sábado, 31 de agosto de 2013

"Enquanto espero"

[Clic no video]
*/*
Enquanto espero,
Vou pensando
Em tudo  o que  quero dizer,
Na força… na coragem,
Nas palavras que mereces ouvir,
Tua presença ….
É  água que preciso beber,
Saciar a vontade, de ter ver,
Do teu carinho, teu  sorriso,
Da partilha … da humildade,
O sentimento … a entrega,
O carinho … a sinceridade,
A espera…  O  desejo...
Que  voltes  a ser feliz,
Como antes...
Que o teu sorriso  seja 
Contagiante...
Enquanto isso…
Vou … pensando,
Vou esperando
Por um sorriso teu..

Que tão feliz deixa
Um coração como o meu
****
Cf


sexta-feira, 30 de agosto de 2013

"Obrigado pela Coragem"


(Clike no videio) 
Homenagem a todas as todas as "Ritas" 
Bombeiros/as   deste  País!
*/*
Espreito pela janela,  parecia nevoeiro,
Ninguém passava,  não havia barulho,
Parecia que tudo fugia,
Abro a janela,
Sinto uma aragem, quente
Estrada deserta,
Tempo  esquisito,  caíam fagulhas,
Eu, sozinha olhando...
Afinal, não era nevoeiro,
Era mesmo fumo,  espalhando,
Era a nossa natureza,
Que estava a desaparecer,
Gente sem coração...
Que não pensam nos que lutam,
Para salvar a própria vida
do assassino  à solta...
Acabando, quem luta,  por perder vida.
Quantos já foram traídos pelas chamas
…Quantos, meu Deus... Quantos...!!
Parece  não ter fim,  é triste...
Lutar para salvar... e não conseguir escapar,
Por quem  não tem cabeça, ou se deixa influenciar,
Por dinheiro,  ou maldade…
Tudo isto é crueldade....
Da minha janela  observava, o fumo,
Pensava … que castigo será dado,
Para quem comete estes  "crimes tão macabros"?
...Dói muito...
Há mortes  a lamentar!!
E uma  natureza a desaparecer  ...
Faça-se  justiça!!!




Cidália ferreira

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

"Quando penso na solidão"

Quando penso  na solidão
Que meu coração se encontra
É como  se tudo fosse em vão
E ser da própria alegria,  contra

Palavras que foram ditas
Lidas,  escutadas com  emoção
Tua  forma  de expressar a escrita
Entra-me no coração

Sozinha me encontro,  esperando  
Foi um acaso… ficou a saudade
Tudo o que sonhei, era  encanto
Continuo a lutar por ti... verdade!

Não ficarei a sofrer  por castigo
Farás parte  da  caminhada
Meu destino tracei-o contigo
Nesta luta  constante,  determinada

Quero   neste momento
Afastar minha  solidão
Tira-me deste tormento
 Leva-me ...  No teu coração

****
Cf

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

"Sinto um vazio"


Sinto em mim um vazio,
Uma tristeza infinita,
Uma  intensa saudade,
Da fantasia  escondida,
Dos sonhos,  dos risos,
Sinto revolta no peito,
Que  dói, de tanta ansiedade,
Uma saudade do tempo,
Um desabafo de vida,
Uma palavra "maldita",
Uma  dor... o arrependimento,
Lágrimas derramadas...

Queria voltar atrás,
Apenas por um momento,
Trazer-te   de volta,  ao tempo,
E acabar com este tormento,
Em que meu coração está
Neste momento ... Ausente
*****
Cf

terça-feira, 27 de agosto de 2013

À Beira do mar...sentada


À beira mar … sentada
Pensando nas palavras ditas, ao acaso
Olhando o infinito,
 Recordando  “paisagens”
De uma vida marcada,
  Pela tua passagem
Sopra   uma brisa de maresia
Suavemente  em meu rosto, 
Me faz estremecer
Em minha mente  regressam  
Palavras, já ouvidas
Recordo o carinho 
 Deixado por ti,  meu  amor
Deixa-me extasiada
Só sei que por ti espero, 
E na incerteza desta  fúria…
Meu coração sofre pela  ausência...
Uma onda  se desfaz,  aos meus pés,
Trazendo  saudade, do teu amor
Não sei   se sonhei
Ou estava acordada, mas...
Por ti, esperava  sentada 
...À beira mar
********
Cf


segunda-feira, 26 de agosto de 2013

"Inesquecível "

De minha casa fiz-me à estrada
Cedinho para chegar  a Gaia
À minha amiga muito "amada"
Connosco seguiu para a gandaia
Subimos e  descemos  Montanhas
Sempre  felizes e ansiosos
As estradas têm suas manhas
Mas o condutor era atencioso
A  felicidade  nota-se no meu rosto
Agradeço a quem me proporcionou
Obrigada amiga pelo teu gosto
Ao lembrar, até me emocionou
Em rotundas enfeitadas
Fazia-mos nossa paragem
Nossas fotos eram tiradas
E seguia-mos a viagem
Em Bragança, almoçámos
A bela posta à Mirandesa
Muitos sorrisos  trocámos
Pois não havia tristeza
O Jantar era polvo à lagareira
Acompanhado com um bom vinho
Eu comi e bebei,com guloseima
As Laydis bebiam branco, e o Carlos tinto

 Pernoitámos em vila-flor
Um  local com clamor
Na quinta das pereiras
E porque rima com Amor
***

E porque   há pessoas especiais
Dias inesquecíveis
Sítios  para sempre lembrados
Eu agradeço  de todo o coração
A ti minha Amiga, que me proporcionaste
Um fim de semana inesquecível
Se no nosso rosto se nota a felicidade
Então no meu rosto está estampada, a minha
Não tem lugar para mais…mesmo de orelha a orelha
OBRIGADA
Como não podia faltar...minha cara metade
Sempre pronto para me fazer a vontade
Dormimos em Vila-Flor
"Até rimou com... Amor..."

Cidália ferreira

domingo, 25 de agosto de 2013

"Bom Domingo"


Desejo-vos  um  Domingo muito feliz
Estarei longe  de tudo, mas contente
Fui  passear  com quem sempre quis
Trarei novidades ... Brevemente

Até logo...
***
Cf

sábado, 24 de agosto de 2013

Bom fim de semana..




Bom dia... 
Desejo-vos um excelente sábado... 
Sejam  felizes,  e façam alguém feliz.
Por motivos de ausência de fim de semana, não tenho Poema..
Também não  faço visitas..
As minhas desculpas, prometo compensar-vos
Obrigados pelo carinho.
Agradeço a compreensão.
******
Cidália ferreira

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

"Um beijo..."


Um beijo … Um desejo

Um toque …  Sedutor

Um carinho … Desejado

Entre lábios … A deslizar

Uma língua … A enrolar

Duas bocas … Coladas

Sedentas … De beijos

Sedutores … E desejados

Paixão ... Faminta

 Carência ...  E desejos

Perdidos … Loucamente

Quentes ... E ardentes

Entregues … Docemente

Aos beijos ... Amorosos


De dois  seres ... Apaixonados
******
Cf


quinta-feira, 22 de agosto de 2013

"Do cimo da montanha".

Ao cimo da  montanha, eu subi
Aos ventos, aos céus, a tudo gritei
Fazendo chegar  minha voz, a ti
Numa  pedra misteriosa onde me sentei

Do cimo  da  montanha vejo   mar
Nos seus rochedos,  ondas  a bater
Soltava meu grito,  para  desabafar
Fazendo-me ouvir,  estou a sofrer!

Do cimo da montanha, onde te avistava
Numa Nuvem branca  sorrindo pra mim
Nuns passos de dança mostravas
Teu jeito sedutor,  beleza sem fim

Do cimo da montanha  doei meu carinho
Como não te via,  fiquei  numa  tristeza
Sem  teu carinho, segui meu caminho
"Pensando em ti...sigo com firmeza".
********
Cidália ferreira


quarta-feira, 21 de agosto de 2013

"Quero rebolar contigo"

Quero rebolar "contigo"
Aqui… ali…  acolá…
Quero-me  sentir amada
Poder levar-te à loucura
Rebolando em  pensamentos
Seja na cama ou no chão
Ou entre nossos lençóis
Ou talvez nos areais
Rebolo eu… rebolas tu
Desejando nossos ais
Ficando loucos demais
Unidos num só abraço
Rebolando lado a lado
Em delírio apaixonado
Sozinha  estou rebolando
Em imaginação, me enlaço
O desejo de ''contigo''
Rebolar nos areais

Tu comigo, ansioso
Para escutar meus ais.
*****
Cf

terça-feira, 20 de agosto de 2013

"Queria ser um jardim"

Queria ser um jardim...
De  preferência um  canteiro,
Não quero ser folha seca
Caída por “solidão”,
Ou insistência do tempo.
Não fosses tu jardineiro,
Cuidando de minha flor,
Acarinhando  o  botão,
Com  teu  suave, e  meigo
Jeitinho de a tratar,
São várias da mesma cor,
Que  agarras   com carinho,
Tratando   com  muito amor,
Sussurrando-me   baixinho,
Deixando me perdida,
Entre  plantas e flores,
Sendo perfume delas,
Onde o jardineiro cuida,

 Do botão  de  uma flor...
Entre  vidas  paralelas.
********
Cf 

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

"O teu sorriso"

[clik na música]

Entrego o meu sorriso,
Se o quiseres  apanhar,
O orgulho de te dar,
Meu coração  a sorrir,
Para ti que o mereces,
Que me envaidece, aquece,
Pelo sorriso brilhante,
Expulsado do teu rosto,
Quando se sente feliz,
Rir por tudo e por nada,
Contagiar quem rodeia,
Gosto quando é maroto,
Saído do canto do lábio,
Mesmo quando é rasgado,
Soltando eu,  gargalhada,
Quando me sinto feliz,
Sentir-me provocada,
E por ti contagiada,
 Gosto quando sorris,
E  partilhas alegria,
Sorriso sincero amigo,

O teu…
Amoroso, que me deixa feliz


********
Espero que gostem também
Desta maravilhosa canção
Roberto Carlos  é como sabem
O Romântico do nosso coração

Cidália ferreira

domingo, 18 de agosto de 2013

"Preciso de um abraço"

(Clic na música)

Preciso de um abraço...
Sinto saudades,   do teu,
Quando…numa  timidez,
Me apertas contra ao peito,
 Sinto no teu calor,
Um ansioso desejo,
Que me enlouquece,  a alma,
Que me abraça,  enlaça,
Um  abraço, um   desejo,
Um carinho  com vontade,
A sensação do amor,
A saudade do calor.
Minha ansiedade  te abraça,
 Transmite meu sentir,
Meu gesto com fervor,
De um abraço partilhado,

Com muito carinho...
…  E Amor
Cidália Ferreira

sábado, 17 de agosto de 2013

"Perdida na solidão"

Perdida na solidão,
Dou por mim, a vaguear,
Em ilusões, do momento,
Brotando lágrimas,
Sozinha…
Desvanecida  e cansada,
Por falta de carinho,  teu
Do lindo amor que te tenho,
Que guardei no coração.
A solidão,  me consome,
Não encontro  meu caminho,
Ando perdida  em  vão...
Queria  poder encontrar-te,
Abraçar-te  fortemente,
"Não fugisses  tu do sonho"
Que   vagueia pela mente.
"Perdida"...
Dei por mim inconsciente

Apenas  por me encontrar,
Perdida na solidão.

Cidália Ferreira

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

"Teus meigos olhos doces"

Teus meigos olhos doces
Que olhavam  com   carinho,
Miravam  cada “cantinho”,
Meu   corpo envergonhado,
Baralhando  meus sentidos,
E meu jeito de gostar.

Um olhar atento te deixo,
Um suave beijo,  prometido,
Um carinho meu corpo,  espera,
Desfazendo-se  em meiguice,
Em pleno dia… vagueio,
Abro  “janela, e abraço”,
Meu coração ao teu...
E em silencio me  guardo.

Sentindo da tua graça,  saudade,
Saudades… do teu olhar,
Do teu jeito sedutor,
Teu  gesto carinhoso,
Dos teus doces olhos lindos,
Doçura  que te completa...
És  sublime …Só tu me encantas.

"Perdi-me em teu  olhar
 doce, límpido, e... com ganas"
******
Cf   (:

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Quero ser...


Quero  ser  o teu amor
E tu minha tentação
A causa  do teu calor
Que aquece  meu coração

Minha alegria ou tristeza
Está no meu sereno olhar
Dou meu beijo com destreza
E  teu  corpo sedento, acalmar

Partilho  dessa paixão
Verdadeira  pura e sadia
Que entres no meu coração
E sejas  sonho  do meu dia

Sempre no meu pensamento
Com constantes  recordações
Como sempre és meu momento
Trazes-me boas emoções
Tiras-me deste tormento…
És  “Dono das minhas missões”…
.****

Cf

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

"O regresso ao mar"


Numa saudade tremenda,
Passeando à beira mar,
Acompanhada pelo Ser
Que me levou ao altar...
Metendo os pés na areia,
Com a vontade que tinha,
De molhar alguma coisa,
Mesmo que fosse vestida.
Uma emoção “faminta,”
Roubada  por...
Um obstáculo de vida, que
Ao fim de cinco anos,
De coragem  “envergonhada,”
Chinelos na mão levava,
Entrando na areia molhada,
A vontade que me deu,
Ir ao encontro da água,
Parecia que me entendia,
Rapidamente invadia,
As roupas que vestia.
Alegremente  fiquei,
Quando…
Por uma onda fui “traída”,
Enquanto marido tirava,
Uma simples fotografia.
A rapidez da chegada.
Nem me deu tempo de nada,
Molhada me encontrava,
Respirando  maresia,
Sentindo-me com alegria,
Pois...
Parecia que estava
"Pelo mar... a ser baptizada”
****
Cidália Ferreira