quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Tão cinzenta a solidão.

 ...//...
Tão cinzenta a solidão
Que persegue meu destino
Neste caminho sem fim
Que me leva ao desespero,
Quero fugir deste ermo
De todo este tormento,
Não será a despedia
Apenas coisas do tempo,
Caem folhas sobre mim
Orvalhadas, em meu redor,
Caem gotas de tristeza
Que magoa o coração
Neste caminho cinzento
Que me traz recordação,
Não quero mais viver
Apenas neste momento
Serei chuva ou serei vento,
...Solidão que faz doer!
***
Cidália Ferreira

20 comentários:

  1. Bom dia, poema muito belo, escrito com palavras sentidas que revelam tristeza vivida diariamente, o planeta terra dividido por cinco continentes é habitado por biliões de pessoas, significa que não estamos sós. Se libertarmos a nosso pensamento e absorvermos toda motivação, consegue-se ultrapassar os obstáculos que nos prendem à solidão.
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Expressaste muito bem a solidão, até na cor é triste! bjs, chica e lindo dia!

    ResponderEliminar
  3. A solidão pode ser cinzento escuro ou claro, e quando é cinzento claro permite a abertura para o sol, enquanto a solidão cinzento escuro pode proporcionar as mais profundas inspirações poéticas.
    Belo poema!
    xx

    ResponderEliminar
  4. Oi Cidália,como a solidão nos deixa triste,tudo parece tão escuro,mas vamos clarear esses pensamentos e deixar de lado essa solidão.
    Lindo poema.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Um poema lindo, denotando uma tristeza...uma alma só...o apelo à vida e à felicidade...adorei Cidália...saliento que muitas vezes a solidão é necessária..para reflectir..para irmos ao encontro de nós mesmo...

    ResponderEliminar
  6. Os momentos tristes fazem parte da alma humana e da poética dos poetas.
    A música ao fundo ajuda muito a imaginar uma atmosfera de solidão, não necessariamente sofrida.
    Sair do foco é uma dica_ te-la como amiga e com ela compartilhar _ ah solidão que me faz refletir o quanto ainda posso melhorar.! rs
    abraços Cidália_ Parabéns pelo dom de comover.

    ResponderEliminar
  7. Oi Ci

    As vezes a solidão insiste em ser minha amiga, mas eu não quero parceria com ela rs...

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  8. A solidão é mesmo triste e cinzenta!
    Lindo poetar amiga Cidália!
    Abraços!

    ResponderEliminar
  9. Oi Cidália,
    A solidão é um estado de espírito, eu gosto, mas por enquanto estou com pessoas que dependem do meu amor.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde amiga.
    Gosto do poema, lindo como sempre, só que, demasiado cinzento, de facto.
    Temos que dar luz ás mágoas, também para ver se o Sol volta com força !!!!!
    Bejinho amiga e muitas felicidades......coloridas !!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  11. Além de ser triste, a solidão, deu um poema muito belo.
    Upa Amiga!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  12. A solidão essa palavra já dá uma tristeza, não gosto, mas isso acontece. pior acontece quando cercado por amigos e familäres que nos amam.
    "A pior solidão, é aquela que acontece dentro de nós. beijo.
    http://www.ficarbem.com/

    ResponderEliminar
  13. lindo amiga cheio de tristeza, mas lindo um beijo

    ResponderEliminar
  14. A solidão é triste mais oa poesia esta maravilhosa
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  15. Nostalgico mas lindo e poetico!
    Gostp de tua sensibilidade,

    Beijos

    ResponderEliminar
  16. a solidão quando não é procurada, pode ser muito cinzenta, temos de saber gerir e encontrar outras cores para a amenizar....

    :)

    ResponderEliminar
  17. oi Ci

    A ausência apaga as pequenas paixões e fortalece as grandes.

    bjokas =)

    ResponderEliminar