terça-feira, 25 de julho de 2017

Ah... pudesse eu, mudar o sentido ao mundo.

Imagem relacionada
Ah... pudesse eu, mudar o sentido ao mundo
Mudaria esta grande distância que nos separa
Mudaria as coisas de um coração vagabundo
Neste vaguear da mente, ninguém me ampara
.
Ah... pudesse eu, dar-te-ia todo este universo
A beleza do céu, do mar, e as sensações reais
Aragens em pura magia, com quem converso 
Neste voo magistral entrego-te os meus ideais
.
E nesta  distância que  me enlouquece a alma
Pela  saudade  do teu carinho, que me acalma
Como calma é, a serenidade  das marés vivas 
.
Ah... se eu pudesse, ter-te  nos meus abraços
Acarinhar-te-ia do meu jeito, sem embaraços
E mudaria, estas nossas vidas, intempestivas.
****
Cidália Ferreira 

30 comentários:

  1. Lindos quereres em poesia,Cidália! Linda poesia! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Olá, Cidália!
    Gostei muito do seu " Ah... pudesse eu, mudar o sentido ao mundo", um belo poema, que tem versos belos como o que transcrevo, com a tua permissão:

    "Ah... pudesse eu, dar-te-ia todo este universo
    A beleza do céu, do mar, e as sensações reais
    Aragens em pura magia, com quem converso
    Neste voo magistral entrego-te os meus ideais"

    Boa continuação da semana.
    Um beijo. Pedro
    .

    ResponderEliminar
  3. Oi Cidália
    Que coisa linda, pois a maioria das pessoas só pensam si e aqui vejo uma bela esperança.
    Obrigada pelo carinho
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. Olá, Cidália, ah se eu pudesse mudar algumas coisas nesse mundo, faria que o amor entre as pessoas atingisse todos os cantos; reverteria o egoísmo em mais atenção, mais solidariedade; mudaria a conscientização dos governos para que os povos fossem mais felizes, menos doentes e a fome seria erradicada. Assim já estaria bom.
    Beijo, boa semana!

    ResponderEliminar
  5. Um poema belo e profundo... com o mar como tema de fundo... a par das inspiradas emoções da Cidália, nesse seu desejo de querer mudar o mundo!... Numa dupla perfeita!...
    Adorei cada palavra! Beijinhos, Cidália!
    Continuação de uma feliz e inspirada semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  6. Você pode tudo basta acreditar!!

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  7. Ah se eu pudesse..........mas não devemos abdicar dos nossos sonhos!
    Soberbo poema amiga com o teu toque tão especial! ADORO!
    Muitos beijinhos e feliz semana

    ResponderEliminar
  8. Mais um lindo poema! :) Também adorava saber encurtar distâncias, bem que podiam inventar uma forma de teletransporte! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  9. Olá Cidália,
    Se eu pudesse mudaria também
    uma infinidade de coisas...
    Lindo poema!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  10. Cara amiga Cidália, belo poema, linda imagem. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  11. Cidália, minha Amiga, gostei imenso deste seu soneto, arte que tão bem domina. É um poema carregado de emoções...
    Uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  12. Belo e profundo e se pudesse como seria diferente! Bj

    ResponderEliminar
  13. Se todos tivéssemos esse poder...belo poema!

    Beijinho
    https://diamonds-inthe-sky.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Sublime!
    Adorei.

    Parabéns, Cidália.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  15. Tão linda sua poesia,querida amiga Cidália!

    Mudar sempre para melhor tem que ser nosso objetivo nesse mundo.

    Amo seu espaço!

    Recebi sua atualização e vim rapidinho ver!

    Obrigada pelas visitas,uma quarta_feira de Paz Profunda

    Beijos sabor carinho

    Donetzka

    Blog Magia de Donetzka

    ResponderEliminar
  16. um soneto bem ao estilo da Cidália.
    muito belo.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  17. Pudesse eu mudar o sentido ao mundo e por estes dias, tinha mudado algumas coisas :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Cidália também se eu pudesse mudar o sentido ao mundo seria tão bom, muitas coisas seriam mudado para melhor, Cidália bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  19. Bom dia, Cidália
    Linda reflexão, bjs querida.

    ResponderEliminar
  20. A distância acorrenta o nosso coração.
    Maravilhoso poema.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  21. Bom dia Cidália, creio que seus quereres são os quereres de muitos de nós, distância e amor não combina, se tivéssemos o poder de mudar seria uma ótima pedida ver o amor se espraiar como a onda na areia por todos os cantos e corações.
    Tenha uma boa semana.
    Abraço!

    ResponderEliminar
  22. De volta e por aqui te fazendo uma visitinha. AbraçO

    ResponderEliminar
  23. Ah, como a compreendo, CI...

    Beijinho e Agosto feliz :)

    ResponderEliminar