terça-feira, 2 de agosto de 2016

Fui esperar-te ao cais do meu sonho

Fui esperar-te ao cais dos meus sonhos
Fui levar-te um pedaço de mim
Fui ver o mar, contar-lhe um segredo
Fui ao encontro do teu cheiro a jasmim
Fui sentir a tua presença
Fui atrás da fragrância sentida,
.
Ainda toda a maresia dormia
E as ondas não tinham pressa
Já a tua voz ao longe se ouvia
Enquanto esperava no silêncio do mar
Senti uma brisa, o meu rosto beijar
Que espera, por quem regressa
.
A neblina impedia a chegada
Do sol, que trazia teu rosto,
Fui esperar-te ao cais, enamorada
Com meu sorriso para te oferecer,
Mas não chegavas para desgosto
De quem te esperava em silêncio
Olhando o mar sem esmorecer,
De braços abertos para te receber.
***
Cidália Ferreira.

25 comentários:

  1. Excelente poema com um fim triste.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Que o porto de abrigo,consiga deixar aportar esse grande amor.
    Belíssimas palavras Cidália.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  3. Esos sueños que realzan su presencia.

    Siempre un placer leerte.

    Un beso y feliz día.

    ResponderEliminar
  4. Cidália.. espere um pouco mais.... talvez um contratempo, um problema urgente e incontornável....Essa tua espera é deliciosa...
    Não há homem que vá fazer-te esperar em vão!!!
    Belo e triste poema!!!!

    ResponderEliminar
  5. Olhando o mar sem esmorecer,
    De braços abertos para te receber.

    Com esse final já fico ainda mais sua fã
    elogios poetiza que adoro ler

    Bjuss
    Rita

    ResponderEliminar
  6. Adorei um poema.
    Parece um livro que li.
    Já sigo o blog. Se puder seguir de volta, agradeço.
    Beijão.

    canaleusendoassim.blogspot.com

    ResponderEliminar
  7. Lindíssima poesia,Cidália! um beijo,chica

    ResponderEliminar
  8. Cara amiga Cidália, belo poema com a marca contundente do teu estilo: vigoroso, vibrante, apaixonado e ecológico, enfim; um belo momento lírico. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  9. Que maximo amei o sonho nos leva para outra vida
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  10. Inspirada sempre estás, pois com esses versos não há quem não se sinta tocado!
    O mar que tens por perto te dá toda essa capacidade de poetizar e eu aqui me deleito em te ler!
    Abraços bem apertados linda amiga!

    ResponderEliminar
  11. Olá, Cidália!

    Todos temos cais dos nossos sonhos e os devemos, sempre ter, caso não, a vida perde o seu interesse e graça.

    Muito bonito e bem estruturado o seu poema e com sequência mto boa. Enfim, o seu eu-lírico foi até ao cais esperando o seu amado, na melhor das intenções, mas ele não apareceu, não chegou. A vida é assim, feita de alegrias e tristezas. Pensemos que, amanhã, irá ser melhor.

    Sim, já voltei de férias, mas continuo em férias, ainda, no melhor hotel do mundo, k é a minha casa. Agradeço os seus elogios (quem não gosta?) mesmo um pouco exagerados.
    Qdo mais nova, fui modelo fotográfico, rosto, sobretudo. Foi um tempo de mto glamour e sedução.

    Beijos e dias de mta luz.

    ResponderEliminar
  12. Gosto de vir por aqui e ler coisas tã lindas e profundas, beijos

    http://www.ritinhaangel.com.br/

    ResponderEliminar
  13. Um poema para a espera... que o mar o traga e a espera um dia tenha fim.
    Que sua quarta-feira seja leve, iluminada e feliz.

    Beijos de {Λїta}_ST

    https://odiariodaescrava.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  14. Por muito desejar um sonho ele muitas vezes se realiza. Lindos versos. Bjusss

    ResponderEliminar
  15. Lindeza... lindeza... lindeza. Parabéns, Cidália. Beijos.

    ResponderEliminar
  16. Inspiração e sensibilidade sobre a vida
    e os sentimentos fazem parte da sua boa poesia.
    Bjs.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  17. Belissimo poema! Gostei de ler.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. OI Cidália,
    Uma das mais belas poesia que leio.
    Beijos no coração
    Minicontista2

    ResponderEliminar
  19. Olá Amiga Cidália.
    Tenho estado ausente pelas razões que te contei. Agora mais aliviada de certas coisas e com um pouco mais de tempo, resolvi fazer-te uma visita. Deparo-me com um poema lindíssimo, porém com um final tristonho. Mas será por isso mesmo que ficou tão belo.
    Parabéns. Gostei imenso.

    Beijinhos para ti e para os teus filhotes. Tudo de bom para todos.

    ResponderEliminar
  20. Maravilhoso amei
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  21. Oi Cidália,
    Estou lhe devendo a resposta de um comentário seu, desculpa; estava com muita dor
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  22. Que maximo amo os seus poemas
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar