quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

"De coração vermelhinho"

De coração vermelhinho
Na palma da minha mão
Cada vez mais miudinho
Carregadinho de emoção

Sendo ele tão pequenino
Mas cheio de sentimento
Ás vezes, requer miminho
Pois padece de sofrimento

Vou querer dividi-lo contigo
Será para sempre um amigo
Que guardas de recordação

Sozinha... vivo  com  medos
Contigo...partilho  segredos
Que nos ficam... no coração

***
Cidália Ferreira



18 comentários:

  1. Lourdes Piedade Patacas26 de fevereiro de 2014 às 08:36

    Também deixo um miminho para encher esse coração: poema lindo !!adorei, Parabéns Cidália, Beijo

    ResponderEliminar
  2. O coração sempre gosta de miminhos...Lindo poema! bjs, ótimo dia! chica

    ResponderEliminar
  3. Amiga bom dia poema perfeito amei.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderEliminar
  4. Lindo poema e bem reflecte no que num coração se pode guardar.
    Tamanho não importa, mas sim a qualidade.
    Parabéns amiga e tenha um feliz dia de sol !!!!!!!

    ResponderEliminar
  5. Um poema,repleto de encantos e mimos.
    Adorei amiga Cidália.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  6. Todo coração deve ser bem cuidado... muito fofo o poema ♥
    Beijos!!

    ResponderEliminar
  7. Bom dia, Cidália.
    Angelical, muito fofinho o seu poema, parece conversa de criança que conserva em si a pureza, amei!
    Todos queremos mimos, eu quero, sempre, rs!
    Tenha um abençoado e feliz dia de paz!
    Obrigada pelo seu carinho de sempre!
    Fique com Deus!

    ResponderEliminar
  8. E quem é que não precisa de mimos?...O pior é que não tem quem os dê...:-)
    Bonito.
    xx

    ResponderEliminar
  9. Que miminho tão lindo e imenso em ser pequenino.

    Um coração repleto de amor.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. oi Ci

    a coisa mais preciosa é nosso coração. Portanto não podemos coloca-lo nas mãos de qualquer um.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  11. Adorei seu jeito de acariciar o coração,usando o diminuitivo.
    Ficou realmente um mimo.
    Lindo Cidália,beijinhos.

    ResponderEliminar
  12. É sempre reconfortante ter alguém para compartilhar nossos momentos.
    abraço

    ResponderEliminar
  13. Querida Cidalia
    E tao bom podermos contar com alguem que nos ajuda a suportar todas as emoçoes!
    Parabens pelo belo poema.
    Beijinhos
    Beatriz

    ResponderEliminar
  14. Poema muito bonito a mostrar toda a tua qualidade de enorme poetisa
    ternura e carinho numa conjugação de ...emoções.

    Beijo

    ResponderEliminar
  15. Oi poesia linda
    Está todinha no diminutivo. Uma doçura!
    Beijinhos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  16. Coração é coisa tão preciosa, não é mesmo? Precisa sempre ser acariciado.
    Lindo, Cidália!

    Beijos no coraçãozinho!

    ResponderEliminar
  17. OI CIDÁLIA!
    UM POEMA "MIMOSO".
    ACHEI DE UMA DELICADEZA ÍMPAR, AMIGA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar