segunda-feira, 12 de maio de 2014

Olhei-te...

**//**
Olhei-te...
Na minha frente imaginei
Cruzar o caminho contigo
Esperançosa…
Com a hora da chegada
Abraçada ao que não via
Mas que o carinho sentia
E o coração me sorria
Quando alegremente via
Tua simplicidade, tão bela...
Olhei-te...
E a sonhar  levei-te
Até ao meu imaginário
Num escondido improvisado
Onde corações palpitavam
Com vontade de se tocarem
Em fresca brisa, atrevida...
No olhar do meu sonhar
Um beijo era trocado
Seria nosso, o desejo
Se não fosse o acordar
Entre escombros arejados
De um beijo dado a fugir
Em momentos delirantes
Fica para recordar
Na imaginação do meu sonhar
Que beijei com meu olhar..
*****

Cidália Ferreira

16 comentários:

  1. Existem olhares que valem por mil dizeres
    Existem olhares que representam uma vida
    Existem olhares que são magia e prazeres
    Existem olhares que falam voz sentida
    .
    Adorei o teu poema que como sempre está muito bem elaborado.

    Fica feliz
    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Tantas vezes se beija só com o olhar...:-)
    Muito bonito!
    xx

    ResponderEliminar
  3. Um olhar apaixonado, profundo! Linda poesia! Ótima semana,bjs,chica

    ResponderEliminar
  4. Estes desejos e paixões recônditas na imaterialidade de um amor... Bela obra, Cidália.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  5. Oi Cidália,beijar somente com o olhar,isso é para um grande amor
    à quem doamos esse amar.
    bjs amiga
    Carmen Lúcia

    ResponderEliminar
  6. Apenas um olhar o amor acontece, Cidália passando pra desejar uma ótima segunda-feira pra você beijos.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  7. Amiga que bela mensagem amei Tenha uma semana abençoada
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  8. Belos versos líricos, amiga Cidália. Agradeço aqui tua visita ao meu modesto espaço.
    Na visita tu perguntaste se a narrativa lá postada era real. Respondo: Realmente, houve uma menina que mamou nas tetas da mãe até 11 ou 12 anos. Até esta idade, a menina estudava num colégio próxima à residência e como a mãe tinha uma pequena empresa na própria casa, a menina aproveitava a hora do recreio, dava um pulinho em casa e dava uma mamada. O resto da história eu criei. Amiga, aqui é Brasil, um país onde cenas de vida primitiva ainda acontecem.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  9. Oi Cidália,
    Mais uma linda poesia de amor
    Gostei de ler.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  10. E quantas coisas boas falamos com um
    simples olhar, o Amor é prova disso
    Uma linda poesia gostei

    Abraços de boa semana
    Bjusss
    Rita╭•⊰✿

    ResponderEliminar
  11. O olhar diz muito mais do que quaisquer outras coisas, amei o poema!
    Abraços!

    ResponderEliminar
  12. OI CIDÁLIA!
    QUANDO OS OLHOS FALAM MAIS QUE AS PALAVRAS.
    LINDO, AMIGA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  13. Olá Cidália
    Linda poesia. O olhar é a porta da alma e fala profundamente. Bjs amiga.

    ResponderEliminar
  14. Querida Cidália
    Quando se olha com o coração,tudo pode acontecer!
    Aqui aconteceu um belo poema.Parabéns.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar