segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Recebo em minhas mãos mágoas em sofrimento

Voam  pensamentos da palma das minhas mãos
Como sentimentos que mostram uma realidade 
Guardo em mim  momentos que não serão vãos
Porque o meu coração demonstra solidariedade 
.
Fica  tudo tão  negro à nossa volta, falta alegria
E a coragem de seguir  em frente. Vais conseguir
És vida, és fonte da minha inspiração, és mestria
És todo um sentimento guardado em mim, a fluir
.
Recebo em minhas mãos mágoas em sofrimento
Aconchego ao meu coração momentos de revolta
Acreditar que teu caminho seja leve no momento
Porque o sofrimento atenua, mas não  terá volta
.
Deixa-me acarinhar  teu coração que tanto sofre
Deixa-me sussurrar-te, não mergulhes na solidão
És meu  pensamento, o meu alento, és meu cofre
 És tanto, que teu  sofrimento  abala meu coração.
****
Cidália Ferreira.

31 comentários:

  1. Ninguém gosta de ver o outro sofrer.Linda poesia!" bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Por vezes é mais dificil ver os outros sofrer do que nós próprios...
    Um beijinho, gostei muito!

    ResponderEliminar
  3. Um coração que sofre por outro coração. Tão melancolicamente belo!
    Uma boa semana, Cidália.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Sofrer em duplicado é uma dor ainda maior.

    Magnífico e melancólico poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Poderoso poema!!!!
    Emoções fortes num poema muito bem estruturado, com uma imagem magnífica e em perfeita harmonia com o mesmo!
    Adorei amiga...como sempre elaboraste um poema que não deixa ninguém indiferente.

    Um abraço e boa semana!

    ResponderEliminar
  6. Um belíssimo poema, Cidália, com versos como estes:

    "Recebo em minhas mãos mágoas em sofrimento
    Aconchego ao meu coração momentos de revolta"


    Uma ótima semana.
    Beijos. Pedro.

    ResponderEliminar
  7. É doloroso ver o sofrimento do outro, uma imagem incrível, poema maravilhoso, Cidália bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  8. Melancólico y hermoso poema, Cidalia
    Tiempo sin visitarte, pero como siempre, me voy degustando tus letras.
    Mi beso

    ResponderEliminar
  9. O teu poema voou nostalgicamente, acariciando um coração sofrido.
    Mais uns versos emocionantes.

    Beijos Cidália

    ResponderEliminar
  10. Sei muito bem o que é esta dor.
    Linda poesia.
    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderEliminar
  11. Um poema sofrido e muito intenso.

    Um beijinho solidário Cidália

    ResponderEliminar
  12. Muito triste ver alguém sofrendo Cidália!
    Seu poema está lindo e essa imagem bem tocante.
    Desculpe a demora de comentar,sai com minha filha.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  13. Fico sem palavras...
    Há laços de empatia que unem as pessoas que não se conhecem, mas que sentem a dor do outro.
    Abraço com carinho.
    Alexandra

    ResponderEliminar
  14. A dor que emana de cada verso deixa-me sem palavras
    Teu belo poetar é comovente minha querida
    Beijos

    ResponderEliminar
  15. Lindo poetar por aqui, embora seja mesmo muito doloroso ver a pessoa amada em dores e sofrimentos, nossa, isso magoa, nos mata, tomara que seja só em versos, para de forma geral mostrar o quanto vale o amor, esse sentimento sublime que sendo verdadeiro é para todos os momentos, bons ou ruins!
    Abraços linda amiga!

    ResponderEliminar
  16. a partilha da dor
    é tanto
    é amizade e amor

    muito nostálgico

    beijinho

    ResponderEliminar
  17. Já sabe que gosto imenso da
    sua poesia e também gostei
    muito desta imagem.
    Boa terça-feira de Carnaval.
    Bjs.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  18. Essa empatia é tão natural, espontâneo por quem se gosta, a quem nos dedicamos, em pensamentos, palavras e obras. Não nos custa nada, sua dor é nossa dor, assim como a alegria também. O outro uma extensão nossa, nossa aposta, tudo de bom. Beijos, Cidalia.

    ResponderEliminar
  19. Oi Cidália
    Você escreve poesia como estivesse bebendo água
    Linda
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  20. Outras palavras para quê? Assim, de forma brilhante, escreve uma grande poetisa. Amei o poema

    Bjo

    ResponderEliminar
  21. Cara amiga Cidália, eis mais um belo poema, repleto de de paixão e musicalidade.
    Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  22. Quanto sentimento contido nas palavras deste tão belo poema
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  23. Um maravilhoso poema, passando uma mensagem linda de carinho, conforto, solidariedade...
    Para ler e reler...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
  24. Belas linhas sempre arrasando. bom final de semana, obrigado pela visita.
    Blog:https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  25. O sofrimento é um sentimento que não agrada e pior ainda quando está no coração de outras pessoas as quais nada podemos fazer para aliviar por mais que levemos palavras de consolo.

    Convido você a visitar o meu outro blog que estou reativando após longos meses sem postar. Deixei lá um texto para leitura e debate. Bjs
    http://cafefeminices.blogspot.com.br/2017/03/mulheres-que-reclamam.html

    ResponderEliminar
  26. Lindo o teu poema.
    Parabéns pela escrita.
    É sentida e faz se sentir.

    beijito

    ResponderEliminar