sexta-feira, 8 de julho de 2016

São meus sentimentos, tristeza em naufrágio

A tristeza bateu-me à porta, quis magoar-me
Invadindo pensamentos  que me atormentam
Entristecem-me a alma ao tentar sufocar-me 
Fecho o meu coração aos que me abandonam
.
Fujo dos meus receios não consigo enfrentar 
Que vivo num mundo irreal e talvez perigoso
Refugio-me algures pela natureza, a meditar 
Sobre o nevoeiro, num dia triste e misterioso
.
Bateu a tristeza, deixei que o coração falasse
Lágrimas de revolta em sufocado sofrimento 
São as partículas d'um sentimento de impasse
.
Quando sozinha em  parte incerta me refugio
Nunca esquecendo que foste o meu momento
São meus sentimentos...tristeza em naufrágio
****
Cidália Ferreira.

20 comentários:

  1. Um triste mas muito belo poema, gostei minha amiga.
    Um abraço e bom fim de semana.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  2. Mesmo que a tristeza apareça, a inspiração fica linda! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Mais um belíssimo poema... uma tristeza que nos comove a odos, os teus leitores.
    Belo momento de tristeza, que manhã será mudado para um sentimento de alegria, pois encontrarás o amor te esperando ao pe dessa árvore!
    Beijos amiga querida!!

    ResponderEliminar
  4. Eis um belo poema triste, aliás, belo soneto!
    Um, abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. Amiga, passando só para dizer que não sumi. Estou apenas passando por um momento complicado mas esperando que, como tudo, ele passe.
    Vim deixar um beijo e dizer que estou com saudades e que espero voltar em breve. Não me esqueça.

    Beijos

    ResponderEliminar
  6. Triste,mas sempre escrito com muita delicadeza.
    Bjs Cidália e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. Super triste mais sempre arrasando na sinceridade, bom final de semana.
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  8. Tristeza Infinita. Será que vale a pena amiga?

    ResponderEliminar
  9. Adorei Cidália, como sempre nos surpreendendo com suas poesias.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. Olá Cidália
    Depois da tristeza a alegria sempre aparece, trazendo novas esperanças. Bjs amiga e um ótimo final de semana.

    ResponderEliminar
  11. Oi Cidália.Existe poesia dentro de você.Amo-as
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderEliminar
  12. Cidália:
    Porque será que a poesia mais bela é também a mais triste.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  13. Todos temos dias assim.
    A tristeza e a solidão povoam-nos as veias e turvam-nos a razão.

    ResponderEliminar
  14. Um poema dedicado àqueles momentos mais tristes
    porque passamos, como sempre mtº. bem escrito.
    Bom domingo, querida amiga e que à noite tenhamos
    motivos para um povo ficar alegre.
    Bjs.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  15. Versos carregados de tristezas dentro de um belo poetar. Feliz e bela semna

    ResponderEliminar
  16. Que poema com grande carga emotiva! O mundo em que vivemos é perigoso, pode-nos surpreender pela negativa e quantas vezes a tristeza nos bateu à porta? Temos que buscar no fundo a nossa alma a TAL força escondida e muitas vezes esquecida para conseguirmos a tirar dentro de casa. Amiga mesmo dom a alma amargurada consegues que a tua inspiração seja mais forte e consegues escrever fabulosos poemas como este que está fantástico e uma imagem forte e dura mas perfeitamente escolhida.
    Um grande beijinho e um feliz domingo...

    ResponderEliminar
  17. Gostei do poema, lindo :)

    http://trapeziovermelho.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  18. um soneto onde a nostalgia impera.
    uma boa semana.
    beijinho
    :)

    ResponderEliminar
  19. Bela mensagem arrasou, tenha uma semana abençoada.
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar