domingo, 12 de julho de 2015

Permite-me...

Permite-me... que te entregue 
Meu coração recheado
De carinho, desejo, saudade
Meus braços abertos, aos teus,
Sentir teu peito suspirar 
Pelo calor do meu afecto
Que me faz por ti arfar, 
Permite-me...
Que te espere sem restrição
Sem medo nem preconceito 
Desta minha grande ilusão,
Entre areias do meu desejo
Querendo matar ansiedade 
Que vai dentro do meu coração,
Permite-me...
Que te abrace sem demora
Que te beije sem ter medo
Sem fugir, sem te largar
Sem deixar de saborear
O teu gosto, que ainda cá mora 
Permite-me...
E que seja este, nosso segredo!
 ***
Cidália Ferreira,

25 comentários:

  1. Lindo e um segredo pra ser bem guardado! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Muito bonito, Cidália.
    Há segredos que têm de ser guardados.
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Que lindo, amei ler amiga Cidália, amor é tudo de bom há que ser recíproco nas lindas permissões!
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
  4. Muito lindo esse pedido para o amor,principalmente se for mutuo.
    Bjs Cidália e um ótimo domingo..
    Carmen Lúcia

    ResponderEliminar
  5. Que poema tãoo amoroso..delicioso de ler :)
    beijinho e um bom fim de semana*
    http://mypreciouspace.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Mais um poema de muito sentir.
    Desejo que a amiga se encontre bem(e os seus)
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  7. Fascinante poema!
    Adorei a imagem, fantástica!
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Um escrito que merece mil penas de ouro... Amei vir aqui e Teu voto no 10º Pena de Ouro foi validado. Beijos da Sereia em teu coração.

    Ah! e teu blog está com mérito aqui....
    http://galeria-do-ostra-da-poesia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Que amor lindo, Cidália...
    Grande beijo, amiga!

    ResponderEliminar
  10. Permissão garantida acredito.

    Quanto ao segredo...há lá coisa melhor.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Muito adorável esse seu poema amiga! belo segredo para ser guardado, Um excelente Domingo beijo.

    ResponderEliminar
  12. Um belo segredo transformado em poema.

    Um abraço e bom Domingo.

    ResponderEliminar
  13. Que lindo segredo nestes soberbos versos amiga Cidália
    Mais um poema visceral amiga
    Beijos e um lindo domingo

    ResponderEliminar
  14. no amor tudo é (devia ser ) permitido!
    bom domingo
    beijos
    :)

    ResponderEliminar
  15. Gosto já sabes que sou tua grande admiradora parabéns amiga beijos laurinda anjo.

    ResponderEliminar
  16. Oi linda!
    Parabéns pelo se blog, tem cada poema mais lindo do que o outro.
    Bjs!

    http://viciadasemlivros911.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  17. No amor verdadeiro e partilhado tudo deve ser permitido.
    Esse é o segredo...

    Excelente poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  18. Oi Cidália
    Amei muito a poesia
    Beijos
    Dorli

    ResponderEliminar
  19. Permita-me querida Cidália,. isso mesmo que permita-me dizer o quanto o seu poema é tranquilizador e sincero.
    Emociona-me nas palavras.
    Grande abraço
    Nicinha

    ResponderEliminar
  20. Ler e reler um poema destes ao som desta melodia, enriquece-nos a alma e para longe saltam as tristezas.
    Obrigado amiga por nos oferecer tão boa leitura.
    Permito-me também retribuir a minha parte, com um beijinho de amizade e os votos de uma excelente semana !!!!!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  21. Cidáliamiga

    Escreves poesia como quem desfruta de uma fruta boa.... Ela escorre-te dos dedos, da cabeça e do coração... :-))))

    Não entendo o porquê de não entenderes os meus escritos e por isso não quereres comenta-los... Da próxima vez que o escreveres levanto-te a saia ou baixo-te os jeans e dou-te duas nalgadas... :-))))))

    Qjs do alfacinha brincalhão

    ResponderEliminar
  22. Segredos de amor.Maravilhoso poema,querida amiga Cidália.

    E permitir-se sempre a novos e emocionantes sentimentos significa estar viva! E com o
    coração transbordando de sonhos e realidades tão belas.

    Obrigada pela visita,amada.

    Linda semana de alegrias e paz

    Beijos sabor carinho

    Donetzka

    Blog Magia de =
    Donetzka

    ResponderEliminar
  23. Um pedido de permissão para que algo sagrado continue em segredo serviu de inspiração a este lindo poema...a repetição "permite-me" dá enfase ao poema...confere intensidade às emoções. /Um grande beijinho Cidália e continua a brindar-nos com um pouco da tua alma

    ResponderEliminar