quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Num rodopio ...


...///... 
Num rodopio
Pelo meu mundo esquecido
Uma dança sensual
No meu corpo
Que ainda se sente vivo
E ao desejo vai sorrindo,
São meus passos tão velozes
Em teus braços entrelaçados
Onde me sinto ofegante,
É meu corpo enternecido
Que ao dançar esquece a vida
Saudades de um simples toque
E um olhar cúmplice, atrevido,
Nesta dança sensual
Encostei-te os meus lábios
Num imaginário beijo,
Mas ao acabar esta dança
Apenas sentia um desejo
De continuar beijar
Enquanto a dança durar
E acreditar que há esperança...
***
Cidália Ferreira

19 comentários:

  1. Lindos rodopios esses e acreditar, crer, ter esperanças, sempre preciso, até para "rodopiar"...bjs,chica

    ResponderEliminar
  2. Fiz e primeira visita e do que vi ,gostei muito

    ResponderEliminar
  3. LInda dança sensual..plena de amor...um rodopiar que nos faz sonhar...parabéns Cidália...uma soberba inspiração para um dia tão chuvoso e melancólico

    ResponderEliminar
  4. Na dança do teu pensar
    Vive a fé de um miminho
    Decerto hás-de alcançar
    Um beijo de carinho
    .
    Bonito poema que ofereces aos teus leitores. Achei muito bonito, suave, inspirados
    Beijo

    ResponderEliminar
  5. É verdade, enquanto a dança durar temos que acreditar que há esperança, Cidália beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  6. A esperança é a última que morre.
    Principalmente com essa dança tão sensual.
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. Ainda há esperanças e ainda bem, nada como um dia após o outro.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  8. Ah Cidália, rodopiemos, que alguma coisa alcançaremos! :-)
    Muito bonito!
    xx

    ResponderEliminar
  9. Olá Cidália!
    Com muita satisfação, comunico que realizarei o 2° Prosas Poéticas – veja notícia no blog e saiba do regulamento. Desnecessário seria dizer que a vossa participação é motivo de muita honra.
    Deixando o meu abraço, enfatizo que lhe espero para engrandecer o evento com uma das suas magníficas criações poéticas.
    Antecipadamente, lhe sou grato!

    ResponderEliminar
  10. E como é bom rodopiar, correr atrás dos sonhos e das esperanças... com fé em alcançar!
    Lindo poema!
    Beijos e...obrigada pela sua visita!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  11. Oxalá nunca percas a esperança...Lindo poema, como sempre. gostei
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Uma dança muito sensual, até causa arrepios.;-) Gostei muito

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Que espetáculo amei essa poesia
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  14. lindo amiga e sensual ,com tanto carinho e a dança dá mesmo asas para o beijo, e o beijo os abraços sao as melhores coisas que leva-mos da vida,sao os nossos miminhos amiga, seja feliz

    ResponderEliminar
  15. Magnífico poema!~

    A dança continuará enquanto houver esperança.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  16. Oi, Cidália
    Ninguém pode perder a esperança, co contrário perde um pedaço de si.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  17. sim amiga há sempre esperãnça enquanto houver vida ,por isso luta e vai em frente beijos laurinda,anjo.

    ResponderEliminar