sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Nas asas do imaginário.

Vagueei sobre as asas do imaginário
Acordei no paraíso, esquecida solidão
Desnudada, em sintonia com o cenário
Onde vagueia meu sonho de pura ilusão

Vontade, de te querer na minha dança
Deixando-nos voar até encontrar o dia
O que me aquece deste frio é esperança
Que me enleva, nesta dança de melodia

O meu corpo não se cansa de esperar
Adormeceu nas tuas asas… a sonhar
Neste imaginário feito de recordações

Paraíso assombrado que não me deixa sorrir
Deixando-me pensar no que estará para vir
Vagueando amargurada de tantas desilusões.
***
Cidália Ferreira

19 comentários:

  1. Essas asas são maravilhosas e inspiradoras! Bela poesia! bjs praianos,, lindo dia!!
    chica

    ResponderEliminar
  2. Olá Cidália bom dia mais um lindo poema que o teu imaginário se torne mais alegre e essas asas inspiradoras te levem onde desejas ,lindo adorei,beijos laurinda.

    ResponderEliminar
  3. Por maior que seja o sentimento de amargura há sempre uma esperança que nos faz lutar e abraçar cada novo dia.
    Belas palavras tristes.
    xx

    ResponderEliminar
  4. Perfeito sentimento amei o poema bom final de semana.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  5. Bom dia Cidália querida.....é lindo!!!! Mas e essa tristeza minha amiga? Um bom final de semana....beijinhos. ♥

    ResponderEliminar
  6. bom dia amiga...diga-me porque os poemas de amor sao sempre tristes.....mas lindos e cheios de esperanças, esperemos, um beijo

    ResponderEliminar
  7. A vida tem desilusões mas tb tem muitas coisas boas tb.

    bjokas com carinho =)

    ResponderEliminar
  8. oi Ci

    Tem desilusões mas tb tem muita coisa boa.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  9. Feliz sexta-feira!

    Lindo seu poema , como sempre me faz sentir a propria personagem.

    Bjs
    Nicinha

    ResponderEliminar
  10. Muito bom, Ci!


    E como vai o estágio?

    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  11. Quantas desilusões nas asas de um imaginário.
    Lindo.
    Bjs amiga Cidália e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  12. Que no teu vagueio encontres a Paz, e no silêncio do teu olhar, o amor fortaleça o teu coração
    Beijo

    ResponderEliminar
  13. Olá, Cidália.
    Cada vez melhor! Lindo soneto!

    ResponderEliminar
  14. OI CIDÁLIA!
    AINDA BEM QUE PELAS ASAS DO IMAGINÁRIO, PODEMOS IR AONDE QUISERMOS.
    LINDO E INSPIRADOOR TEU TEXTO.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  15. Oi Cidália
    Linda poesia
    Bom fim de semana
    Beijos
    Dorli

    ResponderEliminar
  16. Olá, só estou passando pra te desejar um Ótimo final de semana! bjs
    Lorena

    ResponderEliminar