segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Destino incerto, por onde padeço. (Poetizando e Encantando)

Caminho pela frescura da natureza e procuro
Encontrar-te por aí mas acho que enlouqueço
Por pensar, nas palavras duras que te proferi
Meu coração neste momento sente-se escuro
Por não te encontrar por aqui, não te mereço
Prosseguirei o caminho, mas  não te esqueci
**
As pedras solitárias percebem minha tristeza
Os arvoredos sussurram às águas que correm
O meu coração sente-se aflito. Quase esvaeço
Por saber-me incapaz de viver nesta incerteza
Se a brisa não chegar os meus olhos esmorecem
Nesta ponte, destino incerto, por onde padeço.
*****
Cidália Ferreira.

POETIZANDO E ENCANTANDO

Chegámos à quadragésima sétima edição, (47) do Poetizando e Encantando. Hoje a minha participação é muito simples. Não estou bem, motivo por qual não consegui melhor.  Bom fim de semana... 

37 comentários:

  1. Essa imagem foi a que escolhi também e adorei ver a tua leitura e inspiração dela! Linda poesia e participação! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Bom dia, Cidália,
    que imagem linda e repleta de leituras poéticas.
    "Nesta ponte, destino incerto, por onde padeço".
    Beijos!

    ResponderEliminar
  3. Olá querida Cidália!
    Você é genial, suas inspirações poéticas nos encantam a cada edição e esta está maravilhosa!Uma linda poesia, que descreve um caminhar, uma procura, um destino incerto e que ficou bela poesia. Parabéns amiga, muito obrigada por mais uma vez participar e nos dá o prazer de apreciarmos seu lindo poetar. Abraços, feliz fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. E mesmo na dureza do coração, nas palavras petrificadas, que machucaram o teu ser conseguistes fazer um lindo poema. Linda participação. Amei a canção

    ResponderEliminar
  5. Quantas palavras nos arrependemos de dizer. Necessárias mas irreconciliáveis.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde amiga!

    As pedras solitárias percebem minha tristeza
    Os arvoredos sussurram às águas que correm
    O meu coração sente-se aflito.

    Já tive essa sensação ao caminhar só e solitária com meus pensamentos.

    Que bela poesia! Aliás, majestosa! Parabéns amiga, sempre poetizando e encantando. Abraços, seja muito feliz.

    ResponderEliminar
  7. Sempre maravilhosa Cidália!
    Amei ler essa procura infinita ao amor.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  8. A imagem é inspiradora e resultou num belíssimo poema Cidália
    Parabéns!
    grande abraço

    ResponderEliminar
  9. A expectativa de encontrarmos caminhos incertos, são traumáticos !
    Um abração carioca.

    ResponderEliminar
  10. Desculpa o atraso,
    Estava viajando.
    Linda sua participação
    Amei sua poesia
    Cuide-se
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  11. Boa noite Cidália! Parabéns pela escolha da imagem onde resultou um lindo poema.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  12. Cara amiga Cidália, criaste mais um belo poema com vossa marca registrada: paixão e natureza. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um lindo domingo.

    ResponderEliminar
  13. Um belo poema minha amigo e está muito bem ilustrado.
    Um abraço e bom Domingo apesar das temperaturas escaldantes.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    Livros-Autografados

    ResponderEliminar
  14. Há momentos em que temos dúvidas... dizemos o que não deve ser dito e depois...não sabemos o que fazer, dizer....
    Bonito.
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  15. Versos profundos que de tão triste se torna belo e maravilhoso. Nem só de alegria se faz boa poesia não é minha querida amiga poetisa?
    Por vezes a emoção leva a que deixemos fluir as palavras e só depois paramos para pensar. Deveria ser o contrário e se assim fosse, o coração não sofria como por vezes, sofre.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  16. A ponte que nos leva a outro destino, uma passagem incerta e insegura,
    o passar pelas dúvidas de decisões amargas, onde estará a solução e a paz do nosso ser, será do outro lado ?!
    espero que sim ! bonita inspiração Cidália

    deixo um abraço e votos de feliz domingo

    Angela

    https://poesiesenportugais.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  17. Cidália um lindo poema acompanhada de uma imagem maravilhosa, versos magníficos, Cidália bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  18. Boa tarde, querida amiga Cidália!
    "A poesia é a minha forma verbal de estar no mundo".
    (Vasco Graça Moura)

    Cumprimentos poéticos para tão bela poesia como é costume já por aqui.
    Este fundo musical é um espanto tremendo, Lindíssima melodia e letra... amo. Obrigada pela partilha musical de grande nível aos que amamos a poesia.
    Sim, vem certa aflição por não nos acharmos merecedores de tão grande amor que nos corta a alma e toma conta de todo nosso peito... é bem assim!
    Explode lentamente e sufoca com um, nó que só se arranca amando o amado e por ele sendo amada...
    Lindo momento você nos proporciona a cada vez que por aqui passamos!
    Obrigada, amiga.
    Tenha uma nova semana abençoada e feliz!
    Bjm carinhoso e fraternal de paz e bem

    ResponderEliminar
  19. As palavras ditas ecoam sem volta, a vida responde muitas vezes o que não queremos. Portanto, cuidar do dizer é fundamental.

    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  20. Boa noite Cidália !
    Como sempre, você é fantástica. Devemos ter cuidado com as palavras, para não machucar alguém quem amamos. Bela poesia. Saudaçoes,

    Daniel.
    http://gagopoetico.blogspot.com/2018/08/terno-e-vestido.html

    ResponderEliminar
  21. Um poema algo dorido, triste.
    Vamos levantar essa moral!
    Boa semana

    ResponderEliminar
  22. Bom dia, lindo poema com referencia a quem nunca se esquece.
    Feliz semana para a poeta,
    AG

    ResponderEliminar
  23. Pelo menos uma brisa poética para nos adoçar a alma!!!
    ...
    Bj
    A minha filha tem uma bactéria no intestino ... de origem ainda desconhecida ... e continua em recuperação mas ainda internada!!!

    ResponderEliminar
  24. Tão triste, mas muito belo:)) Linda inspiração.

    Bjos
    Votos de uma óptima Segunda- Feira

    ResponderEliminar
  25. Um belo poema carregado de melancolia, mas com a qualidade a que já nos habituou, minha Amiga Cidália.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  26. Belo poema bem ilustrado por uma bonita foto, Ci,

    Beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  27. Um poema forte com um sentimento de tristeza pelas palavras proferidas que muitas vezes ferem àqueles a quem tanto bem querimos
    Uma inspiração espetacular, Cidália
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  28. As vezes externamos o que o coração ignora e temos momentos de profunda tristeza e solidão vem fazer companhia com suas mãos frias e ásperas e sua poesia bem definiu este sofrimento.
    Belo trabalho Cidália.
    Abraços na boa semana de paz.

    ResponderEliminar
  29. https://poemasdaminhalma.blogspot.com/
    Olá Cidália!
    Maravilhoso poema nostálgico e sentimental, mas não deixa de ser excecional. Gostei.
    Beijinho
    Luisa

    ResponderEliminar
  30. Grande nostalgia nestes plenos de grande sensibilidade, Cidália
    Maravilhosa inspiração
    Beijokinhas

    ResponderEliminar
  31. CONVITE PARA O POETIZANDO E ENCANTANDO
    Olá! Boa noite!
    Embalada no pensamento poético de Vinicius de Moraes, que diz:
    “A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida”. Vamos nos encontrar mais uma vez poetizando e encantando os nossos amigos e amigas participantes e visitantes com nossos versos.
    Peço desculpas a todos pois tive que postar o poetizando nesta noite porque amanhã será o aniversário da minha netinha Beatriz e ficarei ausente. Provavelmente, só adicionarei os links e atualizarei as visitas no Domingo. Espero que me entendam, caso contrário, essa edição seria adiada para a próxima semana.
    Deixo esse lindo pensamento do Carlos Drummond de Andrade, para colorir as nossas páginas.
    “O mundo é grande e cabe nesta janela sobre o mar. O mar é grande e cabe na cama e no colchão de amar. O amor é grande e cabe no breve espaço de beijar”.

    Abraços da amiga Lourdes Duarte

    ResponderEliminar
  32. Tão nostálgico mas tão belo.
    Linda participação.
    Beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  33. Cidália!
    Não participei dessa edição, mas que bela imagem escolheu e que poema enternecedor, parabéns!
    “As religiões são caminhos diferentes convergindo para o mesmo ponto. Que importância faz se seguimos por caminhos diferentes, desde que alcancemos o mesmo objetivo?.” (Mahatma Gandhi)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/2018/08/divulgacao-cultural-112-48-poetizando-e.html

    ResponderEliminar