.

    ResponderEliminar
  25. Querida Cidália, bom dia

    tudo é tão lindo, quando se envolve o mar,
    a saudade e a magia.

    Incrivel !
    Abraços
    Dan
    https://gagopoetico.blogspot.com/2021/07/florescer-da-libido.html

    ResponderEliminar
  26. Um poema com o título „A VIDA, O AMOR E A MORTE“ será uma excelente participação. A partir da próxima semana começo a publicação por ordem de entrada. A Cidália tem ainda muito tempo 🌾

    ResponderEliminar
  27. Boa tarde Cidália,
    Lindo poema inspirado numa bela imagem.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar
  28. Belíssimo poema!
    Que haja sempre a esperança e saibamos revigorar as nossas energias!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  29. "Voltar a sorrir com a energia revigorada!"
    Um bonito poema. Que o nosso sorriso seja multiplicado nesses dias. Bj

    ResponderEliminar
  30. Que linda essa foto, é muito bom o cheiro da maresia, mais uma bonita poesia, Cidalia bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  31. Belas palavras, minha amiga!

    Boa semana!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderEliminar
  32. Passando para reler esse lindo poema e desejar uma excelente noite, com muita paz e Saúde.

    Beijos

    ResponderEliminar
  33. Bonito poema perfumado de maresia e envolto na saudade. bjs

    ResponderEliminar
  34. Oi Cidália, Precisamos esporadicamente repor nossas energias, pois a mente é uma caixinha de surpresa que poderá nos dar alegrias ou tristezas.
    Descanse e não responda nossos comentários, pois você não precisa disso, é boa poetisa.
    Eu gosto muito de suas poesias.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  35. Que todo o nascer do sol traga energias revigoradas.
    Lindo poema
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  36. O que pode fazer uma melancolia poetisa pelas noites insones.
    Mas o amanhecer vem com seus raios iluminando e devorando todas
    as horas e angustia e incandescia uma alegria feita de esperanças.
    Muito bonito triste da poesia.
    Beijo amiga.
    Cuide-se.

    ResponderEliminar
  37. Desejando uma linda noite!

    Beijos, saúde e paz, Cidália.

    ResponderEliminar
  38. Boa noite de paz, querida amiga Cidália!
    Tão lindo o banco solitário na poesia!
    Que cenário deslumbrante!
    É uma melancolia com razão de ser
    Seja feliz e abençoada!
    Beijinhos com carinho

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘