segunda-feira, 25 de julho de 2016

Deambulando pelo calor na noite

Deambulando pelo calor na noite
Pelo silêncio dos meus sentidos,
Preparando meu corpo para te receber
E esperar teu afago em corpo meu,
Deixar escorrer o suor da nossa pele
Rebolar pelos lençóis de pura seda 
Sentir dos nossos corpos, o prazer
Sussurros entre gemidos contidos
Neste meu corpo que deambula no teu,
.
E no calor da noite peço-te mais
Quero entregar-me a ti por inteiro,
Da nossa pele suada sentem-se os ais
Que perturbam todo o nosso silêncio, 
São pensamentos que perduram no tempo
E desejos nossos que tanto ansiamos,
Até o perfume que partilhamos
Nos leva ao mais louco limite,
Num deambular, um só sentimento
Do meu corpo que desejo transmite
Pelo teu, que incendeia o momento.
***
Cidália Ferreira.

25 comentários:

  1. Muito sensual este belo poema minha amiga.
    Um abraço e boa semana.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  2. Hummmm e a noite promete um caldeirão de sensações.... de "más intenções"....
    Que os corpos dos amantes reflitam a paixão que os rondam....
    Belo poema Cidália!!

    ResponderEliminar
  3. Que "reboliço" de sentidos na nossa mente ao ler tão sensual e doce poema!
    FABULOSO!!!!! Como já tenho dito deves "abusar" deste tema, dado que considero a sensualidade um "mundo" tão maravilhoso e que desperta a mente.
    Esta poderosa e sensual imagem arrasa logo antes de começar a leitura e palavra por palavra, emoção por emoção, a nossa mente entra num turbilhão de sentidos.
    Adorei mesmo Cidália, parabéns!
    Feliz dia e bem fresquinho!

    ResponderEliminar
  4. Olá Cidália! O calor dá ao amor uma sensualidade quase que inexplicável. O seu poema é bem o reflexo disso.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. Lindíssimo. Um poema que nos faz vaguear por entre o luar da noite.
    Um tema apropriado para a estação (verão) do ano que atravessamos. Gostei muito.

    Bjuuuuuuuuu

    ResponderEliminar
  6. Lindo e sensual Cidália!
    Adorei como sempre.
    Bjs e uma ótima semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. Versos repleto de desejos e sensualidade.... hummm gortei.
    Bjussss

    ResponderEliminar
  8. Cara amiga Cidália, belo momento poético. Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  9. Lindos versos com um toque sensual de pleno amor. Parabéns peloa bela poesia e um bom dia

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde, enorme sensualidade que se encontra em cada palavra que compõe o lindo poema, parabéns linda poeta.
    Boa semana,
    AG

    ResponderEliminar
  11. Lindo, lindo!
    Poema belo e sensual!
    Beijos, e uma boa semana Cidália!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  12. No entrelaçar das palavras e no deambular na sugestiva «foto de capa»
    Adormecer nesse leito tão profundo faz saltar do Planeta e ir cari noutro Mundo.
    Lindo poema e muito próprio prá época.
    Beijinhos amiga e ....Boa semana !!!!!!

    ResponderEliminar
  13. Ouvi e senti a "sinfonia do amor" neste excelente poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Wonderful post, love it! :)
    Maybe follow for follow? :)

    veronicalucy.blogspot.com
    facebook.com/Veronica-Lucy-1640180546233277/
    instagram.com/weronikawachowiec

    ResponderEliminar
  15. É sempre bom deambular pela sua poesia.
    Desejo muito que se encontre bem.
    Bjs.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  16. Linda poesia!
    Bem inspirada nesta época de muito calor.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. muita sensualidade, é bom, é vida! bjs

    http://notasborradas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  18. OI CIDÁLIA!
    NA BELEZA E SENSUALIDADE DE TEUS VERSOS UMA PERFEITA INSPIRAÇÃO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  19. A passar por cá para desejar um ótimo dia!



    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  20. Um deambular de sensualidade.
    Lindo!
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  21. Poemas de Amor e Paixão, Sensual eu adoro beijo.

    ResponderEliminar