sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Anda...segue comigo as minhas pegadas


Anda, vem seguir comigo as minhas pegadas
Que aceleram cansadas sobre chão molhado
Com firmeza das minhas palavras silenciadas
Que procuram razões, no sentimento chorado

Procuro-te pelo deserto do areal, olho o mar
Onde as águas se agitam sozinhas para mim
Num olhar, eras tu no teu barco a navegar
Sorrindo e dizendo, nosso amor não terá fim

Anda, vem seguir as pegadas que largam odor
Do teu amor que me entra, provocando calor
Levando-nos a voar num  mar de imaginação

E quando minhas pernas que te procuram, nuas
Sem cansaço,  vontade de se enrolarem nas tuas
É esta espera incerta, que marca o meu coração.
***

Cidália Ferreira

19 comentários:

  1. Algumas esperas são incertas, mas precisamos ter fé!

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  2. Bom antes de mais devo dizer, (para não parecer que não sei dizer mais nada) que sempre tive grande dificuldade em comentar poesia. Penso que poesia se sente e cada um a sente consoante a sua sensibilidade. Daí que apenas posso garantir que gostei do poema, ou não gostei (neste caso gostei) e achei bonito ou não. Peço desculpa se mais não sei dizer.
    Um abraço e bom fim se semana

    ResponderEliminar
  3. Lindo esse convite ao amor! bjs, ótimo fim de semana,chica

    ResponderEliminar
  4. Fé em tudo que parecer ser incerto.
    Muito lindo amiga Cidália.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. O ser humano tem esta predisposição de esperar algo para si a todo instante, principalmente no campo do amor... Eu gosto muito da sua forma de escrever, Cidália. E este teu escrever está cada dia mais aprimorado. Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Lindo...lindo...lindo Cidália...revejo-me neste poema...à procura de certezas na vida, caminhando no deserto do areal nas primeiras horas da manhã...adorei este poema repleto de sensibilidade com o teu toque muito pessoal...um grande abraço

    ResponderEliminar
  7. Muito lindo..... Cidália...de tantos poemas lindos que tem escrito, este é mais um para o próximo livro!
    Bom fim de semana
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. Que esse amor que sonhas consiga seguir as tuas pegadas de ... amor
    Fica feliz

    ResponderEliminar
  9. Nice blog!
    Please enter my international giveaway: Sandy Sandhu

    ResponderEliminar
  10. Lindo, amo praia, caminhar deixando leves pegadas que precisamos nos apressar para amar senão as águas do mar apagam!
    Abraços amiga linda!

    ResponderEliminar
  11. Que linda poesia amiga, e qualquer hora alguém especial seguirá as suas pegadas...
    Beijos e um ótimo final de semana!
    Mariangela

    ResponderEliminar
  12. Belo poema, Cidália!
    Alguém seguirá sempre as nossas pegadas, só que nós às vezes nem reparamos.
    Muito bonito.
    xx

    ResponderEliminar
  13. Esperas incertas, portas entreabertas, conversas que ficaram por terminar, doem...
    Lindo demais teus escritos, e ouvindo essas músicas altamente românticas, não tem como não querer morar aqui!!

    Beijoo'os

    ResponderEliminar
  14. Muito lindo, sem dúvida. Muita e bela imaginação....Gostei,

    Que esse caminho
    Sonhado
    Possa um dia
    Ser encontrado.

    Bom fim de semana, amiga poetiza !!!!!!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  15. Lindo! Esperar alguém com esperança.
    Bjs

    ResponderEliminar
  16. Um poema muito bonito, com um convite irrecusável...gostei muito
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Magnífico poema de amor...um convite irrecusável

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  18. Poema encantador arrasou, Bom final de semana.
    Siga e curta o meu canal Nekitareis
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  19. Que poema maravilhoso, Cidália
    Gostei muito!!

    Bom fim de semana
    Beijinhos

    ResponderEliminar