quinta-feira, 27 de julho de 2017

Espero-te como quem espera o amanhecer...

Resultado de imagem para imagens olhando a lua e as estrelas
A noite aproximou-se e nem sinal de ti
Foste embora, não te despediste,
Sabes que fazes parte do meu mundo
Do meu ser mais irreverente
Da minha existência,
Fazes parte das minhas noites encantadas
Dos meus momentos de vazio
Dos meus sonhos,
Fazes parte de mim, sentimento tão profundo,
.
Espero-te como quem espera o amanhecer,
És o sonho das minhas realidades
A lua que ilumina o meu coração,
Talvez não saibas, mas quero-te dizer
Existe em mim um defeito, a lealdade
Que me guia em teu sentido,
E nesta noite em que foste embora
Nada disseste, entristeci, sinto-me a perder
Toda a energia que tinha outrora...
***
Cidália Ferreira.

42 comentários:

  1. Inspiradíssima e linda poesia! Ótimo dia! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Um poema belíssimo.
    Gostei imenso, querida amiga.
    Cidália, um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  3. Simplesmente lindo!!

    Eu não gosto de esperar mas há momentos em que temos.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  4. Precioso poema, amiga mía.

    Besos y feliz tarde.

    ResponderEliminar
  5. Belíssimo poema
    Um lindo dia
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  6. Lindo poema, espelha tristeza e uma grande dedicação! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  7. Lindo poema, sempre bem inspirada!
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
  8. Quem espera, sempre alcança
    A vida é feita de Esperança
    De sonhos e fantasias
    De tristeza e Alegrias
    E de tudo o que se sente
    E, ao ler, assim de repente
    Até me senti mais gente
    Pois um dia também sonhei
    Que nesse mar embarquei
    Fui descobrir novos mundos
    E em sonhos mais profundos
    Voltei vestido a ouro
    Carreguei o meu tesouro
    Qual pirata em nostalgia
    Assim voltei eu um dia
    Dos mares antes navegados…..

    Beijinhos amiga Cidália, adorei o poema !!!!

    ResponderEliminar
  9. Olá amiga, linda poesia, cheia de saudade de alguém importante que se foi e deixou saudade. Nas noite frias aflora mais fortemente esse sentimento da falta que faz. Tenha uma noite de paz. Abraços da amiga Lourdes Duarte

    ResponderEliminar
  10. Que lindo poema gostei bastante
    https://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Olá, lindo poema de amor com grandeza, os sonhos transforma-se em realidades, é um questão de tempo.
    Feliz fim de semana
    AG

    ResponderEliminar
  12. A saudade chega nas noites em que o silêncio impera.
    Mais um lindo poema.

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  13. Cara amiga Cidália, belo poema repleto de lirismo e paixão. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderEliminar
  14. "" Quem espera sempre alcança"... Poema muito sedutor fazendo do amor doçura e desejo, bem como, conforto pela espera da pessoa amada.

    Beijo

    ResponderEliminar
  15. Olá Cidália querida

    Lindo poema.
    Encantador.


    Beijos
    Ani

    ResponderEliminar
  16. a espera por vezes é boa mas por vezes tambem pode nao ser boa depende do que esperamos mais um poema mt bonito parabens amiga bjs bfs

    ResponderEliminar
  17. Belíssimo! Mais uma de suas pérolas!

    Beijos sabor carinho

    Donetzka

    ResponderEliminar
  18. Mais um texto maravilhoso, querida Cidália.

    ResponderEliminar
  19. A passar por cá para desejar bom fim de semana!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  20. Poesia doce e linda. Suave inspiração. Bjs querida

    ResponderEliminar
  21. Simplesmente maravilhoso.
    Bom fim de semana
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  22. Como sempre excelente poesia.

    Desejo que tudo esteja muito bem.

    Bjs.

    Irene Alves

    ResponderEliminar
  23. Querida amiga vim deixar meu abraço
    e dizer que vc foi a sorteada no meu Blog
    deixe seus dados no meu e-amil para que eu
    possa enviar seu presentinho.

    atirap1@hotmail.com

    Fiquei feliz por vc bjuss fico aguardando seu e-mail!

    ResponderEliminar
  24. Saudades do que nos fez feliz e não volta.

    Magnífico poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  25. Inspiradíssima nos presenteando com mais uma de suas pérolas querida Cidália
    Beijos e um ótimo fim de semana

    ResponderEliminar
  26. Muito bonito o poema, adorei.
    Bj e bom domingo.

    ResponderEliminar
  27. Boa tarde, querida Cidália, belíssimo poema
    que exalta a saudade, a ida sem despedida a dor da separação, e a espera pela volta do amor que deixou suas marcas, no coração de quem ficou.
    Abraços e bom domingo!

    ResponderEliminar
  28. Obrigada pelo comentário
    https://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  29. É um golpe duríssimo, quando se ama...
    Excelente criatividade.
    Gostei do poema, estimada Cidáia.
    Beijinho
    ~~~~

    ResponderEliminar
  30. Oi Cidália,
    Poesia carregada de saudade e inspiração.
    Esperar cansa e traz desânimo,
    mas em alguns casos compensa.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  31. O poema está intenso, reflete bastante o sentimento. Boa semana. :)

    ResponderEliminar
  32. Olá, Cidália!
    A espera de um amor, que partiu, a dor dessa ansiosa espera às vezes é insuportável. Belíssimo poema, minha amiga.
    Um beijo. Pedro

    ResponderEliminar
  33. Obrigada pelo comentário
    https://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  34. Mais um trabalho belíssimo... e tocante...
    Para apreciar e reapreciar! Adorei!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar