quarta-feira, 7 de maio de 2014

Silenciosamente vagueio

 **//**
Silenciosamente vagueio,
Por entre caminhos sem fim,
Um olhar sobre o que não vejo,
Que docemente desejo,
Um beijo, e companhia,
Para um passeio à natureza…
Quero libertar esta ansiedade,
E as lágrimas, de saudade…
Ouço o cantar dos passarinhos,
O chilrear dos seus filhinhos,
Quando ramos abanam dançando,
O vento sopra em tom de melodia,
Vou andando, vou pensando,
Vou ao encontro, do sol,
Do ar puro, e do amor,
Vou gritar sozinha ao vento,
Pelo teu nome no momento,
São devaneios ou tormentos,
Com saudades daquele tempo,
Em que silenciosamente,
Fazíamos dos momentos,
O mais lindo sentimento!
***
Cidália Ferreira

21 comentários:

  1. Lindo e doce poema..Bom vaguear assim! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  2. Bom dia, Cidália. Passear e deixar a mente solta é tão bom! Um exercício para a alma, uma evocação de boas lembranças e bons anseios.
    Linda poesia!

    ResponderEliminar
  3. Amiga bom dia poema perfeito amei
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  4. Poema muito bonito, fresco, qual maravilhosa passagem pelos recantos acolhedores da natureza.
    Se precisares grita, grita...que o vento levará esse grito até ao coração de quem amas

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. É Cidália, as vezes ficamos meios perdidos. Bom dia.

    ResponderEliminar
  6. Oi Cidália,à cada dia seus versos são mais encantadores.
    bjs amiga
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  7. Bom dia Ci

    Quanta doçura!!

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  8. Linda caminhada, Cidália.

    Amiga do vento e soprando versos...

    Uma abraço!

    ResponderEliminar
  9. Um poema muito sedutor
    Felicidades

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde, a caminho do amor na bela caminhada, amor que surge depois da curva da estrada, nunca deixe de caminhar, caminhe sempre com muita motivação.
    Dia feliz
    ag
    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Oi Cidália,
    Respondi 2 comentários e fiquei sem internet até agora a pouco.
    Menina você está escrevendo bem demais...
    Pena que mora muito longe do Brasil
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  12. Magnífico poema , onde a saudade de um amor vivido é uma constante.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  13. OI CIDÁLIA!
    FALANDO DE SAUDADES E DE MOMENTOS COMPARTILHADOS COM O AMOR, FIZESTE ESTE BELO POEMA QUE AGRADOU MUITO A TODOS QUE O LERAM.
    QUE O LANÇAMENTO DE TEU LIVRO SEJA UM SUCESSO.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  14. Belo, Cidália. Um poema refrescante!
    xx

    ResponderEliminar
  15. Amo seus poemas,Cidália. O amor e lirismo sempre presente.

    Você terá muito sucesso com seu livro,minha linda.

    Obrigada pelas visitas e Feliz Dia das Mães

    Beijos e uma semana de alegrias

    Donetzka

    Face Book:


    https://www.facebook.com/donetzka.cercck


    Blog Magia de Donetzka


    ResponderEliminar
  16. Um encanto de poema, Cidália!
    Delicioso de ler.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  17. Desejar a companhia, para viver momentos delicados e lindos, como posso ler neste caminhar do poema.
    abraço

    ResponderEliminar
  18. Querida Cidália
    Um belo poema que fala de saudades, enquanto passeia pela Natureza!
    Imagem linda!
    Parece que imaginamos com facilidade o percurso do seu vaguear!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar