sábado, 29 de maio de 2021

Fragilidades...

"imagem de net"
****

No caminho longo que se vai fazendo
Avistam-se escombros cinzentos
O revivescer dum passado misto
A ventania sobre a mente saturada,
E as nuvens escuras e carregadas
Fazem do caminho, o cansaço, o vazio
A sensação de um sonho inacabado
Onde o desejo de acordar é urgente
*
É o sonho, a aparência do pesadelo
Vagueando pela noite mais escura
De coração triste, angustiado
Como a alma, que em desassossego
Mostra as fragilidades do tempo,
Um tempo que passa, e na frieza
Um corpo desnudo de pensamentos
E um coração sonhador, mas magoado.
****
Cidália Ferreira.
.
Feliz fim de semana para todos.

33 comentários:

  1. Palavras profundas e sentidas num poema tocante.
    Que a vida traga sempre novos sonhos para fazer esquecer os que nos fizeram sofrer.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Lindo emocionante poema!Coração magoado sofre...bjs,chica

    ResponderEliminar
  3. Poema tristinho. Momentos em que o poeta perambula nos seus sentimentos cobertos por nuvens cinzentas... mas isso também passa 😘

    ResponderEliminar
  4. Poema de uma sensibilidade impecável.
    Gostei muito do que acabei de ler.
    Beijo, feliz fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  5. Lindo poema com sentimento, bom fim de semana, bjs.

    ResponderEliminar
  6. Talento, inspiração, criatividade, sensibilidade poética. Juntaram-se os quatro ingredientes, fazendo com que, surgisse escrito o poema perfeito. Li e reli. Gostei muito
    Feliz fim de semana

    Beijinho poético

    ResponderEliminar
  7. Que belo poema :)

    Beijinhos de uma boa noite e um excelente fim de semana

    ResponderEliminar
  8. Olá, querida amiga Cidalia!
    Em nossas fragilidades, nascem os poemas mais lindos e de profundidade.
    Tenha um final de semana abençoado!
    Beijinhos carinhosos e fraternos

    ResponderEliminar
  9. Un poema en el que nos muestras de una forma poética lo que nos ocurre estos días al caminar por un tortuoso camino.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  10. Lindo de se ler!!! Belo momento poético! Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Todos los caminos se hacen largos y este que estamos atravesando tan bien, pero ya se ve el fibal y eso es positivo. Un beso y feliz fin de semana.

    ResponderEliminar
  12. Um poema bonito,embora um pouco triste.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  13. Profundo, lindo e emocionante. A sensibilidade do autor explícita nas palavras. Abraços.

    ResponderEliminar
  14. Lindíssimo!

    Bom fim de semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  15. Sem dúvida, que sentir-se frágil, não alegra ninguém, ainda mais em se tratando de corações sensíveis .
    Um poema altamente sentimental. Me identifiquei em alguns versos . Parabéns minha querida Cidália !!
    Bom final de semana pra ti. Bjossssssss

    ResponderEliminar
  16. Com sentimentos um tanto tristes,o poema bem escrito.
    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Oi Cidália,
    O frágil dos nossos medos, circunda nosso corpo se arrepios de sustos.
    Sustos de perder um amor, um emprego e daí pra frente vamos nos tornando fracos na nossa essência. Temos que combater o medo dos dissabores da vida que nos torna susceptível a contornar os problemas da vida. Que todos temos!!!
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  18. Cidália,
    Façamos das fragilidades, forças, minha amiga.
    Tocante e sensível este seu lindo poema, parabéns!

    Beijinho, bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  19. Bom fim-de-semana, Cidália! :-)
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  20. Oi Cidália ...Todo o meu carinho e gratidão por compartilhar tão lindo poema ,amei ler ...
    Feliz fim de semana .!
    Bjinhos 🙏愛🌺🌹💐

    ResponderEliminar
  21. Cidália!
    Muitas vezes eu já tive que fazer da minha fragilidade forças quando eu tive cancro muitas vezes pensei desistir mas na minha fragilidade eu fui buscar forças e muitas para pegar o touro pelos cornos e depois de tanto sofrimento eu tive a minha recompensa...um beijinho e um bom fim de semana😘🥰🌺💐🌹 Força tudo se vence.

    ResponderEliminar
  22. Mágoas? Quem as não tem? Fragilidades, também todos as temos. Um 'coração sonhador' dá uma ajudinha para ir resolvendo.
    Beijinhos, Cidália.

    ResponderEliminar
  23. Poema muito lindo gostei muito um bjo

    ResponderEliminar
  24. A vida é um viver e reviviver. Um vai e vem, entre o sonho e a realidade.
    Muito bom, Cidália!
    Bom fim de semana.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  25. No caminho da nossa VIVÊNCIA
    Avisto momentos bons e maus
    as nuvens escuras
    outras vezes o SOL

    mas vou caminhando, aos poucos
    e se quiser venha ver os meus artigos
    aqui:

    http://tempolivremundo.blogspot.com/
    http://meusmomentosimples.blogspot.com/
    http://pensamentosimagens.blogspot.com/

    Parabéns pela sua poesia e inspiração
    Beijinho da Tulipa

    ResponderEliminar
  26. Um poema muito lindo, profundo que retrata o sentimento doloroso de quem sonhou com algo melhor!
    Mas há sempre outros sonhos, novos dias e novas aventuras!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Oi Cidália
    Linda poesia
    Gostei demais
    Parabéns
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  28. Ah, coração porque teimas em viver o sofrimento?
    Deixa que as mágoas escoem e levem estas dores.
    Cidália na arte de poetizar com meus aplausos.
    Beijo amiga.
    Cuide-se.

    ResponderEliminar
  29. Que linda. E mais uma vez, a imagem é muito boa mesmo.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  30. Bom dia a todos que estão escutando a meditação, que Jesus nos abençoe grandemente, nós livre desse mal que assola o mundo, graças a Deus 🙏

    ResponderEliminar
  31. Fragilidades... e como as sentimos tão presentes, nesta fase que o mundo atravessa!
    Um poema muito belo, sentido e introspectivo!
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘