segunda-feira, 27 de junho de 2016

Deixámos que o silêncio chegasse

A praia encheu-se de amor e alegria
O calor invadia nossos corpos carentes
Agitavam-se as águas, murmúrio sem silêncio
O sol radiava em nossos pensamentos
Enquanto a brisa nos passava energia
Os nossos olhos desejavam um beijo,
.
Deixámos que o silêncio chegasse
Que o sol se fosse e a água acalmasse
Olhos no olhos, corpos que tremiam
Denudados, apaixonados, desejosos
Pelo momento que tanto queríamos,
Pedia-te que me abraçasses fortemente
Que me apertasses contra teu peito
Assim, carinhosamente, com teu jeito,
.
Nossos corpos tremiam de emoção, desejo
Meus braços apertavam-te contra mim, não te deixo
Dos nossos lábios saia o mais longo beijo
Os meus saboreavam-te com gosto
O pôr do sol testemunhava o momento
Enquanto no silêncio caíamos no envolvimento.
***
Cidália Ferreira

23 comentários:

  1. O silêncio é o maior companheiro de dois seres quando se amam e se tocam.
    Adorei ler Cidália.
    Bjs e uma linda semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  2. Um belo e magnifico poema e estou de acordo com a Carmen.
    Um abraço e uma boa semana.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  3. Que beleza.Cidália! Linda semana,bjs, chica

    ResponderEliminar
  4. Que a sua semana seja cheia de amor.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde, o silencio chegou para que o belo momento fosse vivido repleto de felicidade no sentir e nos ais..ais, o poema é maravilhoso.
    Boa semana,
    AG

    ResponderEliminar
  6. Amar em silêncio sobre pensamentos e imaginários de sedução. Poema muito bonito.

    ResponderEliminar
  7. A natureza já esperava pelos amantes e tudo estava já preparado.
    Vocês, entre aspas, chegaram e forma tomando espaço no corpo um do outro, até ficarem solidificados e fundidos. Nestes momentos, o silêncio é de ouro.

    Gostei mto do poema e das descrições, k foram acontecendo.

    Beijos e boa semana.

    ResponderEliminar
  8. O silencio nos revela tudo, tenha uma semana abençoada.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  9. Um beijo dado silenciosamente à luz do sol, à beira mar é o início de uma fusão deliciosa... dois corpos que se amam, se querem entregar um ao outro.
    E tuas palavras são um poema de pano de fundo maravilhoso para isso...!!!
    Belo momento romântico!!!

    ResponderEliminar
  10. Poema e imagem se conversam perfeitamente.
    Abençoada noite.

    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderEliminar
  11. O silêncio faz parte da vida dos apaixonados, Cidália bjs

    ResponderEliminar
  12. Oi Cidália,
    Adoro esse tal envolvimento
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  13. Oi Cidália!
    Que ótimo eu já estar aqui!
    E como sempre, você nos presenteando com os encantadores poemas.
    Lindo... e este silêncio acompanhada do amor, é tudo de bom.
    Beijos!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  14. Fabuloso!!!! Que cenário maravilhoso que inspirou este poema....um momento mágico entre dois seres apaixonados!!!! Amiga, pegaste nas palavras certas e colocaste o teu toque sentimental e voilá...um soberbo poema! Adoreiiiii....um beijinho e uma semana fresquinha

    ResponderEliminar
  15. Poema encantador sempre arrasando
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  16. Tão lindo a ponto de dar vontade de estar dentro dos versos, dentro da praia ali criada...
    Tenha uma ótima noite e uma deliciosa quarta-feira.

    Beijos

    https://odiariodaescrava.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  17. Uau!
    Instante mágico lindamente versado.
    Parabéns, Cidália!

    Obrigada pela usual atenção!

    Belos dias.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  18. Quando se ama ,os olhares falam muito mais que as palavras..adoro teus poemas..

    ResponderEliminar