quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Sentia que o vento me trazia esperança.


Sentia que o vento me trazia esperança
O sol sorria-me, com a tua mensagem 
Por campos em liberdade  sou criança
Que liberta sentimentos pela paisagem
.
Carrega  meu peito a saudade que dói
Nas  nuvens escondo meu rosto, sofro
Sinto um sufoco, algo que  me corrói  
E me leva o sorriso apenas num sopro
.
Corro aos ventos deixando fragrância 
Mágoas, anseios, saudades tremendas
Que me acontecem na insignificância
.
Cubro-me de esperança e várias cores
Em liberdade roubada  e pelas fendas
Sinto que o vento  me traz dissabores.
****
Cidália Ferreira

27 comentários:

  1. Que lindo e tão bom quando o que o vento traz é esperança! bjs, chica e lindo dia!

    ResponderEliminar
  2. Infelizmente nem sempre o vento trás boas noticias.
    Um belo poema.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderEliminar
  3. O vento muitas vezes chega forte,e leva a nossa esperança,mas sem esperarmos poderá tornar-se uma brisa.
    Lindo e triste.
    Bjs amiga Cidália e obrigada pela visita.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. É os vento nos trás uma brise triste.
    BeijOS Ci

    ResponderEliminar
  5. Uma simples palavra para definir este poema

    ... BRILHANTE ,,,

    Bjus

    ResponderEliminar
  6. Oi, Cidalia! Tudo bem com você?
    Muito obrigada por mais um lindo poema.
    Beijokas!!!
    http://viciadaporlivro.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  7. Oi Cidália,
    Que esse vento lhe traga todos os fluídos bom para seu ser.
    Linda poesia
    Beijinhos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  8. Maravilhoso poema com uma bela imagem

    Bjos

    ResponderEliminar
  9. Em teu poema registas
    Sentimentos de saudade
    Qual borboleta perdida
    Que busca felicidade
    Sabendo que são palavras
    As que escreves no papel
    Apenas em nós confirma
    Teu coração que é de mel.

    Obrigado amiga e feliz quinta feira.....Beijinho

    ResponderEliminar
  10. Lindo soneto, os bons ventos que trazem esperança!
    A imagem é linda, amei ler linda amiga!
    Abraços!

    ResponderEliminar
  11. BELÍSSIMO! QUE ESSE VENTO LHE TRAGA SOMENTE ALEGRIAS E ESPERANÇA SEMPRE PRESENTE!

    QUE LINDINHO VC VISITAR MEU BLOG PARA DEIXAR UM BEIJINHO DE BOA NOITE,QUERIDA AMIGA POETA CIDÁLIA!!!

    MIL BEIJINHOS E OBRIGADA POR SER TÃO CARINHOSA COMIGO.ADORO VOCÊ!

    OBRIGADA PELA VISITA,UMA NOITE DE SONHOS MARAVILHOSOS .

    BEIJOS SABOR CARINHO

    DONETZKA

    ResponderEliminar
  12. Ainda bem que o vento vai levar todas saudades contida
    na sua alma e trazendo amor e carinho para esse coração
    solitario pela a saudade, bjs bom dia querida Cida.
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=EgeQXJjUpSQ
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  13. Hoje o vento me trouxe esse lindo escrito que renova minha esperança nesse dia frio e desanimador.
    Bjuss!

    ResponderEliminar
  14. Tentamos soltar ao vento as nossas angústias e tantas vezes ele nos devolve todas...
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  15. Que os bons ventos lhe soprem esperança e encham sua vida de alegria.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  16. Como sempre, aqui leio lindos poemas. Parabéns

    Beijocas

    ResponderEliminar
  17. Temos sempre que acreditar que a esperança vem, que venha sempre ventos bons trazendo esperança para aqueles que creem, beijos.

    ResponderEliminar
  18. o vento até pode trazer dissabores, mas tem que manter acesa a chama da esperança.

    beijo

    :)

    ResponderEliminar
  19. Maravilhosas palavras feitas poema. Lindo mesmo.
    Bjo

    ResponderEliminar
  20. O vento sempre traz esperança e luz.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Eu não gosto muito de vento, acho-o muito atrevido.
    Mas gostei do seu poema.
    Desejando que se encontre bem.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  22. Amei Cidália!!
    O vento sempre nos trás esperanças,e nos leva aonde desejamos.
    Lindíssimo poema!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  23. E hoje o vento trouxe-me tantas coisas boas!!!
    Até este blog!
    Beijinhos e espero a sua visita sempre!

    ResponderEliminar
  24. A esperança trazida com o sopro do vento inspirou-te divinamente!!! Lindo ...lindo...lindo este poema nos derrete o coração! Adorei Cidália! Um abraço grande para ti e feliz dia

    ResponderEliminar
  25. Boa tarde Cidália,
    Um poema muito belo!
    A esperança é a ultima coisa a morrer!
    Que o vento a devolva num "golpe de asa".
    Beijinhos e uma boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar