quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Conheces meu olhar, como ninguém, talvez

Meu olhar nem sempre transmite o que sente
O meu coração padece num segredo absoluto
Por vezes não disfarço. Um olhar não mente
Mas tudo passa, a alegria volta não discuto
.
Sabes o que  sente o meu  olhar ao recordar
Aqueles momentos que me assolam o coração
Quando o que sente, é revolta, de não te dar
O que bem  mereces, e não me digas que não
.
Conheces o meu olhar, como ninguém, talvez
Notas no meu olhar a capacidade de te amar
Do meu coração conheces a minha sensatez 
.
Sabes o que sinto e o meu olhar não esquece
Vagueias em mim, na imensidão d'meu olhar
E na minha mente, só teu carinho prevalece.
****
Cidália Ferreira.

35 comentários:

  1. Muito linda poesia e quam nos ama, conhece tudo, sabe bem do que significa nosso olhar! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Quando o olhar é o itinerário secreto de outro olhar, nascem poemas assim... Muito belo, Cidália.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  3. Nosso olhar transmite o que desejamos.
    Lindo como sempre Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. so glad i found you today my friend!
    reading this highly sensitive piece of poetry brought tears in my eyes.

    our gaze is just "title" of the book of our personality

    ResponderEliminar
  5. Bellos y sentidos versos.

    Besos y feliz tarde.

    ResponderEliminar
  6. Olá, seu olhar apaixonado é como o algodão "não engana", linda declaração de amor.
    Continuação de boa semana,
    AG

    ResponderEliminar
  7. Bonita declaração de amor...

    Beijinhosss

    ResponderEliminar
  8. Lindo demais,amiga Cidália! Quando se ama conhece_se o ser amado em tudo,principalmente pelo olhar.Como dizem,os olhos são espelho da alma.
    Obrigada pelas visitas,volte sempre

    Beijos sabor carinho e uma quarta_feira de paz e alegrias

    Donetzka


    ResponderEliminar
  9. Olá Cidália
    Lindo poema, o olhar diz muito. Bjs

    ResponderEliminar
  10. Cidália gostei do teu "Conheces meu olhar, como ninguém, talvez", um belíssimo poema.
    Ótima continuação da semana.
    Um beijo. Pedro

    ResponderEliminar
  11. Costuma dizer-se que os olhos são o espelho da alma.
    Gostei!

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  12. Quem gosta de nos e nos amam conhece o nosso olhar
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Cidália linda a poesia, um olhar fala tudo, diz tudo, maravilhosas as palavras, Cidália bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  14. Oi Cidália,
    Seu olhar transmite tristeza, mas não é só o seu. Já é um consolo
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  15. Olá Cidália,
    Já sentia a falta destes poemas sempre encantadores e intensos! =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Nem sei que te diga amiga! Poema magnífico inspirado no teu olhar...um olhar sereno, transparente que é espelho da alma.
    Por muito que se consiga disfarçar, um olhar trai-nos quase sempre.
    Adorei o poema amiga. Agora tem um problema no pc caseiro e não consigo aceder aos sites.
    Um abraço e força para a continuidade poética

    ResponderEliminar
  17. Quando não há sintonia, dói sobremaneira quem ama
    e a vontade não disfarça completamente...
    O olhar não consegue enganar...
    Um tema singular desenvolvido num belo poema.
    Abraço, estimada Cidália.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  18. Enxergar o que existe fora é muito fácil. Olhar para dentro, o interior é sublime!AbraçO

    ResponderEliminar
  19. Um soneto que é uma declaração de amor.
    Muito bem rimado.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  20. Cara amiga Cidália, belo momento lírico. Lindo soneto!
    Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda tarde.

    ResponderEliminar
  21. Lindos versos, cheios de emoção e leveza.
    Um grande abraço!!

    ResponderEliminar
  22. Tão belo e sublime...

    Este conhecer no elo do amor fica nos olhos sempre!...
    Dias luminosos para você!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  23. Uma belíssima inspiração... com um cariz bem especial... e pessoal!
    Adorei este poema, onde a sensibilidade está bem patente, em cada palavra!
    Um beijinho grande! Continuação de uma boa semana...
    Ana

    ResponderEliminar
  24. Pelo olhar a vida se mostra e daqui te convidando para vinda à nossa www.hellowebradio.com ... você.Vem!
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  25. Um olhar diz tudo que mil palavras não possam dizer.
    Linda poesia. Parabéns poetisa sempre inspirada.

    ResponderEliminar
  26. Oi Cidália
    Ficou muito bom o grafite. Quem o fez?
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  27. Arrasou amiga como sempre, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  28. Olá Cidália, belo poema.
    Palavras para quê se por vezes o olhar diz tudo.
    Bjs

    ResponderEliminar
  29. Quem ama verdadeiramente conhece claramente o olhar de quem ama.
    Maravilhoso soneto.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: Cidália Ferreira (eu) 😘