quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Tristeza em poucas palavras...

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e ar livre
Gélido momento, em manhã de solidão
O sol nascendo aos poucos, e na escrita
A minha alma  entristecida em reflexão
Não aquece... enquanto sozinha medita
*
Faz frio, meu coração sozinho emudece
As memórias que tenho de ti, as guardei
Já não me falas como outrora, entristeço
Ao escrever uma página que não rasguei
*
Gélida manhã, com momentos tão frios
Por onde vagueia meu coração tão triste
Nem o sol aquece. Suscita-me calafrios
Por me sentir sozinha... porque sumiste.
****
Cidália Ferreira.

41 comentários:

  1. Um triste poema,mas rico em palavras tão bem delineadas.
    Gostei muito amiga Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  2. A tristeza é tão semelhante ao frio… Gostei muito deste melancólico poema, Cidália.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  3. Uma manhã acalentada por um frio... momentos vagos de recordações e saudades... é assim mesmo a solidão que fica no interior da alma. AbraçO!


    Por me sentir sozinha... porque sumiste.

    ResponderEliminar
  4. Olá:- Telefone-lhe, loool
    Mais a sério: Gostei muito do poema que fala de solidão, tristeza, saudade. Muito bonito.
    .
    Feliz inicio de semana.

    *** Nuvens que me lembram os beijos teus. * **

    ResponderEliminar
  5. OLÁ D.Cidália!
    Li a sua poesia e gostei, quanto ao infeliz comentário que encontrei no meu Blogue, já o fiz desaparecer, se voltar a ser teimoso terei que denunciá-lo como SPAN! Visto que os meus blogues foram criados para me divertir e não para aturar pessoas mal formadas e mal educadas.

    O meu abraço.

    ResponderEliminar
  6. Começa a semana com um poema lindo, mas triste! Beijinhos e boa semana. :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  7. Tristeza, solidão dois temas tristes aqui expostos num lindo poema

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  8. Nem sempre a solidão é triste. Bonito poema.
    .
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  9. Este é um tempo que combina bem de mais com a nostalgia e tristeza...
    Poesia expressiva e bela...
    Beijinho
    ~~~~

    ResponderEliminar
  10. Em dias tristes e frios, tudo se conjuga para que a tristeza nos tome de assalto e convide à melancolia.
    Mas, amanhã será um outro dia, Cidália.

    Gostei do poema, embora triste.

    Boa semana.

    ResponderEliminar
  11. Excepcional poema
    Bjs

    Kique

    Hoje em Caminhos Percorridos - Alguém Sabia

    ResponderEliminar
  12. Poema profundo e cheio de emoção. Parabéns!!

    ResponderEliminar
  13. A solidão e tristeza que deram um belo poema, gostei e aproveito para desejar uma boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
  14. Lindo :))


    Bjos
    Votos de uma óptima Terça-Feira .

    ResponderEliminar
  15. Adoro! Muito característico de um amanhecer. Beijinho

    ResponderEliminar
  16. Há dias em que não vencemos o frio...
    Lindo...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  17. Versos carregados com uma dor que ando a sentir. E hoje o dia está frio e é quando mais sinto falta. Achei lindo. Abraços!

    ResponderEliminar
  18. Apesar da solidão, tristeza e saudade o poema não deixa de ser belo. Muito bem escrito.
    Bjs

    ResponderEliminar
  19. Muito triste, mas muito bonito.
    Adorei
    Beijinho

    ResponderEliminar
  20. existe beleza na tristeza, tenho meus momentos e não tento me fingir de alegre. uma bela e pungente poesia que desnuda almas. bjs no teu coração
    https://rimasnoar.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  21. Oi Cidália,
    É difícil quando amanhece nebuloso nosso dia, mas o amanhã exalará pelas frestas das janelas o perfume do lindo alvorecer.
    Bons fluídos para você
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  22. Ah, coração por que não te aquieta nesta melancolia, que tanto me arrebata a alegria, mas deixo viver em mim a poesia, que encanta com seus versos lapidados emocionados.
    Belo trabalho Cidália.
    Beijo e bom fim de noite amiga.

    ResponderEliminar
  23. Boa noite amiga, como vai ?
    E no final, todos já sentiram essa tristeza como está divinamente bem retratada em sua poesia. Parabéns, Grande abraço.

    Daniel.

    ResponderEliminar
  24. Boa tarde Cidália,
    Magnífico poema!
    Um beijinho.
    Ailime

    ResponderEliminar
  25. Tocante e emocionante poema amiga e fabulosamente escrito!
    É impossível não nos sentirmos tocados por essa onda emocional. Mas é bom sinal...um bom poeta tem que ter a capacidade de transmitir através suas palavras a sensibilidade da sua alma.

    Feliz semana amiga e beijinho grande

    ResponderEliminar
  26. Lindo demais seu poema!
    Infelizmente, é mesmo muito triste essa sensação de alguém que sumiu e não sabemos para onde...

    ResponderEliminar
  27. As tristezas fazem parte da vida,
    as alegrias da vida fazem parte
    umas e outras terão fim um dia
    até lá haja saúde e felicidade!

    Tenha uma boa tarde amiga Cidália.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  28. Imagens poéticas muito ternas... belíssimo.
    Beijos.
    ~~~

    ResponderEliminar
  29. Boa noite, querida amiga Cidália!
    Faz frio e meu 💙 sozinho emudece.
    Muito lindo esse verso!
    Sabe ser poeta a amiga...
    Felicidades e bênçãos para você!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    🙏😘

    ResponderEliminar
  30. Coração tao triste que o sol não
    aquece, e bem assim que acontece, Cidália um poema profundo bjs.

    ResponderEliminar
  31. Embora triste, mas uma majestosa poesia! Linda inspiração. Parabéns amiga. Bjuss

    ResponderEliminar
  32. A tristeza... proporcionando uma sentida e profunda inspiração, neste tocante poema!...
    Mais um belo momento poético, Cidália!
    Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: Cidália Ferreira (eu) 😘