segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Isolada em pensamentos contidos. [ Poetizando e Encantado (60) ]

Entre a solidão e meras tempestades
Chuvas silenciosas, sonhos perdidos
Dentro de tantas palavras e verdades
Isolo - me em pensamentos contidos
*
E em meu rosto que outrora chorou
Caem pingos de chuva, que lavando
Todas as lágrimas, de quem te amou
Deixando que a tristeza vá entrando
*
Por muito que eu não queira sofrer
Nem tirar-te, deste isolado coração
Existem sempre os picos de aflição
*
Mas se nesta aflição me tento vencer
Então, neste chão molhado, te espero
Mesmo triste, nunca será o desespero
****
Cidália Ferreira.

Passo a passo. Semana a semana. Entre desafios e brincadeiras chegámos à edição nr 60, do Poetizando e Encantando. E, embora de uma forma simples, orgulho-me de fazer parte desta brincadeira que atravessa o oceano tornado-se contagiante...Mais uma vez, obrigada pelo convite. Espero que gostem... Excelente fim de semana para todos.
Muito obrigada pela surpresa

42 comentários:

  1. Palavras de um sentimento triste em sonhos perdidos!
    Muito lindo Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde, querida amiga Cidáli!
    Muita intensidade nós versos e se sentimentos contidos e represados no peito da personagem poética.
    Percebo uma luz de esperança no último verso que faz do poema ainda mais belo.
    Deus a abençoe ricamente!
    Bjm fraterno e carinhoso de paz e bem

    ResponderEliminar
  3. Um belo poema para um dias destes de chuva ;)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Olá querida Cidália! Entre Entre a solidão e meras tempestades, você deixou os sentimentos falar mais alto e poetizou com maestria lindamente!A vida é assim as vezes nos faz chorar sofrer e muitas vezes precisamos da chuva para lavar a nossa alma. Parabéns amiga pela linda participação. Seja sempre bem vinda! Tem um mimo pra você, simbólico mas com carinho e agradecimento desta amiga poetisa. feliz noite e um amanhecer abençoado. Abraços

    ResponderEliminar
  5. Participou muito bem, Cidália! Poetizou com a alma ardente e molhada... Desejosa e contidamente!
    O meu abraço hoje também... Boa noite de sábado...

    ResponderEliminar
  6. Querida Cidália, um sentimento encravado no coração, lembranças saudosas e sofridas e você poetizou majestosamente. Parabéns pela linda inspiração. Abraços, seja feliz.

    ResponderEliminar
  7. Poema lindo...
    Um beijo e um excelente fim-de-semana
    :)

    ResponderEliminar
  8. Oi Cidália,
    Um poema encantador
    Uma linda noite!
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  9. Há mesmo na vida momentos assim...Solidão sem desespero...Linda poesia! beijos,chica

    ResponderEliminar
  10. Cara Cidália gostei sim desse poema nostálgico como a imagem nos inspira, nos teus versos muito bem preparados !
    também segui a "história" dessa imagem que atravessou os oceanos, como o desafio contagiante da Lourdes, que muito nos encanta !
    beijinhos e bom fim de semana
    Angela
    https://poesiesenportugais.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  11. Muito lindo poema! Gostei muito de ler.
    Bom fim de semana
    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Eu gostei bastante, Aliás há muito que acompanho as suas participações e regra geral são muito boas.
    Abraço e bom domingo

    ResponderEliminar
  13. Há alguma tristeza poética mas que se gosta de ler!!! Bj

    ResponderEliminar
  14. Uma bela participação minha amiga, gostei bastante deste trabalho poético.
    Um abraço e bom Domingo.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderEliminar
  15. Bom dia:- Passando e deixando cumprimentos poéticos.
    .
    * "Concha" feita corpo de mulher *
    .
    Domingo feliz.

    ResponderEliminar
  16. A solidão nos impele de ser feliz, mas também por vezes nos tras belas inspirações.

    ResponderEliminar
  17. Amiga sempre arrasando nas belas poesias, obrigada pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com
    Canal: https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  18. Longe da felicidade,
    mais sofre de paixão
    adversa à sua vontade
    quem vive na solidão!

    Tenha um bom dia de São Martinho amiga Cidália.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  19. Triste mas muito bonito Cidália! :) Beijinhos e resto de bom domingo.
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  20. Li , reli e deliciei-me..... boa noite. Bj

    ResponderEliminar
  21. Na solidão dá-se maior atenção ao amor... Avalia-se todo o encantamento que o mesmo nos traz. Belo momento reflexivo ao ler seu poema! Parabéns!
    Abraço.

    ResponderEliminar
  22. Belíssima poesia, romântica e encantadora!
    Beijos e feliz semana!

    ResponderEliminar
  23. Aflição infelizmente sempre vem nos rodear, mais um belo poema bjs.

    ResponderEliminar
  24. Olá Cidália!
    Belo trabalho da poesia em traduzir esta imagem, que nos remete à solidão, ao desencontro de corações. As dores de um amor não correspondido e ou que não teve o desenlace esperado.
    Meus parabéns amiga pela arte de poetizar os sentimentos com arte bela.
    Uma semana maravilhosa com paz e amor.
    Beijo amiga.

    ResponderEliminar
  25. Uma reflexão muito romântica e bela.
    Beijos, boa semana

    ResponderEliminar
  26. Lirismo invulgar em cujos versos a querida poetisa exterioriza sentimentos tristes, mas com a sensata observância de afugentar o desespero, mesmo porque, as esperanças se renovam em cada amanhecer. Meus aplausos, Cidália, e votos de ótima semana.

    ResponderEliminar
  27. Parabéns pelo poema e pelo bonito nr 60!
    Beijinho
    Joana

    ResponderEliminar
  28. Faz sempre sonetos notáveis, minha Amiga Cidália.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  29. O isolamento e a solidão deu origem a mais um bonito poema!

    Beijinhos Cidália

    ResponderEliminar
  30. Não era fácil poetar este tema e a Cidália conseguiu
    muito bem, sem dramatismos exagerados...
    Gostei.
    Beijos
    ~~~

    ResponderEliminar
  31. Olá Cidália
    Com um toque suave de triste melancolia você encantou com sua bela poesia
    Beijos e um dia feliz

    ResponderEliminar
  32. Eita Cidália!
    Que soneto mais aprofundado, carregado de esperança na espera, belíssimo!
    Desejo uma ótima semana!
    “A ambição é louvável quando acompanhada pelo desejo e pela capacidade de fazer felizes os outros.” (Paul Holbach)
    cheirinhos
    Rudy
    https://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/2018/11/divulgacao-cultural-146-60-poetizando-e.html

    ResponderEliminar
  33. Que espectáculo! A solidão maravilhosamente poetizada!
    Poema poderoso e intenso!
    Parabéns amiga e um grande abraço

    ResponderEliminar
  34. CONVITE PARA O POETIZANDO

    Boa noite!

    A tua vida é o produto das tuas mãos.
    Caminhas por onde elas te conduzem...
    Tens o que elas te trazem...
    És o que com elas fazes de ti.
    Não ergas as mãos para apedrejar.
    Jamais as utilizes para destruir.
    Entretece através delas a tua paz.
    Cose a tua alegria.
    Torna possível a tua esperança...
    Não te esqueças de que é
    com as mãos que escreves a tua história
    e as mais lindas poesias no poetizando e encantando.

    É com muito carinho que venho mais uma vez trazer o convite e dizer que as imagens dessa semana estão convidativas para lindas inspirações.
    Mais uma vez vamos poetizar! Acabei de postar.
    Abraços da amiga Lourdes Duarte

    ResponderEliminar
  35. Mais uma fantástica participação, com esta emotiva inspiração!...
    Adorei a profundidade dos sentimentos, que sempre sobressaem nos seus trabalhos poéticos, Cidália...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: Cidália Ferreira (eu) 😘