5 de dezembro de 2021

Diz a Criança, perspicaz ...

Foto pessoal
******

Numa manhã de sol, mas fria
Depois de uma noite bem chuvosa
Amanhece a admiração, o fascínio
Pelas cores de outono, uma exaltação
Numa pequena caminhada, mais um dia
Se apreciam as folhas molhadas
Cada árvore a mais frondosa
Que envaidece a contemplação
*  
E dizendo a criança, perspicaz
Que o Inverno está para chegar
A admiração...então pergunta
'Como sabes? com tão tenra idade'?
Então respondeu o rapaz
Avó, quando as árvores ficam nuas
É inverno, é verdade,
E assim me calo, ficando a pensar...
*****
Cidália Ferreira


39 comentários:

  1. Olá, minha amiga. Adorei este texto! As crianças são sábias! Um grande beijinho 😘

    ResponderEliminar
  2. Muito bonito este poema!
    A foto está linda, com cores bem nítidas.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Linda foto, bela poesia e bem verdade!As crianças observam tudo! beijos, lindo fds! chica

    ResponderEliminar
  4. Que linda criatura y que preguntas mas oportuna, como saben ellos. Un beso y feliz fin de semana.

    ResponderEliminar
  5. Muito importante as crianças estarem em contacto com a natureza! Belo poema! Bjs

    ResponderEliminar
  6. Belo poema

    Beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  7. Belo e sensível poema, amiga Cidália!
    As crianças apesar de pequenas, são muito atentas à realidade da natureza.

    Gostei muito!
    Votos de um excelente fim de semana!
    Beijinhos!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. Olá Cidália,
    Que foto mais fofa :)
    Formidável poema, adorei!!!
    As crianças são super atentas e sabem dar a resposta certa!
    Bom fim-de-semana, beijinho!

    ResponderEliminar
  9. as crianças e suas descobertas. aqui é primavera, mas anda esquisita. beijos, pedrita

    ResponderEliminar
  10. As crianças na sua inocência têm a voz da sapiência. Saber ouvi-las aprende-se sempre algo de novo.
    Gostei muito deste poema. Avó e neto ( criança) numa conversa animada, sobre a natureza, que nos remete para uma grande reflexão sobre o entendimento do crescimento humano e tudo o que nos rodeia.

    ResponderEliminar
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  12. Um belo poema.
    Sempre será muito bom para as crianças o contato direto com a natureza.

    Um ótimo final de semana.
    Abraço

    ResponderEliminar
  13. Que lindo poema e esta criança é uma gracinha. 💖🤩💞💞

    ResponderEliminar
  14. Verdade, as árvores se desnudam até a chegada da primavera , e lindo quando observamos a mudança.
    Gostei do poema e do olhar infantil, já tão doce e perspicaz.
    bom fim e semana, Cidália com abraços

    ResponderEliminar
  15. Bela imagem e um belo poema!! beijinhos e um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  16. Fiquei encantada com o poema!!

    Bom fim de semana.
    http://www.opecadomoraemcasa.pt/

    ResponderEliminar
  17. Poema Encantador..
    Levou-me por meios de campos de árvores despidas ao sabor do vento ;)
    Obrigada pela partilha.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  18. As crianças são sinceras e tudo percebem.
    Doce poema, Cidália.
    Um carinhoso abraço
    Verena.

    ResponderEliminar
  19. Imagens inspiradoras e
    um lindo poema.
    Beijos,boa noite Cidália

    ResponderEliminar
  20. Oi, Cidália!
    As crianças aprendem primeiro pela observação. Muito perspicaz mesmo!!
    Beijus,

    ResponderEliminar
  21. Maravilha de Poema. Parabéns.



    Beijo
    SOL da Esteva

    ResponderEliminar
  22. Um poema tão simples, belo e verdadeiro. Gostei imenso e também das fotos.
    Beijos e um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  23. A sabedoria inocente das crianças.
    Terno e lindo poema.
    Bom fim de semana
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Querida poetisa Cidália amei ler o poema ...
    Que tudo que for bom
    chegue até você e transborde!
    Paz e Luz 🙏
    Meu carinho e gratidão sempre 🙏!
    Feliz fim de semana🌺
    Bjinhos 💖 🌷💐

    ResponderEliminar
  25. As crianças, para além de serem perspicazes, são naturalmente atentas aos sinais que a Natureza vai deixando. Nós, avós babadas, só temos olhos para eles/as e descuramos o seu interesse nas coisas que
    observam. Muito ternurento esse poema dedicatória.

    Abraços e mil felicidades para pequeninos e graúdos.
    Bom Domingo e resto deste sábado frio.

    ResponderEliminar
  26. Mais um bonito poema que vim cá conhecer.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  27. Boa noite Cidália,
    Um lindo poema de outono e bem perspicaz o seu neto!
    A foto é maravilhosa.
    Beijinhos e um bom domingo.
    Ailime

    ResponderEliminar
  28. As crianças e a sua perspicácia única!
    A fotos são um encanto e o poema está condizer.

    Um beijinho amiga Cidália.

    ResponderEliminar
  29. As crianças sempre nos surpreendem!
    beijinhos

    marisasclosetblog.com

    ResponderEliminar
  30. As crianças sempre nos surpreendendo!
    Gosto do poema e do olhar! Bom domingo!

    ResponderEliminar
  31. Wisdom of little ones to be appreciated. Beautiful poem and photos, love young generations. Have a lovely day.

    ResponderEliminar
  32. Lindas fotos e belíssimo poema.adorei.

    Cidália, tenha um bom domingo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  33. kids always make us surprise....
    lovely poem....

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma... Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira - (Eu) 😘