quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Tentei caminhar sem destino!

...///... 
Tentei caminhar sem destino 
Pelo escuro fresco da noite,
Tentei inverter o caminho 
Caí na intensa tristeza 
Deixei que mais fresca flor 
Morresse no meu canteiro, 
Choram meus olhos de dor 
Por ver fugir uma vida 
Que se escapa de mansinho, 
Tentei levantar o impossível 
Mas caí num precipício  
Que levou assim 
Toda a minha alegria, 
Olho o chão que me foge 
Degrau que tentei subir,
Choram meus olhos por ti  
Quando neste mundo pequeno 
Se perde a razão de viver 
Vontade que não mora aqui,
Tentei caminhar sem destino 
Mas perdi o rumo de mim!
***
Cidália Ferreira

  

27 comentários:

  1. Triste perder o rumo... Linda e intensa, como sempre! bjs, chica

    ResponderEliminar
  2. Lindíssimo!
    Mas é justamente quando perdemos o rumo que encontramos novos caminhos.
    Bom dia!

    ResponderEliminar
  3. Novo poema intenso, carregado de amargura e tão maravilhosamente escrito que nos faz sentir toda essa emoção! A vida não é um mar de rosas...pelo caminho encontramos muitas pedras...no final, com muita força e persistência, com elas construiremos um castelo. Um beijinho grande Cidália e um dia radioso

    ResponderEliminar
  4. Lindo e perfeito poema,apesar de triste.
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Há alturas que parece que o chão quer desaparecer-nos debaixo dos pés, mas basta esperar que o momento passe...:-)
    xx

    ResponderEliminar
  6. Trate de achar a alegria, pq ela não se perde. O que acontece é que damos brecha para a tristeza, ela chega com desanimo, falta de interesse e se a gente não vence a coisa fica feia.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  7. OLÁ CIDÁLIA POIS GOSTO DE MAIS DO TEU POEMA ,MAS PENSO QUE TENS MUITA SORTE APESAR DE TUDO ,EU ADORO TUDO QUE ESCREVES ,MESMO OS MAIS DEPRIMENTES ,MAS AIMIGA ,PARA É FRENTE É QUE É LISBOA ,POR NADA DE TRISTEZA VALEU BEIJOS ,LAURINDA ANJO.

    ResponderEliminar
  8. Poema maravilhoso mais triste, amiga nada melhor que acorda sorrido, alegre
    e ama tudo ao nosso redor e esquecer tudo que faz mal.
    tenha uma semana abençoada Curta e siga o meu canal
    https://www.youtube.com/user/NekitaReis

    ResponderEliminar
  9. Apesar de bonito é um pouco triste
    e me senti dentro dele, mas sei que td passa
    e o tempo deixa melhor elogios pelas palavras

    Bjuss e até mais

    └──●► *Rita!!

    ResponderEliminar
  10. nunca devemos perder o rumos de nós.
    quero mais cor nessa caminhada!
    muito triste e melancólico o teu poema.
    :(

    ResponderEliminar
  11. Triste demais, amiga, então??
    Vamos lá arrebitar

    Beijinho

    ResponderEliminar
  12. Mais um bonito poema. (é tristinho).
    Lembre-se de coisas boas para se alegrar, tritesas não nos pagam as contas não acha?.
    Vamos sorrir com alegria.
    beijinhos..

    ResponderEliminar
  13. Olá, querida Cidália
    Passo pra parabenizá-la pelo Xícara de Ouro, bem merecido...
    Bjs fraternos

    ResponderEliminar
  14. Sempre tao intensos e profundos os teus versos, amiga.
    Parabéns pelo talento!

    Beijos

    ResponderEliminar
  15. Ci, perder o rumo é sempre muito mau...

    Beijinhos e bom dia :)

    ResponderEliminar
  16. As vezes é preciso nosperder... só assim nos encontramos, mais fortalecidos. Bjinhos

    ResponderEliminar
  17. Amiga Cidália, embora triste, seus versos sempre dizem algo, pois nesse mundo muitas pessoas estão sofrendo dores de amor, o poeta tem essa capacidade, nem sempre sabemos se a dor é a que lhe vai no peito ou é a arte sendo usada para expressar todos as dores e alegrias da vida!
    Espero de coração que não seja suas as dores minha linda amiga, pois peco muitas vezes em confundir os versos com a realidade da dor do poeta/poetisa, que nem sempre é a própria dor expressa!
    Só posso lhe dizer que tens uma grande capacidade de criar versos lindos e sensíveis, amo te ler e bem sabes disso!
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
  18. Amiga Cidália, eis um poema denso e inspirado.
    Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

    ResponderEliminar
  19. Magnífico e triste poema!

    A dor de quem perde um amor!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  20. Amiga venho desejar a si, seu marido e mais família,
    um Feliz e Santo Natal.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  21. Triste mas muito belo, como sempre. Oxalá essa tristeza que sentes sejam apenas momentos e augúrio de dias felizes que se aproximam. Acredita e o sol brilhará em teu coração.
    Beijo

    ResponderEliminar
  22. Amiga postagem maravilhosa esta triste mais diz algo que doe no coração
    Curta e siga o meu canal
    https://www.youtube.com/user/NekitaReis

    ResponderEliminar
  23. Belo poema, como sempre, gostei muito da foto, achei linda, beijo amiga

    ResponderEliminar
  24. Tão triste miga, não creio que seja apenas um poema. No entanto é bonito.
    Beijinhos e muita força!

    ResponderEliminar
  25. Llego hasta tu sitio por un comentario tuyo en el blog Vendedor de Ilusiones.
    Versos repletos de melancolía y hermosura.

    Con tu permiso me quedo para seguirte, abrazos desde Uruguay!

    ResponderEliminar
  26. perde-mos o rumo imensas vezes,querida amiga,,,,,mas un dia voltamos a encontrar-lo sem dar por isso.......beijos tudo de bom

    ResponderEliminar