quarta-feira, 23 de julho de 2014

Brilham meus olhos de saudade...

**//**
Brilham meus olhos ao sentir o perfume
Sorriem quando te falam, sentem alegria
Tristes por te atormentar com queixume
Fértil imaginário,  faz parte do meu dia

Brilha meu olhar ao pensar que te abracei
Saudades que ficaram de outrora, eu senti
Ficou dentro de mim o beijo que imaginei
Nos teus olhos vi a vontade que havia em ti

De limpar lágrimas derramadas, silenciadas
Nesta solidão teimosa parecem apaixonadas
De uma alegria acabada afundada em tristeza

Brilhavam por um carinho que sonhavam ter
Nos sonhos imaginários tudo serve para dizer
Brilham meus olhos, de saudade... e fraqueza
***
Cidália Ferreira


23 comentários:

  1. Muito linda a suas mensagens está lindo!
    Brilhavam por um carinho que sonhavam ter
    Nos sonhos imaginários tudo serve para dizer
    Brilham meus olhos, de saudade.... minha mãe e meu irmão foi muito cedo ... Eu não tive tempo de dizer o quanto eu te amo! eram apenas lembranças ... que estão localizados me esperando quando eu voltar e me abraçar ... como se o tempo não tivesse passado ... beijo.
    http://www.ficarbem.com/

    ResponderEliminar
  2. Que lindo,Cidália!!Saudade inspiradora! bjs praianos,chica

    ResponderEliminar
  3. Saudade do imaginário! Muito inspirador e cativante! Sonhar com ansiedade no desejado! GOSTEI

    GABY

    ResponderEliminar
  4. Que lindos versos nesse belo soneto, saudade, ah, sempre a nos inspirar e este poema está lindo demais abraços linda amiga!

    ResponderEliminar
  5. Lindo!
    Lindo!
    Amei!
    Pois éh fiquei um tempo sem entrar muito no blog, e agora que estou voltando com inspirações antes me faltou um pouco de criatividade!
    E Parabéns pelos livros fico muito feliz mesmo te desejo sucesso, e tem como eu adquirir um livro aqui no Brasil?
    Se tiver me avisa e quanto sai!
    Bjos
    http://meninadivadamodaoficial.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  6. muitas vezes saudades do que nao temos.....do que perdemos sem saber como ,saiu pelos dedos sem nada termos feito para tal...enfim saudades,um beijo amiga lindo

    ResponderEliminar
  7. Que bonito, nossos olhos dizem muito.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  8. Bom dia, Cidália seu soneto mexe com as mais íntimas emoções.
    Senti uma lágrima a correr pelo meu rosto e percebi literalmente que meus olhos também estavam brilhando de saudades. Muito lindo seus versos. Tenha um lindo dia. Grande abraço!

    ResponderEliminar
  9. Lágrimas que caem deixando um brilho no olhar de saudades.
    Adorei o poema amiga Cidália,muito lindo.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  10. Oi Cidália, tá todo mundo triste hoje....
    Uma poesia mais triste que a outra. Pôxa assim vou ficar pior do que estou.
    Dê graças a vida que Deus nos deus, o resto, é resto...
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  11. Sempre inspirada navegando nas asas do imaginário
    Gostei muito
    Beijo

    ResponderEliminar
  12. Rosaria Marques Marques23 de julho de 2014 às 17:37

    Brilhavam por um carinho que sonhavam ter
    Nos sonhos imaginários tudo serve para dizer
    Brilham meus olhos, de saudade... e fraqueza...."Amei",poema lindissimo amiga. Um beijinho. Continua a voar nas asas do imaginário

    ResponderEliminar
  13. LIndo poema até onde nos leva a imaginação aliás adoro todos muito obrigada linda beijos muita força para continuares,eu fico esperando,laurinda.

    ResponderEliminar
  14. A imaginação presente no poema nos faz imaginar também bons momentos.
    abraço

    ResponderEliminar
  15. Muito lindo o poema e nos remete ao imaginário de saudade da pele, do cheiro, dos beijos.Sentimos saudade de certos momentos da nossa vida, e de pessoas que passaram por ela e que não voltam mais como diz o nome do seu poema; Brilham meus olhos de saudade...
    Abraços e tudo de bom.
    Lorena

    ResponderEliminar
  16. Muita saudade, saudade demais...E a fraqueza não pssa por vezes de uma grande força.
    xx

    ResponderEliminar
  17. Oi Cidália
    Estou voltando devagarinho e vim ler seu poema que é uma das minhas saudades.
    um abraço

    ResponderEliminar
  18. Lindo poema! Parabésn!

    E na oportunidade venho pedi o vosso voto afinal já começou a 2ª Fase do 9º Pena de de Ouro... VOTEM COM O CORAÇÃO...http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com.br/.
    Desde já poetas e poetisas agradecem.
    Não se esqueçam de colocar o link de seu blog.

    Bjsss

    ResponderEliminar
  19. Cidália : o poema é lindo!
    Deixa-me sem palavras :-(
    Bjs

    ResponderEliminar
  20. Mensagem maravilhosa saudade boa é muito bom
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  21. Dos olhos, nada escapa. Lindo soneto, bjinhos.

    ResponderEliminar
  22. Bom dia Cidália,
    A saudade, sempre a saudade, tormento dos homens, inspiração de poetas. Tantas vezes cantada, tantas vezes chorada.
    Bjo amigo

    ResponderEliminar