quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

O meu paraíso nublado ...

****
Velejei sobre as nuvens envolvida nos sonhos
Num barco de amor prometido
Fui até ao paraíso, deixei-me levar
Ultrapassei limites, rasquei sentimentos
Mostrei ao meu coração ressentido
Que até os sonhos podem ser medonhos
Se deles, eu não me deixar acordar.
*
Esvoaçam borboletas no meu sorriso
Que ainda permanece adormecido,
Sentem-se as aves tão próximas
Que enfeitam o meu paraíso nublado,
E na turbulência do ar deslocado
Apareces no meu sonho imaculado
Amparando o meu barco, se for preciso
*
As nuvens que permanecem nos pensamentos
São as mensageiras do amor fraterno
Que me guardam sonhos, e segredos intensos
****
Cidália Ferreira

39 comentários:

  1. Lindo sonho adormecido..Quem não os tem? bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Há sonhos que se transformam em pesadelos e outros que nos aquecem a alma...
    Lindo...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  3. Que os sonhos estejam sempre presentes nas nossas vidas!
    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  4. Um poema muito bonito. Que o sonho se transforme em realidade
    .
    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Concordo com a Isa... que os sonhos estejam sempre presentes na nossa vida.
    Bonito poema, sim senhor!!
    :)

    ResponderEliminar
  6. Vem o frio e poemas chegam-nos servidos quentinhos.

    Boa noite, Cidália

    ResponderEliminar
  7. Oi Cidália
    Linda poesia
    Sonhar faz bem a alma
    Bjs
    Lua Singular











    ResponderEliminar
  8. simplesmente lindo. Como nas ondas desse mar apetece ser embalado por tão belas e sentidas palavras.

    ResponderEliminar
  9. Ano novo, vida nova, é tempo de fazer dissipar essas nuvens.
    Bjs, boa semana

    ResponderEliminar
  10. Que nunca deixemos de sonhar.
    Lindos versos, Cidália.
    Um carinhoso abraço.
    Verena

    ResponderEliminar
  11. E nós viajamos nesse veleiro,repleto de sonhos e ternura!
    Lindo amiga Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  12. Simplesmente maravilhoso, amiga!

    Um beijo,

    www.purestyle.com.br

    ResponderEliminar
  13. Falando em nublado, lendo esta delicadeza em cada palavra, hoje cedo olhava o mar e não sabia ser era neblina ou maresia, um toque misterioso de um dia totalmente nublado no quase verao carioca.

    Feliz Natal.

    ResponderEliminar
  14. Os sonhos servem para dar impulso à vida. Há que sonhar, acordar e viver.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  15. LINDA PÉROLA POÉTICA,AMIGA CIDÁLIA! SONHO LINDO QUE SAI DE SEU CORAÇÃO PARA OUTROS SE DELICIAREM.

    VOCÊ NADA TEM A AGRADECER A MIM PELO POST DE AGRADECIMENTO UE FIZ.
    MUITOS TÊM SOM NO BLOG,MAS SÓ VOCÊ ME ACUDIU.
    GOSTARIA QUE ME EXPLICASSE COM DETALHES,POR EMAIL,COMO CONSEGUE AQUELE TIPO DE CÓDIGO.
    NO YOUTUBE, EU VOU EM COMPARTILHAR,INCORPORAR E COPIO O CÓDIGO.
    MAS O EU ESTÁ DIFERENTE. O QUE COLOCA A MAIS?
    EXPLIQUE PARA MIM POR EMAIL SEM ECONOMIZAR PALAVRAS E DETALHES ,OK?

    CONTE COMIGO SEMPRE. JAMAIS ESQUECEREI ESSA GENTILEZA E CARINHO. OBRIGADA.

    TEM POST NOVO NO MEU BLOG HOJE, DIA 11 DE DEZEMBRO.


    BEIJOS SABOR CARINHO E UMA QUARTA_FEIRA DE PAZ E ALEGRIAS

    OBRIGADA PELA VISITA


    DONETZKA

    ResponderEliminar
  16. Quem de nós nunca viajou através das "asas" do imaginário? Se calhar todo o mundo.
    Poema muito bonito
    .
    Boa noite

    ResponderEliminar
  17. Foi nesse barquinho que navegou,
    nas ondas do mar aos solavancos
    lembranças ao abandono não deixou
    bem guardadas as terá com os sonhos?

    Tenha uma boa noite amiga Cidália Ferreira. Beijos.

    ResponderEliminar
  18. Ótima inspiração, Cidália.
    Ficou muito belo...
    Beijinhos
    ~~~~

    ResponderEliminar
  19. Oi Cidália!
    Uma linda noite!
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  20. Melancólico mas lindo :))

    Hoje : Tempo incerto numa acalmia que dói

    Bjos
    Votos de uma óptima Quinta - Feira

    ResponderEliminar
  21. Belo poema.
    Parabéns pela inspiração.
    Cidália, continuação de boa semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  22. Ciália!
    Tem vezes que nossos pensamentos e sentimentos ficam mesmo nublados e nada como um bom poema para exteriorizar.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderEliminar
  23. Fabulosa inspiração!!!! A neblina dá ênfase ao poema e torna-o mágico!

    Parabéns amiga, sempre a arrasar!

    Um abraço gigante!

    ResponderEliminar
  24. Felizmente que nem todas as nuvens são cinzentas...
    Boas Festas
    Juvenal Nunes

    ResponderEliminar
  25. Mais uma fantástica inspiração, na qual um turbilhão de emoções, nos acorda por dentro, à medida que avançamos na leitura do poema...
    Gostei imenso, Cidália! Um beijinho grande!
    Ana

    ResponderEliminar

A vossa visita e comentário é o balsamo que alimenta a minha alma...Muito obrigada. Todos os poemas expostos são de minha inteira autoria, no que, apenas deverão ser partilhados com os devidos créditos da Autora: Cidália Ferreira (eu) 😘