quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Esperei por ti, em lençol de areia fina...

Esperei por ti, em lençol de areia fina
Vestida de carinho, esperando ao luar
Reflectindo numa palavra que defina
A minha beleza, que a sinto a flutuar

Ouvia na  serenidade águas dançantes
Escutava o som das aves que sorriam
Se escondiam entre nuvens brilhantes
Ao cair o dia, onde elas desapareciam

Sentia no ar teu cheiro a flor de jasmim
No ouvido, teus sussurros não terão fim
Enquanto  medito sobre a nossa paixão

Esperei por ti, neste espaço  enfeitado
De areias brilhantes e amor encantado
Fazendo delirar meu solitário coração.
****
Cidália Ferreira 

29 comentários:

  1. Linda espera de amor! Esse lençol de areia é maravilhoso!

    bjs,chica e lindo dia!

    ResponderEliminar
  2. Lindissimo poema de amor. Gostei muito
    Bjus.

    ResponderEliminar
  3. It looks very nice!

    With love, Nastya Deutsch
    nastyadeutsch.blogspot.ru

    ResponderEliminar
  4. Sensual e lindíssima poesia.
    Bjs Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Oi Cidália,
    Está escrevendo cada dia melhor
    Parabéns
    Beijos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  6. Sempre com lindos e sedutores poema. Parabéns!
    :-)

    Beijocas- Visite- http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Cidália Ferreira, sempre bonita poesia, como neste soneto de intensidade, de que se gosta.
    Abraços

    ResponderEliminar
  8. Belo poema!!!! Parabéns!

    http://esposasintercessoras.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  9. Hummmm Gostei da poesia e da sua sensualidade.
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. eu sei que me repito, mas esperar é um meio de conseguir....

    beijo

    :)

    ResponderEliminar
  11. Amiga Cidália, gosto de duas características, os quais considero marcantes na tua arte: a musicalidade e a ênfase a natureza, ou seja, sempre cantas a areia, a praia, o mar, o luar...
    Eu gosto muito disso. Antigamente, bem antigamente, eu também fiz vários poemas alusivos à natureza, aliás, às vezes, ainda faço um que outro neste gênero.
    Um abração. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  12. Amiga Cidália, observei dois erros infantis já no início do meu comentário: troque o artigo feminino pelo masculino e esqueci da crase. Percebi ao ler, após o envio.
    Peço perdão pela falha.

    ResponderEliminar
  13. Bonita inspiração deu origem a um poema belo e sedutor
    Bjus

    ResponderEliminar
  14. Cidália: Belo poema uma linda inspiração adorei ler.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderEliminar
  15. Lindíssimo amor na areia!!
    Adorei Cidália.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  16. Olá Cidália! Passando para te cumprimentar e apreciar esta tua bela criação.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  17. Sempre dando um show de palavras vindo do fundo
    da alma para nos surpreender,
    Venham participa do sorteio de 03 anos do blog.
    Canal: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  18. Um soneto que flui como areia fina.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Cidália
    Uma linda noite
    Beijos
    Dorli Ramos

    ResponderEliminar
  20. Sempre um hino ao amor,Cidália
    Eu gosto!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Poema encantador! A paixão enaltecida pelas tuas palavras faz delirar os nossos corações! A imagem está divina e como sempre dá um toque pessoal ás tuas poesias. Muitos beijinhos e felizes inspirações

    ResponderEliminar
  22. Adorei achar voce no Blog de um amigo ou amiga em comum, amo poesia e escreve e adorei o que li acima, espero que possamos visitar um ao outro, tenha um lindo fds, beijos !!!

    ResponderEliminar