segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Silêncios do tempo...

"imagem da net"
 ****
Escuto no silêncio do tempo
A multidão, de tudo e nada
Um ermo vazio, sozinho
Que enfeitiça em contratempo
Mostra a beleza e o carinho
Duma paisagem que parece parada
*
Em passos lentos, apreciando
O que me rodeia, e é tão pouco
Mas do pouco que é, é bom
O importante é ir agradecendo
Mesmo em silenciado tom
Neste ermo que parece louco
*
Escuto os murmúrios da brisa
Sacodem-se as ervas bravias
E o vento, sem pedir
Inspira qualquer poetisa
E no momento de desistir
Sinto-me sozinha nos meus dias!
****
Cidália Ferreira 

49 comentários:

  1. Lonely is a state of feeling, being at norm in times. Love greetings

    ResponderEliminar
  2. hello, I loved this post, it has been the most interesting. I love this information
    What a nice post! I love everything :)
    I have loved your publication, I did not know your blog, do you want us to follow? it already cuts me into dice. Cheers

    ResponderEliminar
  3. Bom dia Cidália,
    Um poema lindo, que apreciei.
    Que venham tempos menos sombrios.
    Beijinhos e bom domingo.
    Ailime

    ResponderEliminar
  4. En el silencio, como bien dices, se puede estar solo o escuchar a una multitud. El silencio y recogimiento es el estado natural para el poeta o el escritor, en ese silencio todo se escucha y se palpa.
    Un gran abrazo y buen domingo.

    ResponderEliminar
  5. Linda poesia e na vida tems realmente tempos de silêncios... Uns necessários, outro impostos por ela...beijos, chica, ótimo dia!

    ResponderEliminar
  6. Muy hermosa la poesía. El silencio, unas veces tan necesario y otras tan odiado.
    Un placer leerte.
    Feliz domingo

    ResponderEliminar
  7. Saber escuchar el silencio del tiempo es tan bonito como el barullo de los niños jugando en la calle. Un feliz domingo.

    ResponderEliminar
  8. Lindo o poema vamos ter fé que dias menos sombrios vão chegar um grande😘🥰🥰 feliz domingo.

    ResponderEliminar
  9. Ser grata pelo que temos é reconhecer quem somos.
    Cheguei ontem à noite, as férias interrompidas para não deixar de cumprir o meu dever de cidadã.
    Abraço, saúde e bom domingo

    ResponderEliminar
  10. Belo poema minha querida Cidália. É na cumplicidade do silêncio que nos vemos e compreendemos o mundo que nos rodeia.
    Beijo terno . Feliz domingo;
    Beijo

    ResponderEliminar
  11. Um poema a fazer lembrar o Outono. Frio, algo triste, solidão, mas muito bom de ler. Gostei muito.
    Um domingo feliz

    ResponderEliminar
  12. Há dias sombrios, mas mesmo esses devemos agradecer.
    Belo poema.
    Feliz domingo

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  13. O silêncio, muitas vezes, é a nossa melhor resposta.

    Forte abraço ;)
    Calebe Borges

    ResponderEliminar
  14. Por vezes um pouco de silêncio e de introspeção também são importantes para repararmos mais nos pormenores.
    Beijinhos
    Coisas de Feltro

    ResponderEliminar
  15. Un bonito poema en el que nos demuestras que no hay silencio por muy solo y apartados del mundanal ruido.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  16. Adorei ler mais um de seus lindos poemas, Cidália.
    Te desejo uma abençoada nova semana.
    Beijinhos
    Verena.

    ResponderEliminar
  17. Oi Cidália,
    Adorei os silêncios da sua poesia.Gostei muito
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  18. Magnífico poema! Adorei.
    Beijinhos e uma feliz semana

    ResponderEliminar
  19. Belo Poema

    Beijinhos de boa noite e excelente semana que começa

    ResponderEliminar
  20. Que linda essa poesia.
    Big Beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderEliminar
  21. Olá, Cidália!
    Embora com um toque de nostalgia, é um belíssimo poema!
    Gostei muito!

    Parabéns!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  22. O silêncio faz barulho dentro da gente. Ele argumenta.
    Uma semana abençoada para você.Bjs.

    ResponderEliminar
  23. O silêncio é importante pra ouvir a voz interior...


    🌺🌼🌷 Boa semana!

    ResponderEliminar
  24. Na vida sempre teremos momentos de silêncio, Cidalia uma maravilhosa poesia, bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  25. Os silêncios muitas vezes são necessários.
    Bjs, boa semana

    ResponderEliminar
  26. En silencio leo tu linda poesía. Saludos amiga

    ResponderEliminar
  27. O silêncio também é inspirador. E muitas vezes necessário.
    Um beijinho, Cidália

    ResponderEliminar
  28. E são inúteis as palavras quando o silêncio é maior... Lindíssimo, o poema.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  29. Boa semana, Cidália! :-)
    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  30. Muito bonito. Já tinha saudades de ler =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  31. O tempo fala e cala. Resta-nos aprender a entender as palavras e os silêncios.

    Um abraço. Tudo de bom.
    APON NA ARTE DA VIDA 💗 Textos para sentir e pensar & Nossos Vídeos no Youtube.

    ResponderEliminar
  32. Este poema me resulta familiar, como algo que yo siento también.

    ResponderEliminar
  33. Fiquemos gratas, ainda assim Ci!

    beijinho, boa semana

    ResponderEliminar
  34. Olá Cidália
    Lindo poema, o silêncio é contagiante, bjs querida.

    ResponderEliminar
  35. Linda poesia, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  36. Boa tarde, querida Cidália, o silêncio nos faz bem, nos inspira, nos leva para dentro de nós.
    Belíssimo poema, que fala à nossa alma.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  37. Desistir? Nunca, jamais!
    Fique atenta poeta, aprende-se com o silêncio.
    Lindo poema!
    Beijo, boa semana.

    ResponderEliminar
  38. Lindo poema!!
    Boa semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  39. Sózinha?? Não, nós estamos aqui!
    Boa semana, beijinhos

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  40. Muito belo o teu poema Cidália!
    Gostei muito.

    Uma boa semana para ti. Beijo!

    ResponderEliminar
  41. Acho que o cerne do poema está em: "apreciando
    O que me rodeia, e é tão pouco
    Mas do pouco que é, é bom".

    Quem percebe isso nunca está só.

    Beijo

    ResponderEliminar
  42. Tempos de silêncio muito bem poetizados.

    Um beijinho Cidália.
    Feliz semana!

    ResponderEliminar
  43. Lindo poema, querida Cidália!
    As vezes só o silêncio tem a resposta que precisamos.

    Votos de feliz semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  44. Cidália
    Amei sua poesia
    Beijos no coração
    Troquei de email
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  45. Oi, Cidália!
    Um passito de cada vez! Todo dia é de aprendizado, mesmo nos dias de ventania. Ela só existe porque conhecemos a calmaria.
    Boa semana!
    Beijus,

    ResponderEliminar
  46. Nostálgico e belo poema.
    Há que ganhar forças na quietude do silêncio, para atravessar as tempestades que surgem.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  47. Às vezes é preciso se permitir no silencio, que faz renascer em belos sentimentos.
    Beijo e paz amiga

    ResponderEliminar
  48. É nestas alturas, que nos devemos permitir ouvir a nossa voz interior... para não desistirmos!
    A esperança também em dias melhores, será sempre a última a esmorecer...
    Uma bela e sentida inspiração, bem de acordo com as emoções que temos sentido, nesta estranha fase do mundo...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘