segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Meu rosto mostra o desejo inebriante

Não sinto o calor da  tua pele suave
Não sinto o sabor  dos beijos doces
Não sinto a tua  presença, qual ave
Que nos fazem uns loucos, precoces
.
Não sinto, mas  imagino tal  doçura
Dos teu lábios carentes, tão meigos
Que loucamente me deixam ternura
Mesmo sendo em pensamentos leigos
.
Meu rosto mostra o desejo inebriante
Os teus lábios, o carinho contagiante
Que num desejado encontro, sonham
.
Fecho os olhos e deambulo pelos céus
Sonhando ter-te debaixo de meus véus
Guardando nossos rostos que se olham
****
Cidália Ferreira 

27 comentários:

  1. Olá Cidália.
    Gostei de "Meu rosto mostra o desejo inebriante". Um belo soneto. Parabéns.
    Uma ótima semana.
    Abraços.
    Pedro.

    ResponderEliminar
  2. Magnífico soneto onde se sente a dor e saudade da pessoa amada.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Olá Cidália,

    como não se apaixonar e guardar as lembranças eternas da pessoa amada.
    Belo poema minha amiga.
    Linda e abençoada semana.
    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderEliminar
  4. Cidália, parabéns por mais este belo soneto de amor.


    Um beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  5. Muito belo e doce momento de poesia.
    Sempre muito em inspirada, num sentimento muito pessoal.
    Parabéns amiga e o desejo de uma muito Feliz semana ....
    Beijinho !!!!!!

    ResponderEliminar
  6. Lindíssimo. Dá felicidade ao coração ler o que escreve numa poesia maravilhosa
    Beijinhos poéticos

    ResponderEliminar
  7. Que poema apaixonante amiga! Pleno de desejos ardentes que nos deixa a alma mesmo inebriante!
    Muito bem construído e com a tua nota pessoal que já todos conhecemos e adoramos.
    Um abraço carinhoso e feliz semana

    ResponderEliminar
  8. Bonito soneto. Gostei.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  9. Maravilhoso amei, Tenha um semana abençoada. obrigado pela visita.
    Blog:https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  10. Lindo,apaixonante,quente,magistral como todos,querida amiga poeta Cidália!

    O que dizer mais dessa pérola? Bravo! Parabéns!

    Esse é seu dom,amiga!

    Obrigada pelas visitas e carinhosos comentários.

    Deus a abençoe.

    Uma semana de paz profunda

    Beijos sabor carinho

    Donetzka

    ResponderEliminar
  11. Oi Cidália,
    Lindo soneto
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  12. Um belo soneto de que gostei bastante de ler minha amiga, muito bom este trabalho.
    Um abraço e boa semana.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  13. Amiga sempre arrasando nas suas poesias amo, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  14. Belo soneto, cara amiga Cidália. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

    ResponderEliminar
  15. Lindo, sempre lindos poemas, hoje nos presenteia com um soneto!
    Palavras que saem sem esforço por seres uma poetisa de talento ímpar!
    Abraços apertados e obrigada sempre pelo carinho lá no meu espaço!

    ResponderEliminar
  16. O farejar do desejo é mesmo espetacular.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  17. OURO DE LEI NA NOSSA TRAVESSA

    Depois de vários lamentos, críticas e, mesmo, de algumas tentativas de agressão originados pelo último texto A velha e o cão cujo final foi abundantemente censurado, publico hoje OURO DE LEI que termina em felicidade risonha e total. Ficaria muito satisfeito se os comentários desta feita fossem mais agradáveis. Peço, ainda, o subido obséquio da divulgação possível desta informação. Muito obrigado.

    Qjs & abçs do Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  18. Oi Cidália
    Seus poemas são sempre lindos
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  19. Um soneto maravilhoso que amei demais. Amiga Cidália boa semana e beijos com carinho

    ResponderEliminar
  20. Nostálgico, apaixonado e belo poema.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar