segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Cai a chuva, e tu não vens meu Amor

...//...
Cai a chuva intensamente
No telhado já cansado
Exposto a duro tempo
Agressivo e saturado,
Cai sobre meu coração
Deixando que ele se isole
Não resistindo às lágrimas
Que me deixam amargurada
Cai a chuva, caio eu
Para este abismo sem fim
Já não faço mais sentido
Perdi o rumo de mim,
Solto o grito de desespero
Vai pra longe, não me ouves
Na solidão continua
Meu coração sofredor,
Cai a chuva fico assim
Triste e na solidão
Mesmo assim vou esperando,
E tu não vens meu amor!
***
Cidália Ferreira

28 comentários:

  1. Linda e triste espera! bjs praianos,chica

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a Chica, linda mas triste...
    bjinhos

    ResponderEliminar
  3. Olá Cidália,

    lindo poema..sobre uma triste espera, mas amiga quem espera sem alcança!!!

    beijinhos e uma otima semana

    ResponderEliminar
  4. Poema triste de uma espera para que chegue logo esse amor.
    Muito lindo.
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Um poema muito triste mas belo, decerto motivado pela chuva incessante.
    Mas ele virá com o sol!...:-)
    xx

    ResponderEliminar
  6. O Poema é lindo, mas hoje até está sol Gostei
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. Abismo sem fim? Mas como? Vamos lá a reagir e a pensar positivo...
    Poema triste, como são todos os belos poemas, mas lindo de se ler e interpretar.,
    Beijo

    ResponderEliminar
  8. Muito lindo, quem espera sempre alcança!
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. oi Ci

    Qdo chove podemos notar uma certa melancolia, mas tb sentimos paz.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  10. Esperar dar uma angústia no coração, Cidália passando pra desejar uma ótima semana beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  11. Olá Cidália,

    Penso que a chuva, por si só, já traz consigo certa melancolia. E para corações solitários, tristonhos e apaixonados, essa melancolia pode mesmo levar às lágrimas, mas que ajudam a suavizar as dores da alma.
    Nostálgico e lindo.

    Ótima dia e feliz semana.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  12. Bom dia Cida.. poesia propicia.. pois hj esta assim.. chovendo e o amor.. cade ela né rsrs
    bjs e até sempre

    ResponderEliminar
  13. Olá Cidália
    Desculpa pela troca do comentário. Depois da chuva o sol volta sempre a brilhar. Bjs amiga.

    ResponderEliminar
  14. Boa tarde, o amor não chega, o céu chora por falta dele, lindo poema escrito com puro sentimento.
    AG
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Que poema maravilhoso onde a tristeza e solidão predominam...tu não cais no abismo...alguém te estenderá a mão...tens um papel importante neste mundo...soltaste o grito da amargura tão soberbamente que ficámos com o coração tão pequenino...amei Cidália..no meio de tanta tristeza há tanta beleza de emoções

    ResponderEliminar
  16. Cidália, amo a chuva, acho nostálgico o tempo quando escurece e chove, mas é lindo, seus versos mais lindos ainda, bem comparada a tristeza da solidão com o cinza e a névoa da chuva!
    Amei ler, abraços apertados!

    ResponderEliminar
  17. lindo minha amiga ...a chuva as vezes faz-nos estas partidas, mas ela tem de vir assim como o mor tarde ou cedo virá,é só saber esperar...ele virá um dia,. beijos amiga e continue sempre

    ResponderEliminar
  18. Lindo, lindo... mas com tristeza. Hoje o sol até brilhou! Adorei

    Beijinhos amiga.

    ResponderEliminar
  19. Quando a chuva cai espero muito mais as vezes vem a decepção mais o que importa neste momento é relaxa, por que no outro dia as coisa com certeza vai melhorar bela poesia tenha uma semana abençoada.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  20. Poema lindoo *-*
    seguindo o blog beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderEliminar
  21. Esperança é qualidade que não devemos perder, essa pintura é de DALÍ?
    ou estou enganada, beijos amiga

    ResponderEliminar
  22. Boa noite,
    Gosto da chuva, mas me da uma pequena tristeza.
    Lindo poema!
    Abç
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  23. A natureza é sempre fonte de inspiração. Bjinhossss

    ResponderEliminar
  24. um dia virá e com ele o sol, em vez da chuva...

    :)

    ResponderEliminar
  25. Acredito que ele virá.

    Deixa passar a chuva...

    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Amooo a chuva! *_*
    Flor, amei seu blog, você é super caprichosa e já estou te seguindo! :3
    Se quiser, dá uma passadinha lá no meu cantinho, tá rolando dois sorteios mara!
    Beijooo!
    Instagram: tamiya343 e Twitter: @cat_343

    CLIQUE AQUI E VISITE O MAKE DA MOTOCICLISTA

    ResponderEliminar
  27. Olá Cidália, que belo poema que nos fala da espera sempre muito doída.
    Suas metáforas caem bem em seus versos.
    Emocionou-me com seus versos, seu poema é lindo. Grande abraço!

    ResponderEliminar