quinta-feira, 26 de setembro de 2019

No deambular dos meus pensamentos

Resultado de imagem para bodas de carvalho
Rompe o sol, através da neblina
Rompe pelos espaços das folhas caídas
Daquela árvore tão solitária
Tão firme, tão antiga
Que nem o vento consegue derrubar
Além, ao fundo daquela colina
*
No deambular dos meus pensamentos
Olho o horizonte, medito
Sobre um desejo que guardo no peito
Como quem guarda um segredo
De algo que já foi dito
De repente se imutam lamentos
*
Sinto que o meu coração fraqueja
Quando a brisa me beija o rosto
E me deixa sem jeito
Mesmo deambulando sozinha
Sinto que o sol me acarinha
Por entre os espaços do meu sorriso.
***
Cidália Ferreira.

29 comentários:

  1. Lindo e que boa sensação de ser acarinhada pela brisa e sol! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Marco Aurélio - Brasil25 de setembro de 2019 às 11:12

    Lindo... como sempre!!!!

    ResponderEliminar
  3. Um poema bonito, em conexão direta com a natureza.
    Bom dia,Cidália!

    ResponderEliminar
  4. Uma delícia ser acarinhada pelos elementos da natureza. Muito lindo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. O Outono faz disto, deixa-nos melancólicos e sonhadores.


    Boa tarde, Cidália

    ResponderEliminar
  6. Que se sonhe sempre....
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  7. Tanto o poema como a imagem ficaram muito bem. Parabéns :))
    Hoje no Brincando:-Instante ilusório

    Bjos
    Votos de uma óptima Quarta - Feira

    ResponderEliminar
  8. Como semore, estou aqui, sentado, no meu escritório, a tentar decifrar os teus pensamentos.
    Beijo

    ResponderEliminar
  9. Me ha gustado mucho visitarte..... Volveré

    ResponderEliminar
  10. Com alguma melancolia à mistura,
    o seu poema não deixa de ser fantástico
    não me parece muito animada nesta altura
    algo a apoquenta, ou estou enganado?

    Tenha uma boa noite amiga Cidália Ferreira. Beijos.

    ResponderEliminar
  11. Poema bonito e enternecedor, a caricia do sol para aquecer o coração
    Bjs
    Kique

    Hoje em Caminhos Percorridos - Visita à Real Fábrica do Gelo…

    ResponderEliminar
  12. Sempre se encontram alegrias quando se deambula...
    Está lindo e ótimo.
    Beijos
    ~~~

    ResponderEliminar
  13. Pensamentos muito bonitos, diria eu.
    Beijos

    ResponderEliminar
  14. Que lindo, gostei Ci.

    bjokas com carinho =)

    ResponderEliminar
  15. Os desejos não devem ser reprimidos...
    Gostei do poema, é magnífico.
    Cidália, tenha um bom resto de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  16. Sozinha, mas mais uma vez com um lindo poema! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  17. Maravilhoso poema, Cidália
    Obrigada por participar da Brincadeira lá no blog.
    Um carinhoso abraço
    Verena

    ResponderEliminar
  18. MUITO BONITO E A NATUREZA INSPIRANDO.

    GOSTEI MESMO.

    OBRIGADA PELA VISITAS

    BEIJOS E UMA NOITE FELIZ

    DONETZKA

    ResponderEliminar
  19. É tão lindo estar neste transe amiga.
    Sentir o beijo da brisa e sentir poesia nos olhos.
    Sempre lindo vir aqui inspirar-me.
    Bom lindo fim de semana na leveza.
    Beijo amiga e grato sempre pela atenção,incetivo e carinho.

    ResponderEliminar
  20. Que o sol ilumine sempre o seu caminho.
    Maravilhoso poema
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  21. Extraordinário poema como sempre!!! Palavras perfeitamente escolhidas e inspiradas numa imagem fabulosa!
    Continua assim!

    Beijinho grande

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: DEP. Legal: 374 492/14 - Cidália Ferreira (Eu) 😘