terça-feira, 18 de novembro de 2014

Não quero ficar sozinha.

...**...
Não quero ficar aqui 
Neste abandono, sem ti 
Onde tudo é tão gelado  
Neste meu lago de mágoas, 
Andei sem rumo nem beira 
Andei sozinha à procura 
Não te encontro no caminho 
Encontrei o fim da estrada, 
Sentei-me esperando, o nada 
Recebi aragem gelada 
Salpicos de minhas lágrimas, 
Fiquei ali reflectindo 
Sobre as minhas aflições
Olhei o lago sem fundo 
Pensei em ti meu amor, 
Reflecti, sobre todas as  missões 
Não quero ficar sozinha 
Porque só tu  
És meu amor tão profundo. 
***
Cidália Ferreira



27 comentários:

  1. Un beso preciosa
    [no me funciona el traductor]

    ResponderEliminar
  2. Com um amor grande assim, não hás de querer ficar só! Linda ! bjs, chica

    ResponderEliminar
  3. Marco Aurélio - Brasil18 de novembro de 2014 às 09:37

    Quem tem a coragem de deixar uma poeta maravilhosa como você sozinha?
    Não se preocupe..... nunca ficarás sozinha!!!

    ResponderEliminar
  4. O medo de ficar só está alojado na alma de muita gente e a ti serviu-te de inspiração a uma linda poesia...triste, receosa, pensativa mas bela...gostei muito Cidália mas não receies...nunca ficarás só! Um grande abraço e um dia com muito carinho

    ResponderEliminar
  5. Quem ama nunca está só ... está sempre acompanhada pelo seu doce pensamento
    Poema triste, ansioso, um pouco desolado na frieza da saudade, mas muito bonito
    Beijo

    ResponderEliminar
  6. Amiga não quero também fica sozinha poema maravilhoso.
    Curta e siga o meu canal e TSU
    https://www.youtube.com/user/NekitaReis
    TSU: https://www.tsu.co/Nequeren

    ResponderEliminar
  7. Linda poesia, sozinha, nunca. O amor preenche a vida. Bjs

    ResponderEliminar
  8. A solidão é muito difícil de enfrentar,ninguém quer ficar sozinho.
    Adorei a poesia.

    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  9. Sempre profundo a deixar falar o coração.
    Beijo do amigo Pedras

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde Cida..
    quando estamos sós nos sentimos assim..
    o outro faz falta.. mas não podemos sentir a falta de nós mesmos.. bjs

    ResponderEliminar
  11. A melhor forma de abrandar a solidão, é compor. Ela é uma perfeita inspiradora!
    Lindo amiga!
    Beijos!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  12. oi Ci

    A solidão é danada igual a sdd, elas chegam ficam do nosso lado e querem fazer morada em nossos dias. Uma luta constante travamos contra ambas.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  13. Às vezes parece que estamos sós, mas não estamos.
    Um poema muito bonito e triste.
    xx

    ResponderEliminar
  14. Tristemente belo, minha amiga!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Solidão, por vezes, pode até ser um tapete mágico que nos põe a sonhar, mas quando caímos das nuvens, dói, como dói.

    Vi no poema mais que um canto de lamento, vi uma doce voz do coração chamando aquilo que inevitavelmente lhe faz feliz: o amor.

    Lindos versos, como sempre, Cidália.

    ResponderEliminar
  16. Certamente não irá ficar sozinha ;)
    O tempo cura tudo** muita força!
    http://mypreciouspace.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. É triste, mas tem a sua beleza. Gostei muito, Cidália
    beijos

    ResponderEliminar
  18. A solidão só fica bonita nos versos...
    Bjusss

    ResponderEliminar
  19. Solidão, ás vezes, é vício. O remédio é aquecer o coração com presença do amor *-*
    Lindo, lindo!

    Beijo'os

    ResponderEliminar
  20. Um poema com uma mensagem muito forte.

    Felicidades
    MANUEL

    ResponderEliminar
  21. Sozinha jamais ficarás querida,
    Beijos, aqui em Sampa é feriado nacional é dia Dia da Consciência Negra é comemorado em 20 de novembro, aproveitarei para viajar e descansar um pouco
    beijos.

    ResponderEliminar