quarta-feira, 14 de março de 2018

Se as nuvens voltarem, ao entardecer

Resultado de imagem para imagens romanticas
Olhos nos olhos, tão sorridentes
Expressões que falam, dizem tanto
Lábios sedentos de desejo
Em praia deserta, corpos decentes
Esperando qualquer entretanto
Para se unirem sem contratempos
E sentirem qualquer vibração
Enquanto se troca um doce beijo
Em pensamento, a voz do coração
Sentimento, que nos faz sobreviver
*
Se as nuvens voltarem ao entardecer
Nada nos impede de as observar
Contemplar a chegada do luar
E sentir como o mar acalmou
Os nossos rostos comprometidos
Olhares silenciosos, convidativos
A momentos a sós, sem preconceitos
São sentimentos de quem ama
Meu coração embriagado reclamou
Olhos nos olhos... e ao amor se entregou.
***
Cidália Ferreira.

34 comentários:

  1. Muito bom

    Beijinhos e boa quarta feira :)

    ResponderEliminar
  2. Esta noite vou para a cama embalada por este belo poema! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  3. Que ambos observem as nuvens, o céu, as estrelas e observem tudo olhando para a mesma direção....
    Doce beijo poeta linda!!!
    Do amigo brasileiro... Marco Aurélio

    ResponderEliminar
  4. Um poema que não tem nuvens, tem sim muito brilho.

    ResponderEliminar
  5. Bom dia. Poema muito bonito. Adorei :))

    Bjos
    Votos de uma boa quarta-feira

    ResponderEliminar
  6. Bom dia Cidália

    Um poema repleto de sedução. A solidão do encontro, olhos que se olham, lábios que se desejam. Linda conjugação entre imaginários, pensamentos, valores do coração. Muito bonito sem dúvida

    Bjo

    ResponderEliminar
  7. Olhos nos olhos, tudo fica lindo! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  8. Tão bonito e intenso! =)
    Beijinhos,
    http://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  9. Oi Cidália
    Adorei sua poesia
    Você é ótima poetisa
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. Profundo e intenso em cada palavra!
    Amei amiga Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  11. Oi Carmem,
    Não gosto de política, mas gosto de acompanha a vergonha e a roubalheira, enquanto muitos desempregado passando fome.
    Tudo o que a Cidália escreve é um encanto. Parabéns amiga.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  12. Querida Cidália
    É sempre muito agradável ler um bonito poema de amor! Obrigada.
    Continuação de uma excelente semana.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  13. Momentos de paixão, olhos nos olhos, em terna felicidade de um encontro. Lindo

    ResponderEliminar
  14. Olá, querida amiga Cidália!
    Lindíssimo!
    O amor é muito envolvente e nos leva a poetar de forma sublime...
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Bjm de paz e bem
    https://espiritual-marazul.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  15. Adoro poemas de amor... e este amei mesmo. Boa noite, bjinhos

    ResponderEliminar
  16. O amor é sempre muito inspirador.
    Adorei ler.
    Abraço

    ResponderEliminar
  17. Otra de tus grandes composiciones poéticas.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  18. Pensamentos de quem ama e eu gostei de ler!!!bj

    ResponderEliminar
  19. Que a tempestade seja cá fora, mas que nos corações viva o Amor e a Harmonia.
    Gostei muito da ideia de cumplicidade que este poema nos passa.

    Parabéns, Cidália.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  20. como sempre mt bonito e que nos da que pensar em cada frase sim mt bonito bjks

    ResponderEliminar
  21. Querida Cidália! Que linda poesia!

    Olhos nos olhos, tão sorridentes
    Expressões que falam, dizem tanto
    Lábios sedentos de desejo...
    Um amor louco, ardente, como um furacão fervendo nas veias. Amei!
    Grata pela visita, abraços

    ResponderEliminar
  22. Lindo e profundo, obrigada pela partilha :)
    Beijinhos
    Carla
    Blog: Guloso qb

    ResponderEliminar
  23. que bonito entardecer este
    http://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  24. Delicio-me com seus poemas sempre lindos e sedutores de ler. Nota-se que coloca a alma e o coração em tudo o que escreve. Os seus versos são doce poesia em fascinante desejo e ventura poética.
    .
    * Se te amar for pecado ... Então sou um Pecador *
    .
    Cumprimentos poéticos

    ResponderEliminar
  25. Mais um poema arrebatador que veio do fundo da tua alma!
    Lindo demais e duma mestria poética ímpar!
    ADOREI!!!!
    Continua assim ....sempre!
    Beijinhos e muitos

    ResponderEliminar
  26. Cidália!
    A paixão, o desejo, a natureza decantado em poema apaixonado e com sentimentos aflorados.
    Lindo!
    Semaninha de luz e paz!!
    “Quando choramos abraçados e caminhamos lado a lado. Por favor amor me acredite, não há palavras para explicar o que eu sinto...” (Renato Russo)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderEliminar
  27. Paixão, romantismo e sedução, muito bem conjugados, neste trabalho!...
    Adorei, Cidália! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar