sábado, 8 de maio de 2021

O pouso da ousadia ...

 ****
Quero sentir-me esvoaçante
Como uma borboleta
De flor em flor vai pousando
Com certa delicadeza
E no meu sentir deslumbrante
*
Mãos suaves, afáveis, atraentes
Recebem e aconchegam
O pouso da ousadia
Da liberdade em voar
Dentro dos sentidos inocentes
*
Quero, sentir-me livre, ao vento
Dar as mão ao sentimento
Esvoaçar contigo
Sussurrar-te ao ouvido
Ver as lembranças em movimento
*
E dessas lembranças que guardo
Leves como o algodão
Ficam nas asas, as marcas
Dos meus dedos aveludados
Ao sentir neles o colo abençoado
****
Cidália Ferreira

51 comentários:

  1. Há memórias que nos fazem voar...
    Lindo...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  2. Voar como as borboletas: ora aí está uma fantasia só permitida aos poetas.
    E porque não?
    Abraço amigo.
    Juvenal Nunes

    ResponderEliminar
  3. Um poema lindo e delicado como uma borboleta! :) Beijinhos e bom dia.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  4. Las bellas cosas de la vida .Un fuerte abrazo .

    ResponderEliminar
  5. Quando de forma poética se deixa o pensamento vaguear e/ou viajar através do imaginário, acontecem os poemas perfeitos, como o que aqui acabei de ler. Puro fascínio sem dúvida.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Bom dia, Cidália.
    Imagens de muita beleza e leveza. Tão necessárias na dureza do dia a dia.
    Um beijinho e um dia bom.

    ResponderEliminar
  7. Lembranças marcantes...Poesia linda! bjs, chica

    ResponderEliminar
  8. Belíssimo poema, Cidália!
    Parabéns!
    Dia Feliz!
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  9. Mais um lindíssimo poema amei de coração💗um bjo😘

    ResponderEliminar
  10. Essa é a liberdade que todos procuramos!
    Beijinho

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  11. Oi Cidália

    Uma linda e singela poesia
    Parabéns
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  12. ha sempre lembranças que nos deixa para a vida lindo poema bjs saude

    ResponderEliminar
  13. Bonito poema nasceu no seu coração...
    Boa noite de quinta-feira...
    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Cidália,
    Um querer legítimo e permitido aos poetas.
    Voe, minha amiga, voe!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  15. Olá, querida amiga Cidalia!
    Lindo demais é ser como uma borboleta que visita suas flores.
    "Quero sentir-me esvoaçante
    Como uma borboleta
    De flor em flor vai pousando."
    O desejo da liberdade sadia é louvável.
    Que venha o tempo de voos belos!
    Tenha um abençoado final de semana!
    Beijinhos carinhosos e fraternos

    ResponderEliminar
  16. Boa noite Cidália,
    Um poema lindo, muito inspirado.
    Beijinhos e saúde.
    Ailime

    ResponderEliminar
  17. Que belo poema

    Beijinhos de boa e santa noite

    ResponderEliminar
  18. Memórias diáfanas e coloridas da sua poesia, tão delicada quanto as asas de uma borboleta. Lindo símbolo da transformação , querida Cidália !
    Beijo pra ti...

    ResponderEliminar
  19. Boa noite, minha querida amiga Cidália!
    As borboleta dão vida ás nossas poesias!
    Um carinhoso beijinho!
    Megy Maia🌺😊🌺

    ResponderEliminar
  20. Lindeza, ternura, leveza Cidália.
    Poema de uma delicadeza infinita no pouso ousado e sincronizado,
    que a poesia se faz encantada e a nós inspirados neste voejar.
    Aplausos pelo voo amiga.
    Beijo e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  21. Brevemente poderemos voar livremente quero acreditar.
    Bjs, boa semana

    ResponderEliminar
  22. Lindo vuelo por tus letras. Saludos amiga.

    ResponderEliminar
  23. Ai, como seria maravilhoso voar...

    Beijinho, Ci, bom fim de semana :)

    ResponderEliminar
  24. Lindo e suave assim como uma borboleta 😘😘🌷

    ResponderEliminar
  25. Lindo este poema que terminou com a sensação de conforto como a que da um colo abençoado!

    Beijinhos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  26. Delicado, suave e lindo poema.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Adorei a delicadeza e as lembranças partilhadas.
    Bem-haja.
    Bom fim-de-semana.
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  28. Belo poema

    Beijinhos de boa e santa noite :)

    ResponderEliminar
  29. Muito bonito e belo que ficou o teu poema, desejo-te um feliz e abençoado mês de Maio, muita saúde e muita paz, muitos beijinhos e fica bem, bom final de semana para ti!!

    ResponderEliminar
  30. Un poema con una ternura como la imagen con la que le acompañas.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  31. Neste mundo encantador,
    uma borboleta encantada
    com a beleza em seu redor
    numa delicada mão pousada!

    Belo poema, gostei de ler, amiga Cidália Ferreira. Boa noite e bom fim de semana. Bjs.

    ResponderEliminar
  32. Poema tão bonito!!

    Bom fim de semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  33. Um poema muito bonito.
    Abraço, saúde e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  34. Delicadeza e encanto num Poema mágico. Parabéns.


    Beijo
    SOL da Esteva

    ResponderEliminar
  35. Que lindo isso, Cidália! Que lindo...

    ResponderEliminar
  36. you are reading this massage yourself. God is preparing a great blessing for your life. God can do anything amen .......

    ResponderEliminar
  37. Que belas lembranças de dedos aveludados...
    🥰🥰

    ResponderEliminar
  38. Belo poema.

    Bom final de semana.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  39. quanta leveza no teu poema, muito bom!! bom domingo, bjs

    https://mulheresquecorremcomsapos.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  40. Oi Cidália querida, bom dia!
    Parabéns pelo lindo poema e pela bela e singela imagem!
    Bjssss amiga e já aproveito p/desejar uma semana de paz e alegrias p/vcs

    ResponderEliminar
  41. Mais um bonito poema que vim cá conhecer!

    Boa semana!

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  42. Leve como uma borboleta há-de sempre voar através das palavras. Bonito poema, minha Amiga Cidália.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  43. Cidália, parabéns por este sublime poema.
    Adorei!
    Beijo, boa semana, saúde.

    ResponderEliminar
  44. Um poema que nos transporta, para doces lembranças... e onde a sensibilidade impera em cada palavra!
    Adorei ler, Cidália! Beijinhos!
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘