sábado, 24 de setembro de 2016

Passaram sete anos ...

 "24 de Setembro de 2009 pelas-18H25 m" 
Passaram 7 anos, desde então, parece que nunca mais fui a mesma! Aprendi muita coisa, passei por muita coisa, e claro, fiquei velha para arranjar trabalho. Confesso que me cansei de andar à procura e ouvir sempre a mesma conversa, (a idade...). A vontade de sair e de me arranjar é nula. Ouvir no seio familiar certas palavras, doem, doem tanto que dão revolta... quase sempre quando saio, é por favor...

Por vezes interrogo-me, o que fiquei eu a fazer por cá? Estou cansada, talvez desiludida com muita coisa. "Apesar de agradecer todos os dias pelo facto de estar viva e "perfeita-dentro da possibilidade" e porque penso nos meus filhos e netas". Mas, penso também que, já pouca utilidade tenho, para a nossa sociedade.

Existem fases da vida, em que a escuridão toma conta na minha alma e a tristeza domina o meu coração. Neste momento, olho o espelho, e não gosto daquela imagem. É apenas uma questão de tempo. 

Desabafo, apenas desabafo. AQUI
Bom fim de semana, repleto de paz. 

Cidália Ferreira.

25 comentários:

  1. Oi linda amiga Cidália,o que passou mesmo que tenha lhe deixado ínfimas sequelas,não deixou de mostrar a sua beleza interior e exterior.
    Você tem o dom da escrita e essa é uma grande virtude.Não fique na escuridão,deixe sua alma brilhar sempre através dos poemas e poesias que tanto nos encantam.
    Muitas vezes é bom esse desabafo,mas pense que a beleza maior está em suas mãos quando deixa nas linhas as suas inspirações.
    Jamais deixe de sorrir,pois ainda tem uma vida inteira para viver com alegria,junto aos seus familiares.
    Bjs com carinho.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  2. La vida es un mundo complejo lleno de adversidades.

    Siempre un placer leerte.

    Un beso.

    ResponderEliminar
  3. Cidália, desabafar faz bem e é preciso.Depois, repensas que estás viva, tens muito a te esperar e seguir em frente, com cabeça ao alto é preciso! Fica bem, beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  4. Cidália
    fui ler o poste "antes" e fiquei demasiado comovida.
    sei que são palavras, mas, a esperança é sempre a última a morrer.
    desejo que tudo de bom para si, e lembre há sempre um novo amanhecer.
    beijo

    :(

    ResponderEliminar
  5. Amiga Cidália, sei que não é fácil a vida, mas tens sim uma coisa que muita gente não tem, talento em suas escritas, seus belos poemas e a Vida, estar viva é tudo de bom, e linda, claro que sabes disso e eu nem precisaria dizer aqui!
    Agradecer é um ato que nos faz sentir feliz e útil, sim, és útil e fazes falta aos seus, mereces amor e creio que tens!
    Amei ler aqui, embora se sinta muitas vezes triste, mas isso é nato no ser humano, há influências externas que nem sempre percebemos, portanto quando se sentires triste, pense em tudo de bom que a vida ainda tem para lhe oferecer!
    Abraços linda amiga, acompanho sua vida já faz muito tempo, portanto já somos amiga íntimas, embora virtuais, mas não importa, o que importa é a alma, almas que se amam!

    ResponderEliminar
  6. Cidália, por favor não estejas assim! És uma pessoa maravilhosa e eu adoro-te!

    ResponderEliminar
  7. EU sei o que você fala Cidália...
    O mesmo se passou comigo!!
    O que fica??? Um sentimento de ingratidão!!
    Velha(o) é tua mãe!!! Dá vontade de gritar!!
    Beijos do amigo Marco que muito te adora!!!

    ResponderEliminar
  8. Oi Cidália,me falta as palavras certas no momento amiga,a impressão que tenho é que vc ao invés de estar recebendo o conforto esta nos confortando. imagino como tem sido difícil conviver com inconvenientes relacionados a esse triste acontecimento.É o que eu sempre digo amiga: Deus não nos dá nada daquilo que ñ possamos suportar,e apesar (D) vc tem suportado amiga,e isso lhe faz vitoriosa. Um hora Cidália Deus lhe dará a recompensa,qual nós não sabemos,mas só Ele poderá te dá.Tenha fé, mantenha-se forte e acredite que é possível superar essa adversidade...A vida nem sempre é justa, nem sempre as coisas funcionam do jeito que a gente quer. Acontece que você é forte, bem mais forte do que julga, Você vai sair dessa!
    Bjsss e fica com Deus.

    ResponderEliminar
  9. Querida Cidália
    Não te entregues à tristeza amiga e não permita que a mágoa se instale no seu coração. Tu és uma pessoa admirável, talentosa e grande valor. O teu trabalho como escritora é um brinde aos leitores que te acompanham podendo deleitar-se com a maestria dos seus escritos poéticos. Essa tristeza é momentânea. Coloque nos lábios um lindo sorriso e brinde à vida, ao seu grandioso talento
    Fica bem amiga e não te esqueça essa fase ruim irá se evaporar como uma nuvem de fumaça
    Um domingo feliz pleno de bênçãos e alegrias
    Beijos

    ResponderEliminar
  10. Fui ler o antes. Fiquei arrepiada e comovida com o seu sofrimento.
    A vida é uma sucessão de lutas e você venceu uma bem difícil. Lembrará sempre com terror, mas está viva e isso é o principal.
    Frustrante não conseguir emprego, infelizmente em Portugal é difícil conseguir-se emprego depois dos 35.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Querida Cidáliamiga

    Como eu te compreendo. A vida é madrasta! Eu diria até que a vida é uma filha da puta! Mas, olha-a de frente e diz-lhe que não te vence - porque tu não te deixas derrotar. Porque tu não queres Ponto de exclamação

    O meu primogénito Miguel, economista, tem 52 anos e trabalhou na AVIS - Rent a Car durante 23 anos como Diretor Administrativo e Financeiro. Em 2011 foi considerado o melhor da Europa no seu lugar - com diploma e notícia no Face Book.

    Em 2012 os americanos compraram a empresa e decidiram que haveria uma única Direcção para a Ibéria sediada em Madrid. Começaram a despedir o pessoal de Lisboa a começar pelo Director-Geral; seguiram-se outros trabalhadores administrativos pois só ficavam os comerciais para alugar os carros.

    Claro que trouxeram com eles os espanhóis - que só faziam burradas, o que levou o meu Miguel ir várias vezes a Madrid para endireitar o torto que eles faziam; logo ficaram-lhe com um ódio de morte.

    Durante quatro anos "fizeram-lhe" a cabeça para ver se ele se despedia - mas ele não o fez, apesar das merdas que ia sofrendo -e aguentando. Agora despediram-no e quiseram pagar-lhe uma indemnização anedótica; o caso já está em tribunal.

    Com os dois filhos na universidade e ainda que a mulher a trabalhar é o cabo dos trabalhos: aos 52 anos é velho para arranjar trabalho e novo para se reformar. Mas continuamos ele e eu a lutar por conseguir alguma coisa - com a esperança de a alcançar. Uma estória triste mas que infelizmente já se tornou vulgar. E que ta conto para que tem sirva de lenitivo e te alimente a esperança que tens de ter.

    Qjs do Henrique, o Leãozão

    Se quiseres desabafar mais podes fazê-lo lá na NOSSA TRAVESSA onde como sempre serás bem recebida e terás um ombro amigo para te encostares... Podes vir quando quiseres

    ResponderEliminar
  12. Bom fim de semana...e força para continuar em frente, mesmo que a vida não seja fácil...


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  13. Cidália, espero que seja o desabafo poético. A vida prega-nos partida, mas temos que continuar (que remédio!) e sobretudo não deixar de gostar de si própria. Pessoalmente gosto da sua imagem nas fotos e a Cidália foi abençoada com um grande dom, a escrita poética. Tomara eu!
    Força!!!!
    Um beijo grande.

    ResponderEliminar
  14. Ci, a vida não é fácil, não.

    A Terra é um planeta de aprendizagem e nós temos que integrar em nós toda a sabedoria possível, muitas vezes com sabor de ´lágrimas bem amargas.

    Porém, estamos cá e , pode crer, o mais importante de tudo somos nós, sempre!

    Abraço caloroso com votos de boa semana e coragem.

    ResponderEliminar
  15. A vida é uma luta permanente minha amiga e não se deixe abater pelas adversidades que encontramos pelo caminho, pois dias sorridentes hão-de vir.
    Um abraço e bom Domingo.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  16. Amiga Cidália, há dias, horas, momentos, que mudam a nossa vida para sempre, também sei o que é esse sentir.
    Mas todos os dias renovo a esperança e alimento-me com tanta coisa boa que a vida nos oferece.
    A poesia é uma delas e a Amizade o elo forte que nos une.

    Um beijinho e muita muita coragem!

    ResponderEliminar
  17. Ah, não fique assim, você é uma pessoa tão inspirada, brilhante, tem aura boa, isso é só fase, todos nós temos isso. Importa é que está firme na luta. Sempre quis dizer, mas hoje me lembrei, a música passando é linda. bjssss.

    ResponderEliminar
  18. Então Cidália? que conversa é essa? nada disso, ainda tens muito
    para oferecer amiga, é dificil, eu sei, estou na mesma situação,
    mas DEUS DIZ: QUE ESTARÁ SEMPRE COM SEUS SERVOS, ânimo amiga, bjs

    ResponderEliminar
  19. Como assim?

    Nem quero acreditar que desistes.

    Nem penses, ouviste.

    A idade não é desculpa ou argumento para arranjar trabalho.

    Pode ser dificil e complicado, mas há sempre algo para nós.

    Pode não ser o que sonhamos ou gostamos, mas estar ativa, sair todos os dias e sentirmo-nos úteis é super importante.

    Desistir é opçãp, mas não caminho

    Força, conta comigo.

    Beijo

    ResponderEliminar
  20. Oi Cidália,
    Todos temos momentos de tristezas, mas sinto a sua tristeza diária. Louve a Deus por estar viva e poder ver os netos.
    Eu era linda, mas ela foi murchando com o tempo, mas não ligo, onde penso: pelo ao menos eu fui. E quem nasceu sem vida? A dor dessa mãe é enorme.
    Apesar dos pesares que a gente sabe, louve a Deu por estar viva e à noite se jogar no mar e nadar.
    Você vai conseguir emprego logo, vou orar por você.
    Hoje também estou triste, com dores fortes e cá estou a animá-la.
    Confie em Deus e em você
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  21. Oi Cidália
    Coragem, minha amiga, pois a vida não é um mar de flores.
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderEliminar
  22. Oh amiga Cidália que desabafo tão amargurado! A vida não é perfeita e a caminhada é feita sempre aos solavancos e a nossa capacidade de luta e de sobrevivência é posta à prova diariamente.
    Nada acontece por acaso e se estás cá, tens a tua utilidade para o mundo mas principalmente para os que te rodeiam e te amam.
    Para estares bem com os outros tens que estar bem contigo, não te menosprezes...arranja-te...sai...sorri. Um sorriso faz milagres mesmo que muitas vezes a nossa alma está a chorar.
    Não digas que és velha e como diz o ditado "velhos são os trapos", mentaliza-te que a tua essência é jovem.
    Um abraço amiga, faz favor de sorrir e ser feliz

    ResponderEliminar
  23. Minha amiga passou por momentos terríveis, mas tem a sua família ao seu lado e cada amanhecer pode trazer consigo novas alegrias e novas conquistas. A aparência exterior não interessa o importante é o que somos interiormente. Saía de casa e calmamente aprecie as pequenas grandes coisas que estão ao nosso redor e que muitas vezes nem as vemos.
    Um grande beijinho
    Maria

    ResponderEliminar