quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Neste lugar sem morada.


Neste lugar sem morada 
Onde fiquei tão sozinha 
Um banco triste sem nada 
Me deu o lugar que tinha 
.
É tão cinzenta esta vida 
Tão carregada de ilusão 
Cada dia a mais sentida  
Que magoa um coração 
.
Sou a brisa, ou sufoco 
Sou estado alma pura 
Sou tanto e tão pouco 
Neste ermo em rotura 
.
Neste lugar abandonado 
Que me ofereceu guarida  
Fiquei olhando o passado 
Pedaços de alma partida. 
***
Cidália Ferreira

16 comentários:

  1. Triste lugar e poesia! Bela inspiração! bjs praianos,chica

    ResponderEliminar
  2. lourdespiedadepatacas14 de janeiro de 2015 às 08:51

    Es a brisa ,nao sufoco nem cinzenta , a vida e' como a encaramos e a vivemos, e sera como quisermos.gostei do poema, mesmo sendo triste.um beijo

    ResponderEliminar
  3. Palavras carregadas de tristeza...
    bjinhos

    ResponderEliminar
  4. Teus versos estão cada vez melhores e mais bonitos!

    ResponderEliminar
  5. Marco Aurélio - Brasil14 de janeiro de 2015 às 11:46

    Mais bonitos, mais ternos, mais saudosos e com uma melancolia que só essa pota maravilhosa sabe arrancar das palavras......

    ResponderEliminar
  6. Parabéns por mais uma belíssima obra, amiga!

    Beijinhos e lindo dia pra você!

    ResponderEliminar
  7. Bom diaaaa Ci

    E que a alegria puxe uma cadeira e sente do seu lado, é o meu desejo hj para vc


    bjokas =)

    ResponderEliminar
  8. Amiga cá estou eu para me deliciar com a sua poesia.
    Desejo muito que se encontre bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  9. Se é um lugar abandonado, o que está aí a fazer um banco de jardim?
    ( Brincando)

    Tanta tristeza Santo Deus. Mas pode?
    Mesmo assim achei o poema belíssimo. Muito bonito mesmo
    Beijo

    ResponderEliminar
  10. O poema é muito bonito como tantos outros...também acho que a tristeza continua. Está na hora de alegrar! bjs.

    ResponderEliminar
  11. Mas que cenário tão cinzento hoje amiga Cidália...um banco isolado no meio do nada...mesmo na bruma o teu poema é lindo...profundo...sentido...vamos levantar desse banco e caminhar ao encontro daquilo que te faz feliz...um grande abraço e uma noite com muita fé no amanhã

    ResponderEliminar
  12. Linda amiga, muitas vezes a tristeza dá essa linda inspiração, rimas maravilhosas, mas espero que logo estejas só nos dando rimas de alegrias!
    Abraços bem apertados!

    ResponderEliminar
  13. A tristeza vem mais depois ela vai embora pode ter certeza, Cidália beijos.

    ResponderEliminar
  14. As vezes o desanimo toma conta, mas a esperança de dias melhores não deve ser perdida.
    Bjussse bom final de semana ;)))

    ResponderEliminar