sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019

Silêncio da Alma...

Ergo meus braços, ao dia que nasce
Não consigo esquecer a noite em branco
Sinto uma dor aguda na alma
Por incapacidade minha,
Sonhei acordada, em silêncio chorei
Mas o dia nasce e o sol acalma
As borboletas voltam ao meu imaginário
Quando passeio solitária pelo campo
Dou voz ao coração. Palavras silenciadas
*
Ergo meus braços perante a natureza
Recordo as palavras sem delicadeza
Os meus olhos lacrimejam, sem querer
O sol nasce mas as névoas aparecem
O frio entranha-se no meu pensamento,
Mas sem nunca perder a noção do tempo
Talvez a mágoa me faça aprender
Não deixarei de gostar da cor do dia
Nem nunca, da tua única companhia .
***
Cidália Ferreira

39 comentários:

  1. Olá querida Cidália, bom dia.

    A alegria pode durar uma noite, mas a alegria vem logo ao amanhecer, com o calor do nosso, nos mostrando como é bom viver.

    Abraços,
    Dan
    http://gagopoetico.blogspot.com/2019/01/principe-encantado.html

    ResponderEliminar
  2. Profunda e linda poesia com esse grande silêncio! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Bom dia, querida amiga Cidália!
    Chorar sem querer... pode e muito aliviar a alma...
    Felicidades e bênçãos para você!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem
    😘😘😘

    ResponderEliminar
  4. Uma profunda tristeza em suas palavras.
    Adorei,como sempre impecável!
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. A imagem é linda, mas o poema é melancólico!
    =)
    Bjinhos
    Por aqui com; Olhares e Deslumbres

    ResponderEliminar
  6. Olá:- Profundo, muito bonito. Um poema sublime.
    .
    Deixando cumprimentos poéticos

    *** . Meu amor ... amo-te tanto * **

    ResponderEliminar
  7. Mais um belo poema, como sempre.
    Gostei imenso.
    Cidália, continuação de boa semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  8. As dores da alma são as mais difíceis de sarar.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Que lindo, tanta inspiração neste poema! :) Beijinhos e boa noite.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  10. Oi Cidália
    Linda poesia
    Um desabafo?
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  11. Poema irrepreensível lindo
    Bjs

    Kique

    Hoje em Caminhos Percorridos - Cuidado Homens

    ResponderEliminar
  12. Assistir ao nascimento de um novo dia na companhia daqueles que amamos é uma felicidade sem preço.
    Bjs, bfds

    ResponderEliminar
  13. Poesia e essa Canção
    de fundo...
    Bela combinação.

    ResponderEliminar
  14. Cidália,
    Se em seu poema você ergue os braços
    em meu comentário
    Eu me curvo a sua poética.
    Bjins
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  15. A cor do dia...abraça-nos...
    Lindo...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  16. Sentimentos difíceis de serem parte de nosso cotidiano, cheio de saudades, embora com muita mágoa.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  17. Bom dia, Cidália. Parabenizo-lhe por tão magistral e sensória criatividade. Meu carinho e meus aplausos.

    ResponderEliminar
  18. Grandes emoções e grande poema amiga!
    Adorei!!! Um poema tocante e muito bem elaborado!

    Um abraço e um ótimo fim de semana

    ResponderEliminar
  19. São tão fortes as emoções,
    que se elevam ao pensamento
    felizes isentos de sofrimento
    no coração sentidas paixões!

    Tenha um bom fim de semana cara amiga Cidália.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  20. Há pessoas que, por si sós, já preenchem toda uma vida!

    Muito belo o poema.

    Beijo e bom fds, Cidália.

    ResponderEliminar
  21. Querida Cidália
    Como expressou bem os seus sentimentos neste tão lindo poema!
    Achei um pouco triste, talvez porque me revejo nas suas palavras.
    Bem haja!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  22. Que venha os raios de sol nos abraçar, e consolar nossa alma de toda a tristeza. Lindo, fique na paz.

    Dan
    https://gagopoetico.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  23. Que poema lindo para o fim de semana

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Belíssimo poema. Amei!
    Um beijo e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  25. Amiga querida, mais uma pérola de poesia! Parabéns! Abraços

    ResponderEliminar
  26. Oi Cidália
    Obrigada pelo carinho
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  27. E do silêncio da alma nasce um poema maravilhoso.
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  29. Por isso gosto tanto do meu silêncio perambulando pela Natureza...

    Boa semana!
    Bjinhos.

    ResponderEliminar
  30. Um poema muito belo e introspectivo... com a natureza a fazer-se sentir tão presente... Adorei! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: Cidália Ferreira (eu) 😘