segunda-feira, 6 de junho de 2016

Sou a tristeza que voa.

Sou a tristeza que voa
Sobre as palavras mais vagas 
Que tantas vezes magoam 
Soltando lágrimas amargas,
Sou a flor no meio do nada
Sou a tristeza em meu peito
Sou a revolta por natureza
Sou humana, apaixonada
Voando no preconceito, 
.
Quisera eu vaguear por aí
Quando me apetece sonhar,
Queria eu no meu silencio 
No teu ombro puder pousar,
Queria libertar-me do sufoco
Sem meu coração magoar
Que sofre e não é pouco
.
Queria andar na Natureza
E procurar teu perfume
Queria dar-te com gentileza
Meu coração, sem ciúme,
Queria respirar contigo
Pousando de flor em flor
Sou um sonho feito gente
Sou um coração amigo
Que se sente insolvente.
***
Cidália Ferreira.

25 comentários:

  1. Lindo este sonho feito gente.
    Um abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  2. Lindos versos e poesia.,Cidália! Ótima semana! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Um sonho repleto de desejos.
    Lindo Cidália.
    Bjs e uma ótima semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. Vamos mandar a tristeza embora, afinal o amor tb é regado de alegrias.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  5. Lindo!!!! Ótima semana!!!!!!!!! Beijos

    ResponderEliminar
  6. Oi Cidália
    Lindos sonhos
    Boa semana
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderEliminar
  7. No dia de hoje me identifico totalmente com seu poema. Tem dias que a tristeza nos consome e a sorte é que vc "diz" isso lindamente.
    Para vc uma semana de alegrias, luz, paz e amor.

    Beijos

    http://odiariodaescrava.blogspot.com.br/


    ResponderEliminar
  8. Hermosa poesía aunque la encuentro triste.

    Un beso enorme y feliz semana.

    ResponderEliminar
  9. Olá Cidália
    "A alegria do Senhor é a nossa força." Bjs querida.

    ResponderEliminar
  10. Bom dia querida Cida.. e que voe para bem longe... que sejamos mais alegria vestidos sempre por versos de beleza.. bjs e feliz dia

    ResponderEliminar
  11. Boa tarde Cidália,
    Gostei do seu poema!
    Há momentos na vida em que o vento parece açoitar-nos.
    Beijinhos e continuação de boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  12. Boa tarde Cidália,
    Gostei do seu poema!
    Há momentos na vida em que o vento parece açoitar-nos.
    Beijinhos e continuação de boa semana.
    Ailime

    ResponderEliminar
  13. Cidália Ferreira
    Ver a tristeza voar, ficando fixados em coisas alegres, já vale o belo poema.
    BRASIL: O SORRISO DE DEUS.
    “os jesuítas e a aculturação do Brasil”
    Se comentar o post agradeço.
    http://amornaguerra.blogspot.pt/

    Abraço

    ResponderEliminar
  14. Poema lindo amei a postagem
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  15. Lindo! Deixe a tristeza voar para longe.
    Continuação de boa semana :-)

    ResponderEliminar
  16. OI CIDÁLIA!
    VERSOS LINDOS.
    A TRISTEZA PODE VOAR PARA LNGEE, ASSIM DARÁ LUGAR A ESPERANÇA E A FELICIDADE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  17. Uma linda e triste poesia
    Amei
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderEliminar
  18. Olá, tudo bem?
    Lindo seu blog, muito lindo seus versos e poesias.
    Estou lhe acompanhando.
    Beijinhos!
    http://mundocolorido2016.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  19. A passar por cá para desejar um ótimo dia.


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  20. A insolvência dum coração inspirada maravilhosamente neste poema! Apesar da tristeza sentida ao longo do poema não deixa a sua beleza ao acaso. Como sempre a tua poesia encanta! Um abraço gigante amiga

    ResponderEliminar
  21. Que a tristeza voe para longe e dê lugar à alegria.
    Um poema encantador
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar