sexta-feira, 16 de março de 2018

O mar assusta-me, sim!

Imagem relacionada
{Nem sempre escrevo o que quero
Nem sempre quero o que escrevo
Nem sempre sinto o que desejo
Nem sempre desejo o que sinto.}
*
O Mar assusta-me, sim!
Pela sua imensidão
Profundidade sem chão
Onde se afoga o meu coração
Imaginando, um fundo sem fim
*
O mar inspira-me... assim
Olhando-o, sem lhe tocar
Apreciando que o seu ondular
É muito mais belo de fora
Que dentro, sem o olhar
*
As aves esvoaçam em dança
Logo ao romper do dia
Será que chega a bonança
Ou tempestade em poesia?
***
Cidália Ferreira.

35 comentários:

  1. Lindo, maravilhoso, divino, mensagem magistral da pureza da alma.
    Amei. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Boa tarde, Cidália
    Sua poesia tão linda quanto o mar.
    Parabéns!
    Um forte abraço de
    Verena e Bichinhos.

    ResponderEliminar
  3. Por vezes o Mar é tão belo como assustador. O poema é lindo, doce, arrojado, maravilhoso.
    .
    * Nosso Amor ... a alvura do Universo *
    .
    Votos de um dia feliz

    ResponderEliminar
  4. O mar é de tudo poesia e assombro, é força e acalanto, assim como a poesia chega a nos banhar e nos enche de paz. Lindo

    ResponderEliminar
  5. Se é que o mar a assusta,
    amiga, tenha muito cuidado
    não se afoite na aventura
    quando ele estiver bravo!

    Tenha uma boa tarde cara amiga poetisa Cidália Ferreira.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  6. Uma inquietude natural em belo móewmto poético Cidália!!!bj

    ResponderEliminar
  7. Belíssimo! !
    Achei fantástico o começo entre parênteses, o poeta é um portal desta essência da Poesia como um sentir das palavras
    em pleno voo!...
    O teu voo poético é uma beleza
    autêntica encantadora sempre,
    querida Cidália!
    Votos de final de semana leve
    e alto astral!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. CI

    Gostei muito do inicio do poema e assim continuou.
    Para minha opinião um dos teus melhores trabalhos poéticos.
    Bom fim de semana.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  9. O mar sempre nos assusta,mas ao mesmo tempo nos traz boas energias e inspirações lindas como essa sua poesia!
    Bjs Cid[alia e um ótimo final de semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  10. Os seus sentimentos estão aqui muito bem refletidos. Pois, o mar é lindo mas assustador por vezes.
    Bjs

    ResponderEliminar
  11. Nestes últimos dias o mar tem estado pouco poético e inspirador, mas nem por isso o seu poema lhe saiu menos bonito e verdadeiro.

    Parece que, afinal, sempre chegou a tempestade plena de linda poesia.

    Beijinhos e bom FDS

    ResponderEliminar
  12. o mar e a lua sao momentos mágicos no coração dos poetas, um belo momento aqui assisti.
    bjs

    ResponderEliminar
  13. Mais um encanto de poesia, minha poetisa linda e querida!
    Boa noite amiga!
    Como amanhã será um dia muito cheio para mim, vim trazer hoje o convite para o Poetizando e Encantando que postarei pela manhã.
    Será um prazer mais uma vez sua maravilhosa participação que ao longo das edições passadas só tem nos encantado com seu lindo poetar.
    Fica aberto o convite para os seus amigos e amigas que desejarem conhecer, seguir meu blog e participar da BC.
    Deixo uma dica para a temática da 27 edição.

    “As recordações não povoam nossa solidão, como dizem ,ao contrário, fazem-na mais profunda! Está em nossas mãos apagar inteiramente da nossa memória os infortúnios e as recordações desagradáveis”.
    Com certeza irão gostar muito!

    Abraços da amiga Lourdes com desejo de que:

    Sonhe e conquiste seus sonhos.
    Acorde a cada amanhecer com a certeza
    de que tudo poderá acontecer. Sorria
    Pois sempre que você sorrir uma
    estrela há de brilhar.

    ResponderEliminar
  14. O mar tem tanto de beleza, quanto de força, há que o apreciar e respeitar.
    Ele sempre foi e será uma fonte de inspiração para os poetas.
    Belíssimo poema.
    Beijinhos
    Maria de
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderEliminar
  15. Eu também tenho...

    Belíssimo poema, Cidália. Gostei muito.

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  16. Adorei esse poema, quase representa a minha relação com o mar =)

    MRS. MARGOT

    ResponderEliminar
  17. eu confesso que sou fascinada pelo mar
    https://retromaggie.blogspot.com

    ResponderEliminar
  18. O mar assusta quando se enfurece e acalma com a sua serenidade...

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  19. Olá Cidália
    O mar é profundo, linda criação de Deus. Bjs querida.

    ResponderEliminar
  20. Gostei muito e bom fim de semana

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. O mar inspira-nos sempre... Às vezes, atormenta-nos, mas também tranquiliza...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  22. O.mar pode por vezes assustar, mas encanta! Bjs chica

    ResponderEliminar
  23. Ah Cidália
    O Mar e sua
    magia sobre nós
    pobres poeta que somos.
    Lindo poema.
    Feliz fim de semana.
    Bjins e abraço
    CatiahoAlc.

    ResponderEliminar
  24. O mar é daquela coisas que nao da para compriender pois tem mt misteiro mas mesmo assim adoro so o cheiro da agua me faz mt bem bjs

    ResponderEliminar
  25. Marco Aurélio - Brasil17 de março de 2018 às 22:32

    Pois é amiga.... a vida te marcou, você se recuperou, renasceu e reviveu.
    Hoje você faz poesia dos tempos difíceis.
    Isso é a força que brota de ti.
    Um abraço do amigo

    ResponderEliminar
  26. Cidália!
    O mar ralmente é assustador, no sentido de mostrar o infinito e a perfeição divina.
    Semaninha de luz e paz!!
    “Quando choramos abraçados e caminhamos lado a lado. Por favor amor me acredite, não há palavras para explicar o que eu sinto...” (Renato Russo)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderEliminar
  27. Um poema tão lindo como o mar que eu tanto gosto! :) Mas tenho muito respeito pelo mar e a sua força. Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  28. Mais uma belíssima inspiração... da qual ficarei com umas palavrinhas debaixo de olho... :-)
    Um beijinho grande!
    Ana

    ResponderEliminar
  29. Parece que te inspiraste numa nossa conversa sobre o medo do mar!
    Essa imensidão merece respeito mas sem ela não podemos viver...é um elixir para o corpo e mente estar diante dessa força da natureza e sentir a sua magia mesmo que brava!
    Lindo poema amiga e tão bem elaborado!

    Um abraço sentido

    ResponderEliminar