quinta-feira, 12 de março de 2015

Fiquei sozinha neste meu pequeno mundo.

**//**
Fiquei sozinha neste meu pequeno mundo 
Onde apenas  as estrelas me acompanham 
Brilham no meu olhar triste, tão profundo
Quando doem, lembranças que me atacam

Momento escuro em  que está  meu coração
Onde só as estrelas me ouvem e eu confesso
Que jamais te queria deixar sobre tal aflição
Fazes parte das estrelas e todo meu universo

Neste meu pequeno mundo, triste realidade
Onde tantas coisas, podem não ser a verdade
Nesta triste escuridão, tal a agonia que sinto

As estrelas iluminam o meu triste caminhar
Parei neste caminho para me ajudar a pensar
Confessando às estrelas que de ti, gosto muito
***
Cidália Ferreira

19 comentários:

  1. Oi Cidália,
    Que poesia linda, mas triste!
    As estrelas são para admirar e não para recordar.
    Doeu até a alma
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  2. Oh querida Cidália que chegaste amargurada e soltaste as mágoas do teu coração! Sozinha no "teu mundo", assolada por memórias de outrora e com as estrelas como testemunhas, não deixaste de escrever uma poesia...mesmo na amargura as tuas palavras encantam pela carga emotiva que emanam...Adorei...mas quero que deixes de estar só...que penses nas coisas boas que estarão para vir...um grande abraço para ti

    ResponderEliminar
  3. O mundo é grande mais as vezes ele se torna pequeno diante de nós, Cidália beijos.
    Blog /Fan Page / TSU/

    ResponderEliminar
  4. Uma poesia triste e repleta de saudades.
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Lindo Soneto!
    Saudades, ah, doem demais!
    Abraços linda amiga poetisa!

    ResponderEliminar
  6. Solidão eu odeiooo essa danada

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  7. Um poema na beleza das estrelas, mas com uma mágoa qualquer.
    Muito bonito. Imagem dinina.
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Quando nos sentimos sós, até as estrelas nos servem de ouvintes de toda a dor e mágoa que sentimos...
    Belo poema! E a imagem também é muito bonita.
    xx

    ResponderEliminar
  9. Poema muito bonito notando-se que foi escrito através da voz do coração.
    Gostei muito.
    Beijo

    ResponderEliminar
  10. Ah, solidão vai embora, kkkk .Lindo poema
    Beijos Ci

    ResponderEliminar
  11. Ah, solidão vai embora, kkkk .Lindo poema
    Beijos Ci

    ResponderEliminar
  12. Hola, recién incursiono en el mundo bloguero y me encantaría invitarte a conocer mi sitio!
    Yo encantada de llegar al tuyo y con tu permiso me quedo para seguir tus publicaciones.
    Muchos cariños Ƹ̴Ӂ̴Ʒ Ƹ̴Ӂ̴Ʒ Ƹ̴Ӂ̴Ʒ

    http://bajolalupadegiglio.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  13. Você sabe colocar lindamente as emoções, Cidália...elas brotam espontâneas de seu mundo particular, em versos sentidos e belos.
    Um abraço com carinho!
    Bíndi e Ghost

    ResponderEliminar
  14. Que máximo sempre arrasando com suas belas palavras

    ResponderEliminar
  15. As estrelas são companheiras inseparáveis da noite.

    brendovieira.blogspot.com

    ResponderEliminar
  16. Boa noite, Cidália.
    Existem momentos em que as aflições tomam conta de nós e nem sabemos o que fazer, o amor fica um pouco machucado, ferido, precisando de um consolo que não temos para dar, uma vez que não estamos em nosso norte.
    Quando amamos verdadeiramente, mesmo com todas as tribulações, certamente certa hora, as estrelas iluminarão todo o caminho, enquanto isso, é a escuridão que vivenciaremos.
    Tenha um fim de semana de paz.
    Beijos na alma.

    ResponderEliminar
  17. Passando pra ti deseja um bom final de semana
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  18. Oi Cidália,
    Passando par lhe desejar um bom fim de semana.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  19. Cidália
    nunca ninguém está completamente só...
    um bom fim de semana.
    beijo
    :)

    ResponderEliminar