sexta-feira, 31 de outubro de 2014

No silêncio do meu quarto...

No silêncio do meu quarto, eu escuto
O ruido da solidão e a minha vontade
De não desistir de brincar, e usufruto
Dos nossos carinhos que sinto saudade

Espero-te, na imensidão do meu desejo
Pelas tuas carícias que me fazem sentir
Meu corpo fogoso, que às vezes festejo
Para ti, sensações de desejo sem mentir

No silêncio da minha solidão que espero
Pela tua chegada... ou então desespero
Desnudada, entre brincadeiras, afeição

Arrepias  meu corpo, com cada  palavra
Aqueces minha alma, um fogo que lavra
No meu corpo, que silencia meu coração.
***
Cidália Ferreira

28 comentários:

  1. Belíssima inspiração,Cidália! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Belo. Mais um belo poema que nos deixa inquietantes.
    Obrigado amiga por todo esse sentimento. Queremos mais assim!!!!!
    Beijinho e uma Feliz tarde !!!!!!

    ResponderEliminar
  3. No silêncio do quarto é que soam as maiores orquestras dentro de nós...

    ResponderEliminar
  4. Olá já partilhei tanta coisa que já não sei que dizer ,pois és e sempre serás é minha poeta favorita ás vezes vejo poemas no face ,que me aborrecem e tu nunca ,parabéns beijos laurinda anjo.

    ResponderEliminar
  5. É no silêncio do quarto que sentimos solidão ou saudade, Cidália beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  6. O silêncio nos fala em sussurros,a saudades que sentimos..
    bjs amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. É no silêncio das palavras que ouvimos a voz do nosso coração
    Gostei muito...
    Deixo um beijo

    ResponderEliminar
  8. No silêncio....inspiraste-te para mais um maravilhoso poema...é no silêncio que fazemos uma reflexão profunda da nossa vida e sentimentos...uma poesia linda saída desse momento silencioso...gostei muito Cidália...um grande beijinho

    ResponderEliminar
  9. Nem sei de onde sai tanta inspiração, tanto talento, para por no papel sentimentos de forma tão intensa....
    MARAVILHA!!!!!

    ResponderEliminar
  10. Que belo poema mais a solidão não é muito boa,
    Siga e curta o meu canal Nekitareis.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  11. Inesgotáveis momentos de sedução nos silêncios dos quartos... Belo e sensual poema!
    Abraço.

    ResponderEliminar
  12. Cidália, um maravilhoso poema, adorei.

    Beijinhos amiga.

    ResponderEliminar
  13. Belissimo este seu poema, Ci !!

    Abraços e bons sonhos :)

    ResponderEliminar
  14. Que maravilha de poema... quem não gosta? Adorooo
    Bjus

    ResponderEliminar
  15. Olá
    Parabéns pelo teu poema...Gostei demais
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Olá Cidália
    É no silêncio que ouvimos a voz do coração. Belo poema amiga. Bjs

    ResponderEliminar
  17. Um poema cheios de sentimentos.
    Adorei no silêncio do meu quarto...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  18. Nos silêncios do quarto, tanto se pode acontecer ;))
    Lindos os teus escritos!!
    Beijoo'o

    ResponderEliminar
  19. é no silêncio que se ouve o nosso coração....

    :)

    ResponderEliminar
  20. Lindo Cidália. Obrigada por sua doce presença no meu cantinho me deixa sempre alegre. Tia Preta foi uma mulher guerreira. Bjs

    ResponderEliminar
  21. Olá Cidália, bem bonito seu poema. Beijos. Bom final de semana♥

    ResponderEliminar
  22. Quem ama sempre espera....
    A espera as vezes é longa mas compensa.

    bjokas e um lindo fds pra vc =)

    ResponderEliminar
  23. Beijos Cidália, ótimo final de semana a vc.

    ResponderEliminar
  24. Bom dia, no silencio do quarto transforma-se um lindo salão de dança, poema maravilhoso.
    AG

    ResponderEliminar
  25. Hoje é dia de deixar uma frase pra vc!

    Deus é capaz de trocar reinos por ti, abrir mares pra que possas atravessar e se preciso fosse daria novamente a vida por ti!
    Deus só não é capaz de deixar de te amar...
    Acredite!!

    Padre Fábio de Melo

    Bom final de semana
    Bjuss com meu carinho de sempre

    └──●► *Rita!!

    ResponderEliminar
  26. ¡Hola Cidália!!!

    Que belleza de silencio! Me enamoran tus sonetos. Son de lujo.
    Gracias por darnos tanto y tan bello
    Gracias también por dejar tu huella en mi poema de Prosas poéticas J-R Viviani.

    Un abrazo y se muy muy feliz.

    ResponderEliminar