sábado, 7 de junho de 2014

Espero-te aqui...



Espero-te aqui…
Como quem espera um tesouro,
Em noite de luar, deslumbrante,
Brilhante, como a luz do teu olhar,
Espero por ti...
 Como espero pelo dia,
Pelo sol que nos encanta ,
Que me aquece, enlouquece,
Nesta espera tão desejosa,
Prometida,  e na esperança,
Do meu anseio, da saudade,
De saciar esta vontade,
Nesta espera que me aperta,
Com saudade do teu toque,
Abraçada ao encanto,
Do teu ar angelical,
Espero por ti…
No meu recanto, sozinha,
De braços abertos,  sentimento
Como espero pelo momento,
Em que me dás um sinal,
Do amor, do teu carinho,
Do nosso momento magistral,
Espero por ti…Aqui !
*****

Cidália Ferreira

16 comentários:

  1. Esperar pelo amor vale a pena, mesmo que demore um pouco,Cidália passando pra desejar um ótimo sábado beijos.

    ResponderEliminar

  2. Amada Cidália, que lindo poema!
    Essa busca em prol da felicidade nos faz realmente esperar, e o tempo passa e vamos aprendendo a amar melhor, sermos melhores em tudo.
    Aprecio essa sua intensa forma de poetisa voltada para o amor romantico, é muito lindo.
    Maravilhosa expressão.
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Muito bonito. Oxalá essa tua espera tenha sucesso...e a (cadeira aguente, lool)
    Beijinhos

    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Espera ansiosa e linda! beijos,ótimo fds! chica

    ResponderEliminar
  5. olá Cidália
    muito linda e emocionante a sua espera...lindo poema, gostei muito

    beijinho grande e um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Muito agradável ler seu bonito poema ao som de tão belo fundo musical,sabe?

    Grato abraço, Ci.

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde!! Cidália, lindo poema, sempre ficamos esperando por momentos felizes, e quando vem, nos marcam, pela vida toda ... bjss flor de coração

    ResponderEliminar
  8. Sempre com belas poesias. Gostei muito.

    Bom fim de semana.
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. É só para agradecer os teus comentários; deixar-te um beijinho e dizer-te que o meu regresso à blogosfera está para breve!
    :))

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A espera é uma tortura que dura eras, quando demora. Bom é a saciedade do encontro, do encanto de dois braços abertos, de dois corpos se encontrando.

      Eliminar
  11. Cidália, lindo como sempre seus poemas, bom fim de semana, beijo amiga

    ResponderEliminar
  12. Nossa, que poema LINDOOOO !
    Amei seu blog *-*

    garotasimplesvem.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  13. Super lindoooo!
    Tenha uma espera bem sucedida
    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Lindooooooo,Cidália! Você se superando sempre,amiga!

    Desculpe a demora da visita,mas minha conexão estava péssima.

    Beijos e uma semana de alegrias

    Donetzka

    Face Book:


    https://www.facebook.com/donetzka.cercck

    Twitter: @donetzka13


    Blog Magia de Donetzka





    ResponderEliminar
  15. Querida Cidália
    Um poema cheio de esperança!
    Desejo-lhe que não tenha de esperar muito!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar